3

Boa noite!

Comecei a usar Datatable recentemente, estou usando com o recurso server-side. Preciso relacionar 2 tabelas com INNER JOIN, vi que existe uma "dificuldade" em fazer esse tipo de procedimento no caso do server-side. Até encontrei uma ssp.class.php customizada, mas não entendi bem como usa-la...

Alguém teria um tutorial pra compartilhar sobre o assunto? Ou algum exemplo?

fechada como ampla demais por rbz, Leandro Angelo, rLinhares, Anderson Carlos Woss, Caique Romero 16/07/18 às 13:33

Limite a pergunta a um problema específico, e forneça detalhes suficientes para conseguir uma resposta adequada. Evite fazer várias perguntas ao mesmo tempo. Para ajuda sobre como esclarecer a pergunta, veja Como Perguntar Conheça as regras na central de ajuda e edite a pergunta para que fique adequada.

0

Ao utilizar a opção server-side, você vai ter que adaptar o seu código no lado do servidor para receber e retornar os valores em uma estrutura definida pelas requisições do DataTables.

O DataTables envia para o servidor os dados com essa estrutura mais ou menos:

  • start: se tiver usando paginação, você vai ter que retornar somente as linhas da tabela que serão exibidas, então o start é o limite inferior da busca no banco
  • length: a partir do start, quantas linhas pra frente eu vou retornar, ou seja, o número de itens que serão exibidos em uma página
  • draw: um número de controle que serve para o DataTables saber em que página está, você vai apenas retornar ele de volta
  • order: um array com colunas e direção (ascendente, descendente) que você irá usar na consulta para fazer a ordenação da tabela
  • search: um array com valores que você usará para fazer buscas na tabela, ou seja, o WHERE da consulta
  • columns: as colunas da tabela

Além disso, o DataTables espera também uma resposta com essa estrutura:

  • draw: valor de controle de página para o DataTables
  • recordsTotal: número total de linhas da sua tabela no banco sem filtros (um count(*) sem WHERE)
  • recordsFiltered: número total de linhas da consulta com filtros. Se não tiver sido feito nenhum filtro (busca por valores específicos), então será o mesmo valor do recordsTotal
  • data: um array de chaves e valores com o retorno da sua consulta.

Você vai retornar tudo isso em um JSON. O JSON pode ter outros dados conforme sua necessidade, mas esses dados citados são obrigatórios pra tabela funcionar corretamente com paginação e tudo mais.

Sabendo essa estrutura, agora você tem que montar suas consultas utilizando o start, length, search, sort, etc. O fato de você fazer um JOIN na sua busca não faz diferença nesse caso, ele funciona com qualquer consulta. Sugiro que você veja o código dessa página, ele mostra um exemplo de como fazer isso com MySQL, utilizando a estrutura que falei, de forma mais simples do que o ssp.class.php que você citou. Esse vídeo no YouTube também explica de forma bastante clara. Boa sorte!

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.