0

Bom dia a todos estou tentando alterar uma procedure que eu criei para inserir um novo livro em três tabelas a tabelaA tem autoencrement na coluna id_livro, e as tabelas B e C são not null, eu estou usando @@IDENTITY para pegar o último valor de id_livro da tabela A porém ao tentar inserir um livro diz que a coluna id_livro da tabela C não pode aceitar valor nulo, acredito que para tabela C o @@IDENTITY não pega o último valor da tabela anterior alguém poderia me ajudar? e por favor me desculpem se está um pouco confuso sou novo aqui e não sei separar o código do texto.

ALTER PROCEDURE adicionarNovoLivro(
@nome_livro varchar(255),
@nome_autor varchar(255),
@ano_livro int,
@nome_editora varchar(100),
@preco_livro float
)

AS


    BEGIN
        INSERT INTO tbl_LivrosA VALUES(@nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
        INSERT INTO tbl_LivrosB VALUES(@@IDENTITY, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
        INSERT INTO tbl_LivrosC VALUES(@@IDENTITY, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
    END

EXEC adicionarNovoLivro 'Nome na Taverna', 'Álvarez de Azevedo', 1855, 'Editora Abril', 16.96
  • Você poderia criar uma variavel, atribuir o valor @@IDENTITY e após adicionar a variavel aos inserts. – Reginaldo Rigo 5/12/18 às 11:16
  • Bom dia Reginaldo não sei se fiz exatamente como você está propondo mas eu havia tentado fazer isso e também não consegui dá o mesmo erro, funciona o @@IDENTITY somente se eu fizer com duas tabelas ai a segunda o IDENTITY pega o id da anterior com três a terceira tabela fica sem id. – wilder 5/12/18 às 11:24
  • Tente fazer do modo abaixo. – Reginaldo Rigo 5/12/18 às 11:28
  • 3
    Possível duplicata de Como obter a primary key identity de um registro inserido? – Sorack 5/12/18 às 11:28
  • 1
    @wilder O nome correto do escritor é Álvares de Azevedo. – José Diz 5/12/18 às 11:43
1

Você poderia criar uma variável, atribuir o valor da @@IDENTITY a variável e usa-la nos inserts.

Assim:

  ALTER PROCEDURE adicionarNovoLivro(
    @nome_livro varchar(255),
    @nome_autor varchar(255),
    @ano_livro int,
    @nome_editora varchar(100),
    @id_livro int,
    @preco_livro float
    )

    AS
BEGIN
    INSERT INTO tbl_LivrosA VALUES(@nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
    SELECT @id_livro = @@IDENTITY   
    INSERT INTO tbl_LivrosB VALUES(@id_livro, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
    INSERT INTO tbl_LivrosC VALUES(@id_livro, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro)
END
  • Funcionou do jeito que você me propôs só que inseriu 7 vezes os mesmos dados nas tabelas. – wilder 5/12/18 às 11:28
  • Não tem sentido. Você tem um outro problema no seu processo. – Reginaldo Rigo 5/12/18 às 11:33
  • funcionou certinho agora Reginaldo excluir os dados e realizei o procedimento novamente e funcionou corretamente conforme sua dica, eu havia feito algo parecido mas só estava colocando a variável declarada na terceira tabela, mais uma vez fico muito agradecido pela dica tenha um bom dia. – wilder 5/12/18 às 11:37
  • @ReginaldoRigo Dica: neste caso, no lugar de @@identity utilize scope_identity() – José Diz 5/12/18 às 11:40
  • vou testar aqui José esse escope_identity() ele faz algo parecido com o @@IDENTITY? – wilder 5/12/18 às 11:45
0

Você pode usar a cláusula OUTPUT da seguinte forma:

ALTER PROCEDURE adicionarNovoLivro(
  @nome_livro varchar(255),
  @nome_autor varchar(255),
  @ano_livro int,
  @nome_editora varchar(100),
  @preco_livro float
)
AS
BEGIN
  DECLARE @ids TABLE(id INT);
  DECLARE @id INT;

  INSERT INTO tbl_LivrosA
  OUTPUT INSERTED.id INTO @ids
  VALUES (@nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro);

  SELECT @id = id
    FROM @ids;

  INSERT INTO tbl_LivrosB
  VALUES(@id, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro);

  INSERT INTO tbl_LivrosC
  VALUES(@id, @nome_livro, @nome_autor, @ano_livro, @nome_editora, @preco_livro);
END;
GO

OUTPUT

Retorna informações ou expressões baseadas em cada linha afetada por uma instrução INSERT, UPDATE, DELETE ou MERGE. Esses resultados podem ser retornados ao aplicativo de processamento para uso em mensagens de confirmação, arquivamentos e outros requisitos similares de aplicativo. Os resultados também podem ser inseridos em uma tabela ou variável de tabela. Além disso, você pode capturar os resultados de uma cláusula OUTPUT em uma instrução INSERT, UPDATE, DELETE ou MERGE aninhada e inserir esses resultados em uma tabela ou exibição de destino.

Aplica-se a: SQL Server (SQL Server 2008 até a versão atual), Banco de dados SQL do Azure.

  • Entendi agora ficou mais claro ainda, vou estudar mais e testar a cláusula OUTPUT, muito obrigado mesmo. – wilder 5/12/18 às 12:00

Sua resposta

By clicking "Publique sua resposta", you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.