0

Eu preciso criar um algoritmo para que determina em N vezes a derivada de uma função X.

Entretanto eu ainda tenho alguns problemas para implementar funções recursivas, ainda não consegui me inteirar bem da lógica.

Para determinar a derivada da função eu estou usando:

diff(função)

Eu tinha pensando em colocar um

for(x = 0; x < VezesUsuario; x++){ derivar } 

Mas não sei bem como faria pra retornar o resultado do cálculo anterior e calcular a derivada dele. Eu tenho a exigência de faze-lo recursivo, esse é meu problema na verdade.

  • O que precisa fazer é calcular a n-ésima derivada? – Woss 26/11/18 às 17:46
  • @AndersonCarlosWoss isso! De forma que seja recursivo, eu tinha a ideia de fazer um IF, mas não atendia as exigências. – Vinicius Gabriel 26/11/18 às 17:47
4

Uma das formas que você pode fazer é:

  • Receber em uma função diff a função a ser derivada, f, e a ordem de derivação, N;
  • Calcular a derivada g de ordem 1 da função f;
  • Se ordem de derivação N for igual a 1, retornar a função g;
  • Caso contrário, retornar a derivada de ordem N-1 da função g;

Assim, o código ficaria parecido com:

def diff(func, N=1):
    # Calcula a derivada de ordem 1
    # g = func'

    return g if N == 1 else diff(g, N-1)

Assim, se precisar a segunda derivada, será:

  • Será calculada a derivada de ordem 1;
  • Como N é maior que 1, será retornado o valor da derivada de ordem 1 da derivada;
  • Ao calcular a derivada da derivada, N será 1 e a própria derivada será retornada;
  • O valor final será a derivada de ordem 2 da função de entrada;

Deixo para você o desafio de escrever um Teste de Mesa para calcular a derivada de ordem 5 ou superior.


Por exemplo, considerando um monômio composto de coeficiente e expoente:

class Monomial:

    coefficient: float
    exponent: int

    def __init__(self, coefficient, exponent):
        self.coefficient = coefficient
        self.exponent = exponent

    def __str__(self):
        return f'{self.coefficient}x^{self.exponent}'

    def __diff__(self):
        coefficient = self.coefficient * self.exponent
        exponent = self.exponent - 1

        return Monomial(coefficient, exponent)

Podemos definir o monômio 2x^5 fazendo:

p = Monomial(2, 5)

print('Monômio:', p)  # Monômio: 2x^5

Definir a função diff como:

def diff(func, N=1):
    g = func.__diff__()

    return g if N == 1 else diff(g, N-1)

Assim, para calcular a derivada terceira de p, basta fazer q = diff(p, 3), obtendo 120x^2

p = Monomial(2, 5)

print('Polinômio:', p)  # Polinômio: 2x^5

print('Derivada de ordem 1:', diff(p, 1))  # Derivada de ordem 1: 10x^4
print('Derivada de ordem 2:', diff(p, 2))  # Derivada de ordem 2: 40x^3
print('Derivada de ordem 3:', diff(p, 3))  # Derivada de ordem 3: 120x^2
print('Derivada de ordem 4:', diff(p, 4))  # Derivada de ordem 4: 240x^1
print('Derivada de ordem 5:', diff(p, 5))  # Derivada de ordem 5: 240x^0
print('Derivada de ordem 6:', diff(p, 6))  # Derivada de ordem 6: 0x^-1

Veja funcionando no Repl.it

  • Muito obrigado Anderson, consegui resolver meus exercícios, sua demonstração me ajudou bastante! – Vinicius Gabriel 27/11/18 às 10:36
  • Eu vi esse monômio surgindo de um polinômio... – Jefferson Quesado 5/02/19 às 16:09
  • @JeffersonQuesado Shhhh, ninguém viu nada... – Woss 5/02/19 às 16:12

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.