11

A ideia do Set é não permitir elementos repetidos, no java existem três implementações TreeSet, HashSet e LinkedHashSet encontrei algumas diferenças nessa resposta, gostaria de saber detalhamente se existem outras e em qual caso/cenário cada coleção se destaca.

10

O que muda são as estruturas internas. Algumas dão mais garantias que outras.

Não vou entrar em detalhes do que é um Set, não parece ser o propósito da questão.

TreeSet

Só se aplica a elementos com ordenação absoluta. Se eles não forem comparáveis (Comparable), você pode ensinar com um comparador (Comparator).

Por baixo dos panos, usa uma árvore de busca balanceada (acho que árvore binária, a rubro-negra, mas não lembro da fonte dessa informação nem se os detalhes internos já mudaram).

Como é uma árvore balanceada, todas as operações são feitas em O(lg(n)). Tem garantias de que você vai iterar diferente da ordem em que os elementos foram inseridos.

HashSet

Por baixo, usa uma tabela de espalhamento que aponta para uma lista ligada de nós. Quando há colisão, insere-se no início da lista ligada.

Só aplicável para objetos que tenham função de hash. Em Java, todos os objetos tem essa função (Object.hashCode()), então todos são candidatos para essa coleção =D

Se você desejar usar um número de espalhamento próprio, como se fosse fornecido um IntFunction<T> para gerar o número, então você precisa criar sua própria coleção ou fazer um HashSet<MyHashWrapper<T>>, onde MyHashWrapper<T> seria um envólucro que contenha um objeto T e uma função de hash própria.

No mundo ideal, operações em O(1), mas pode degradar para O(n).

Não há garantia de ordem de iteração.

LinkedHashSet

Idem ao HashSet, porém os nós da lista ligada da colisão tem uma ligação extra. Essa ligação garante que seja possível iterar na ordem de inserção. Daí, você tem a garantia que itera na mesma ordem da inserção.

Quando usar cada um?

De maneira geral, o HashSet você usaria por preguiça. Performance razoavelmente boa na maioria dos casos. Dificilmente necessita-se acessar na mesma ordem da inserção.

O LinkedHashSet custo dois centavos de memória extra e um de processamento, deve ser usado para extrair em ordem de inserção.

Já o TreeMap teria duas possíveis utilizações:

  • evitar a degradação do hash
  • iterar sempre na ordem crescente

Caso a sua aplicação precise percorrer muitas e muitas vezes esses valores na ordem crescente, então pode fazer sentido usar o TreeMap para este fim. Caso não precise fazer essa iteração constantemente, mas apenas de vez em quando, transformar do Set para uma List e ordenar não será um grande overhead. Daí a preguiça fala mais alto e eu usaria HashSet =)

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.