3

Estive lendo a documentação do R e no documento Arithmetic{base}, Arithmetic Operators me deparei com o %% que diz ter a função mod, que presumi que fosse a função modulo, mas quando executei me pareceu com a função rep(), então não entendi a logica. Esbarrei com %<% ou %<% que parecia receber uma função e executa-las de forma diferente do normal, isto é, dentro do ().

  • 2
    A não ser que tu tenha carregado algum pacote extra que tenha deixado a função %% masked, ela é a função módulo. Note que o resultado de 17 %% 3 é 2, pois 17 = 3*5 + 2. Ou seja, 2 é o resto da divisão inteira entre 17 e 3. O teu computador está reportando algo diferente? Quanto à função %<% eu não posso te ajudar, pois só conheço %>%, também chamada de pipe. – Marcus Nunes 19/06/18 às 20:16
  • Entendi, o problema era o meu conceito de modulo, como sendo valor absoluto.<br\> Devo ter escrito errado %>%. – Márcio Mocellin 19/06/18 às 20:44
  • Agora há dois %<% seguidos no texto e um %any% no título. O que é esse %any%? Em que pacote pode ser encontrado? `sos::findFn('%any%') não encontra essa função. – Rui Barradas 19/06/18 às 21:22
  • Eu acredito que o AP deseja saber qual o significado da função %>% (pipe), Rui. Ao menos foi pensando nisso que escrevi a minha resposta. – Marcus Nunes 19/06/18 às 21:28
  • Estranho... Eu tinha certeza de ter visto referencia com %any% ou %whatever%, no sentido de qualquer coisa dentro do % %, mas agora não estou achando as referencias disso. – Márcio Mocellin 21/06/18 às 14:08
5

A função %% é a função módulo, no sentido de aritmética modular. Note que o resultado de 17 %% 3 é 2, pois 17 = 3*5 + 2. Além disso, veja que o resultado de 17 %/% 3 é 5, complementando o resultado de %%. Portanto, as funções %% e %/% servem para realizar a divisão inteira dentro do R.

A função %>%, também chamada de pipe, serve para encadear comandos. Talvez o pacote que melhor faça isso é o dplyr. Imagine que eu queira pegar o conjunto de dados iris e realizar algumas operações nele:

head(iris)
  Sepal.Length Sepal.Width Petal.Length Petal.Width Species
1          5.1         3.5          1.4         0.2  setosa
2          4.9         3.0          1.4         0.2  setosa
3          4.7         3.2          1.3         0.2  setosa
4          4.6         3.1          1.5         0.2  setosa
5          5.0         3.6          1.4         0.2  setosa
6          5.4         3.9          1.7         0.4  setosa

Vamos supor que eu queira selecionar apenas colunas Petal.Length e Petal.Width, cujo Sepal.Length seja maior do que 5, mas apenas da espécies setosa. Eu posso fazer isso no R assim:

subset(iris[iris$Sepal.Length > 5, c(3, 4, 5)], Species=="setosa")

Note como a sintaxe é complicada. Embora façam o trabalho direito, as funções subset e as procuras por índices pelo R não são muito amigáveis. Veja como tudo fica mais fácil com o pipe:

iris %>%
  filter(Sepal.Length > 5) %>%
  filter(Species == "setosa") %>%
  select(Petal.Length, Petal.Width, Species)

Com o pipe eu vou encadeando comandos. Eu pego o resultado do conjunto iris e passo para a filtragem de acordo com o Sepal.Length > 5; em seguida, pego este resultado e passo para a filtragem Species == "setosa"; e, por fim, seleciono apenas as colunas que me interessam.

É muito mais limpo para escrever os códigos e muito mais fácil de ler depois, seja o teu próprio código escrito no passado, seja o código de outra pessoa.

Curiosidade: a função %>% surgiu em um pacote chamado magrittr, que anteriormente era chamado de plumbr. O pacote tem teste nome em homenagem à René Magritte, pintor belga que produziu a obra abaixo:

inserir a descrição da imagem aqui

"Isto não é um cachimbo"

O comando pipe surgiu numa outra linguagem de programação chamada F#. Quando veio para o R, o autor do pacote plumbr decidiu fazer um grande trocadilho, juntando o conceito de pipe (cano, em inglês) com pipe (cachimbo, em francês) e homenagear assim um pintor famoso. Fonte com mais detalhes desta história.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.