1

Qual a diferença de usar o break e o continue dentro do switch?

3

O switch em si não aceita um continue, mas aceita break, o que pode ser um pouco confuso porque os laços de repetição while, do ... while, for, for : aceitam ambos comando de controle fluxo que determinam um desvio para o fim do laço.

Em uma laço o continue vai para o fim mas se mantém dentro dele a não ser que a condição de repetição mande sair. O ´break`faz sair do laço em qualquer situação.

Mas você quer saber do switch que é um comando de controle de fluxo de seleção e não repetição. O break nessa construção faz sair de todo o switch. O normal de cada case é executar o que está dentro se atendeu a condição e ir para o próximo case. Se nada for feito ele tentará analisar todos os case. Ele não tem um curto-circuito automático. Só que na maioria dos casos não é o que deseja. É comum que se entrar em um dos case você não queira mais verificar qualquer outro case, inclusive porque é improvável que algum atenda a condição. A forma de encerrar é com o break. Se não usar ocorre o chamado fallthrough automático.

Isto é considerado um erro por muitos, mas é assim que as linguagens escolheram funcionar. Melhor seria se a quebra fosse automática e o fallthrough fosse obrigatoriamente explícito.

Então é um infortúnio que se você quiser sair de um laço de repetição com um break e o código estiver dentro de um switch, o break não sairá do loop, só sairá do seletor. Aí teria que fazer algum controle extra, ou se a linguagem permitir, Java é uma delas, usar um break *label*. Tem uma resposta em Kotlin sobre isso, mas serve mais ou menos igual para o Java.

Uma alternativa, nem sempre boa é usar um if em sequência, assim o `break´ tem a semântica do laço normal, se for necessário usá-lo para isso.

Em alguns casos um return pode ser a solução quando precisa encerrar, afinal métodos bem escritos são curtos e provavelmente se é para sair de um switch e de um laço, também é para sair do método.

Tem uma pergunta com um exemplo (outro). E tem um exemplo, ainda que em C#, mas é a mesma coisa, para o não uso do break, é como se tivesse um continue implícito. Por isso o continue não é usado.

Falei mais sobre ele em C. E como ele funciona internamente (o Java é um pouco diferente, mas não muito).

Veja exemplo:

class Program {
    public static void main (String[] args) {
        for (int x = 0; x < 10; x++) {
            if (x == 6) continue;
            if (x == 8) break;
            switch (x) {
            case 0:
                System.out.println("zero");
                continue;
            case 1:
                System.out.println("um");
                continue;
            case 2:
                System.out.println("dois");
                break;
            default:
                System.out.println(x);
                break;
            }
        }
    }
}

Veja funcionando no ideone. E no Coding Ground. Também coloquei no GitHub para referência futura.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.