2

Estou fazendo uma função no PostgreSQL e quero usá-la para checar se uma tabela já existe ou não em um banco de dados e, caso não exista, quero criar a tabela.

O problema está na declaração da função, que recebe um varchar, parâmetro que será utilizado para o SELECT relname e também para o create da tabela.

Segue a função:

CREATE OR REPLACE FUNCTION verificarDb (tb varchar)RETURNS BOOLEAN as
$$
BEGIN
select relname from pg_class where relname = tb and relkind='r';
if not found then
        CREATE TABLE tb
        (
          id integer,
          nome varchar
        );
    return false;
end if;
if found then
return true;
end if; 
END;
$$
LANGUAGE plpgsql;
select verificarDb('tabela');

A verificação não está sendo feita pelo conteúdo do parâmetro tb, mas sim utilizando a string tb. No create também está usando a sigla tb, quero utilizar o nome da tabela passado por parâmetro, como faço?

3

Consegui concluir a função, segue abaixo como ficou o esboço do código:

    CREATE OR REPLACE FUNCTION verificarDb (tb varchar)RETURNS BOOLEAN as
    $$
    DECLARE result boolean;
    BEGIN
     execute format ('SELECT EXISTS (select 1 from pg_class where relname = 
    ''%s'' and relkind=''r'');', tb)
    INTO result;
    if result = FALSE then
      EXECUTE format ('CREATE TABLE "%s"
      (
        id integer,
        nome varchar
      );', tb);

        RETURN FALSE;
      ELSE
        RETURN TRUE;
      end if; 
     END;
     $$
     LANGUAGE plpgsql;
     --teste de função -> select verificarDb('tabela');
1

Experimente da seguinte forma:

CREATE OR REPLACE FUNCTION verificarDb(tb regclass, OUT result boolean) AS
$$
BEGIN
    EXECUTE format('SELECT EXISTS   (
                                        SELECT 1 
                                        FROM   pg_class c
                                        WHERE  relname = ''%s''
                                        AND    c.relkind = ''r''
                                    );', tb)
    INTO result;

    IF result = FALSE THEN
        CREATE TABLE tb
        (
          id    INTEGER,
          nome  VARCHAR
        );
    END IF;
END;
$$  
LANGUAGE plpgsql;

Forma de utilização:

SELECT verificarDb('tabela');

Visto que venho mais de SQL Server, a sintaxe e a estrutura podem ter que sofrer ajustes, mas penso que não será difíci.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.