5

Gostaria que a resposta contenha informações sobre:

  • O que são mappers?

  • Como criar um mapper no R?

  • Em que situações mappers são usados (seu papel na programação funcional)?

6

Um mapper é uma função que relaciona elementos de um conjunto com elementos de do mesmo ou de outro conjunto. Isso é um conceito matemático.

Para entender melhor o que é um mapper no contexto de programação precisamos primeiro entender o que é um funcional.

Um funcional é uma função que recebe pelo menos uma função como argumento e retorna um vetor/lista. Existe uma categoria muito importante que funcionais que são os maps.

Essencialmente, um map é um loop escondido. Eles recebem um vetor e uma função e aplicam essa função para cada elemento do vetor recebido. Uma implementação simples em R poderia ser a seguinte:

meu_map <- function(x, f) {
  out <- vector(mode = "list", length = length(x))
  for (i in seq_along(x)) {
    out[[i]] <- f(x[[i]])
  }
  out
}

meu_map(1:10, function(x) x^2)

mapper em programação é o nome que damos para a função que passamos como argumento para os funcionais da classe map.

Ao contrário do que muitos pensam, usar maps em R não está relacionado à performance e sim a legibilidade do código. É mais ou menos a mesma idéia de usar for ao invés de usar while. Também vale notar que em R, só usamos maps quando não existe uma opção vetorizada para fazer a mesma coisa - no exemplo acima o mais certo seria escrever simplesmente x^2.

No R base, criamos mappers da mesma forma que criamos funções, ainda que possamos usá-los como funções anônimas. No caso do lapply que é o funcional mais famoso do R, os mappers são o segundo argumento nas chamadas abaixo.

lapply(mtcars, mean)
lapply(mtcars, function(x) sum(x)/length(x))

O pacote purrr implementa uma forma um pouco diferente de escrever funções anônimas se você for usá-las como mappers.

library(purrr)
map(mtcars, ~sum(.x)/length(.x))

Essa nova notação faz com que escrever funções anônimas seja muito menos verboso, deixando o código mais simples. Neste caso, escrever ~sum(.x)/length(.x) é equivalente a escrever: function(.x) sum(.x)/length(.x). Note que ele sempre assume que o argumento da função tem o nome .x.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.