3

Quando chamo a função malloc, aloquei o espaço só pra um char, mas ele funciona para palavras de qualquer tamanho, por isso fiquei confuso

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>
#include <string.h>

int main(){
    char *palavra;
    palavra = malloc(sizeof(char));
    printf("Informe a palavra\n");
    scanf("%s", palavra);
    printf ("%d", conta_vogais(palavra));
}

int conta_vogais (char* s){
    int tamanho = strlen(s);
    char *vogais = {"aeiouAEIOU"};
    int i, j, count = 0;
    for(i = 0; i < tamanho; i++){
        for(j = 0; j < strlen(vogais); j++){
            if(s[i] == vogais[j]){
                count++;
                continue;
            }
        }
    }
    return count;
}
  • Quando você aloca, ele reserva a quantidade na memória do tipo String, sendo que se você digitar apenas uma palavra vai funcionar, agora se você colocar espaço e digitar a segunda palavra não funcionará. Dá uma olha neste link: * Fonte: ime.usp.br/~elo/IntroducaoComputacao/Caracter.htm – Darlan 19/10/18 às 23:51
2

Não querendo satirizar demasiado, começo por dizer isto:

inserir a descrição da imagem aqui

Você viu o resultado que esperava, mas isso não quer dizer que funcione.

O código que tem representa comportamento indefinido de acordo com o manual do C para qualquer string que seja introduzida, pois tem de reservar sempre pelo menos mais um caratere para o terminador \0. Então é como se só tivesse sempre espaço para o terminador.

O que acontece vai depender de inúmeros fatores, mas regra geral toma 3 formas:

  1. Nada visivelmente acontece. A sobreposição de memoria não substituiu nada, e embora pareça sorte é na verdade azar pois você não se consegue aperceber do problema.
  2. Acede zona de memoria protegida e o programa estoira com um Segmentation Fault. Isto é mais normal de acontecer quando a sobreposição é muito grande, como no seu caso se escrever 10 mil ou 100 mil carateres. Este é o melhor cenário pois você apercebe-se rapidamente do problema.
  3. Sobrepõe outros valores na memoria sem estoirar. Este cenário é difícil de detetar e gera todo o tipo de comportamentos malucos, pois acaba alterando outras variáveis que tem na mesma função sem que se aperceba. É precisamente neste ponto que os hackers se aproveitam para fazer ataques de buffer overflow.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.