63

Geralmente, quando precisamos recorrer à requisições Ajax usando Javascript, temos à mão API's que nos auxiliam com isso (ex: jQuery).

Porém, qual seria a maneira mais segura e cross-browser de realizar essas requisições (POST e GET) usando Javascript puro?

  • 4
    Obs: Movi a parte de suporte cross-domain para outra pergunta: pt.stackoverflow.com/questions/3183/… – everton 30/01/14 às 16:00
  • Eu usava isso antes de descobrir o jquery. Depois que veio essa maravilha, felizmente, não precisamos mais nos preocupar com essa questão do cross-browser, o código fica mais limpo. Quem evolui o jquery que vai se preocupar com isso. Recomendo que use ajax com jquery. – Junior 9/09/14 às 23:15
11
+50

Com as novas API's dos navegadores, ao invés de usar XMLHttpRequest, podemos usar a API fetch para realizar requisições HTTP assíncronas.

O uso de fetch é bem mais simples se comparado ao seu antecessor. Além disso, a API em questão usa Promises, o que é significativamente interessante, tendo em vista que podemos usar async/await se desejarmos.

Para demonstrar como funciona, vamos acessar a API do GitHub:

const BASE_URL = 'https://api.github.com/users'
const USERNAME = 'lffg'

fetch(`${BASE_URL}/${USERNAME}`)
  .then((body) => body.json())
  .then((data) => {
    console.log(`O usuário ${data.login} tem ${data.public_repos} repositórios públicos.`)
  })
  .catch((error) => console.error('Whoops! Erro:', error.message || error))

Também é possível notar na linha 5 do exemplo anterior que a API fetch nos fornece também modos de transformar a resposta (Body) da requisição em JSON (Body.json), texto (Body.text) e diversos outros os quais você pode consultar aqui.

Compatibilidade entre browsers antigos

Se você pretende suportar navegadores mais antigos, você deverá usar um polyfill. Você pode encontrar diversos, como este, feito pelos próprios caras do GitHub. Para saber mais sobre a compatibilidade entre browsers, dê uma olhada nessa sessão do site Can I Use.

  • Muito bom o update! De fato atualmente é a maneira mais recomendada – everton 18/03 às 15:22
49
+50

O site quirksmode.org possui um exemplo completo de requisição Ajax destinada a funcionar na maioria dos browsers (atuais e antigos), sem o uso de bibliotecas externas:

function sendRequest(url,callback,postData) {
    var req = createXMLHTTPObject();
    if (!req) return;
    var method = (postData) ? "POST" : "GET";
    req.open(method,url,true);
    req.setRequestHeader('User-Agent','XMLHTTP/1.0');
    if (postData)
        req.setRequestHeader('Content-type','application/x-www-form-urlencoded');
    req.onreadystatechange = function () {
        if (req.readyState != 4) return;
        if (req.status != 200 && req.status != 304) {
//          alert('HTTP error ' + req.status);
            return;
        }
        callback(req);
    }
    if (req.readyState == 4) return;
    req.send(postData);
}

var XMLHttpFactories = [
    function () {return new XMLHttpRequest()},
    function () {return new ActiveXObject("Msxml2.XMLHTTP")},
    function () {return new ActiveXObject("Msxml3.XMLHTTP")},
    function () {return new ActiveXObject("Microsoft.XMLHTTP")}
];

function createXMLHTTPObject() {
    var xmlhttp = false;
    for (var i=0;i<XMLHttpFactories.length;i++) {
        try {
            xmlhttp = XMLHttpFactories[i]();
        }
        catch (e) {
            continue;
        }
        break;
    }
    return xmlhttp;
}

A parte "padronizada" (i.e. suportada por navegadores recentes, que seguem os padrões estabelecidos) é a que envolve o XMLHttpRequest. As demais, estão aí para dar suporte a navegadores antigos.

