5

Se let variavel = "valor"; também é compatível em JavaScript, porque na compilação do TypeScript, ele transforma para var variavel = "valor"?

Faça o teste aqui mesmo:

function foo(){
  var x = 1;
  let y = 3;
  if (true){
    var x = 2;
    let y = 4;
    console.log(x); //Irá resultar 2.
    console.log(y); //Irá resultar 4.
  }
  console.log(x); //Irá resultar 2 porque o escopo do 'var' abrangiu toda a função foo().
  console.log(y); //Irá resultar 3 porque o escopo do 'let' abrangiu apenas o bloco, diferente da atribuição na expressão if.
}
  • 2
    Provavelmente é por causa da versão do ECMAScript de destino. – LINQ 20/08/18 às 20:20
  • Eu estava pensando em sair do babel para tsc em node, será que esse comportamento acontece com as ultimas versões do ECMAScript? Pois já virou um padrão o não uso de var em nodejs. – JustCase 20/08/18 às 20:38
  • A resposta resolveu o que estava em dúvida? Precisa que algo mais seja melhorado? Acha que é possível aceitá-la agora? – Maniero 25/08/18 às 17:23

2 Respostas 2

4

Isso ocorre porque o --target (ou apenas -t) por padrão irá converter para ES3, bem semelhante ao ES5, mas tem muitas APIs que não existem nele (apesar que nesse caso depende do navegador) e não irá usar o string mode que é algo do ES5, como é dito na documentação:

O uso do ES3 como padrão provavelmente é para tentar ser o mais retrocompatível possível, claro que isso volta e meia pode implicar em algum efeito não desejado.

Se você acredita que vai usar o typescript só em ambiente que suportarão ES6+ então basta especificar para converter para o desejado, lembrando que let não é do ES5, portanto se deseja usar exatamente como é basta ajustar no compilador:

tsc script-ivan.ts -t ES6

Os targets suportados são:

  • "ES3" (padrão)
  • "ES5"
  • "ES6" ou "ES2015"
  • "ES2016"
  • "ES2017"
  • "ES2018"
  • "ES2019"
  • "ES2020"
  • "ESNext" (esse são todas ultimas funcionalidades propostas em https://github.com/tc39/proposals, o que claro não há garantias de correr em todos ambientes, já que isso é para "converter")

Então esse é o motivo, o padrão por enquanto é o ES3, mas você tem controle total de ajustar para o que lhe convêm.

O typescript também tem muitos ambientes suportados e cada um trabalha de uma forma, então vou tentar resumir, o tsconfig.json é o arquivo de configuração na maioria dos projetos que usam TypeScript, então basicamente você poderá configurar nele como deseja que seja a conversão, exemplo incluindo algumas libs e conversão para ES2019:

{
  "$schema": "https://json.schemastore.org/tsconfig",

  ...
 
  "compilerOptions": {
    "lib": ["es2019", "es2020.promise", "es2020.bigint", "es2020.string"],
    "module": "commonjs",
    "target": "es2019",

    ...
  }  
}

https://www.typescriptlang.org/docs/handbook/tsconfig-json.html

6

Não posso responder de forma autoritativa em específico, mas pelo que conheço de compilação e transpilação, faz algum sentido porque o controle extra que o let dá é o escopo, que o compilador do TypeScript já garantiu ser o adequado, então não tem porque mandar para o código JS algo para ele verificar de novo. Depois que ele sabe que está no escopo certo, quando o código JavaScript é gerado não tem mais motivo para o compilador JS cuidar disso. Seria um trabalho de compilação redundante. Eu imagino que compilar o var no JS seja mais rápido que compilar o let.

O código JS gerado pelo TS não precisa ser robusto, não precisa ser legível, não é para humanos, ele precisa ser eficiente e bem feito para tudo funcionar adequadamente, é outro nível de abstração.

De fato pode-se observar que ele protege a variável mudando o nome dela onde tem o let:

function foo() {
    var x = 1;
    var y = 3;
    if (true) {
        var x = 2;
        var y_1 = 4;
        console.log(x);
        console.log(y_1);
    }
    console.log(x);
    console.log(y);
}

Veja funcionando e transpilado no TypeScript Playground. Também coloquei no GitHub para referência futura.

Além disso usando o var garante que roda em navegadores mais antigos que não possuem o let.

  • Faz todo sentido se o contexto já foi garantido – Sorack 20/08/18 às 20:47
  • O problema que estou tendo, é que não consigo fazer minify com gulp com ES6. – Ivan Ferrer 21/08/18 às 13:29
  • 1
    @IvanFerrer você alterou a pergunta? Não pode, eu respondi o que foi perguntado. Se tem outra dúvida tem que fazer outra pergunta. – Maniero 21/08/18 às 15:34
  • 1
    @Maniero, eu não alterei a pergunta, eu acrescentei informações, a sua resposta não responde a pergunta do porque o javascript sendo ECMAScript 6 faz as variáveis LET se transformar em VAR, isso não teria nem uma relação direta com typescript, eu dei apenas um exemplo, mas o javascript propriamente dito, reutilizar VAR, já que ela pode ser abandonada pelo mesmo (como é dito por aí, já que está depreciado), não teria porque voltar a reutilizá-la em uma nova releitura depreciada. – Ivan Ferrer 30/08/18 às 21:51

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.