Fonte: essa resposta no SOEN

  • +1 E quanto ao caso de requisições cross-domain? Essa abordagem suportaria de forma cross-browser? – everton 30/01/14 às 15:49
  • 6
    @EvertonAgner Eu acho que a questão cross-domain merece uma pergunta em si. É muito mais complicada. Você tem várias opções: CORS, JSONP, proxy – Juan Mendes 30/01/14 às 15:51
  • 2
    @EvertonAgner Isso que o Juan Mendes falou. Em algumas dessas soluções (ex.: CORS) não é preciso mexer nada no código, ele funciona do mesmo jeito pro mesmo domínio e pra domínios externos; o que tem que mexer é na configuração do servidor (indicando que ele aceita Ajax para outros domínios). Outras (ex.: JSONP) precisam de código próprio pra isso. Ou seja, assunto para uma outra pergunta... – mgibsonbr 30/01/14 às 15:56
  • Feito! pt.stackoverflow.com/questions/3183/… – everton 30/01/14 às 15:59
14
try
{
    var loader = new XMLHttpRequest();
}
catch (err)
{
    // versões antigas do Internet Explorer não tem a classe XMLHttpRequest, precisa usar esse componente ActiveX
    var loader = new ActiveXObject('Microsoft.XMLHTTP');
}

loader.onreadystatechange = function ()
{
    // esse callback é chamado várias vezes para cada mudança de readyState
    // readyState 4 é chamado quando o request é concluído (mesmo que .done() do jQuery)
    // você também pode checar o this.status para ver código de retorno HTTP
    // 200 é sucesso
    // 404 é página não encontrada
    // 403 é acesso negado
    // 500 é erro interno do servidor etc
    if (this.readyState == 4)
    {
        alert(this.responseText);
    }
}
loader.open('POST', 'http://www.exemple.com/submit.php', true);
loader.setRequestHeader('Content-Type', 'application/x-www-form-urlencoded');
loader.send('nome=Manoel&idade=50'); // use null para métodos que não forem POST
8

A requisição AJAX em Javascript puro é feita com o objeto XMLHttpRequest. A menos que você queira usar uma versão antiga do Internet Explorer, por exemplo, que usava um objeto ActiveX. Então, costuma-se começar com esse "quickfix":

var xmlhttp;
if (window.XMLHttpRequest) xmlhttp = new XMLHttpRequest();
else if(window.ActiveXObject) xmlhttp = new ActiveXObject("MSXML2.XMLHTTP.3.0");
else throw "AJAX não suportado!";

Depois, você precisa escutar ao evento onreadystatechange do seu objeto XMLHttpRequest:

xmlhttp.onreadystatechange = function() {
    if (this.readyState == 4 && this.status == 200) { // Download concluído e a resposta não contém erros
        return this.responseText; // this dentro dessa function é seu XMLHttpRequest
    }
    // Você pode colocar outras condições aqui, como responder com erro quando o status for 404 ou 500, por exemplo
}

E finalmente iniciar o request:

xmlhttp.open(metodo, url, true);
// metodo: "GET", "POST", "PUT", "DELETE"... enfim, um suportado pelo HTTP
// url: a URL do seu request
// o terceiro argumento é o 'A' do AJAX. True = request assíncrono; False = request síncrono.
loader.send(queryString); // quesyString é opcional
5

Segue o exemplo abaixo:

try{
    xmlhttp = new XMLHttpRequest();
}catch(ee){
    try{
        xmlhttp = new ActiveXObject("Msxml2.XMLHTTP");
    }catch(e){
        try{
            xmlhttp = new ActiveXObject("Microsoft.XMLHTTP");
        }catch(E){
            xmlhttp = false;
        }
    }
}

function pegarCep( CEP ){
    if( CEP.length==0) return false;
    var divCep = document.getElementById('divCep');
    divCep.innerHTML = "Carregando...";
    xmlhttp.open("GET", "/cadastro-sms/br/cep.asp?CEP="+ CEP,true);
    xmlhttp.onreadystatechange=function() {
        if (xmlhttp.readyState==4){
            var resposta = xmlhttp.responseText;
            divCep.innerHTML = resposta;
        }
    }
    xmlhttp.send(null);             
}

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.