4

Hello world!

Tentei fazer um MVC bem simples em JavaFX. Meu modelo é uma classe Pessoa que possui nome e idade (o campo idade no caso não chega a ser usado). Dois text fields representam duas visões. Por simplicidade ambas mostram a mesma coisa: o nome da pessoa. Se você editar um dos nomes e der Enter, a mudança se reflete no modelo e por tabela nos dois text fields novamente.

Perguntas:

  1. Este código está em MVC?

  2. Quem é o controlador?

  3. Não deveria haver uma classe para o modelo chamada "Modelo"?

  4. Não deveria haver uma classe para o controlador chamada "Controlador"?

  5. O método start() não deveria ser o mais simples possível, consistindo somente em ligar as partes envolvidas (Modelo, Visões e Controlador)?

  6. Quais outras críticas podem ser feitas a essa tentativa de MVC?

App.java

package piovezan.mvcdesktop;

import javafx.application.Application;
import javafx.event.ActionEvent;
import javafx.event.EventHandler;
import javafx.geometry.Orientation;
import javafx.scene.Scene;
import javafx.scene.control.TextField;
import javafx.scene.layout.FlowPane;
import javafx.stage.Stage;

public class App extends Application {

    private final Pessoa pessoa = new Pessoa("Mario", 39);

    public static void main( String[] args ) {
        launch(args);
    }

    @Override
    public void start(Stage stage) {

        atribuirTituloAoPalco("Hello World!", stage);

        TextField visao1 = criarTextField(pessoa.getNome(), e -> pessoa.setNome(((TextField)e.getSource()).getText()));
        TextField visao2 = criarTextField(pessoa.getNome(), e -> pessoa.setNome(((TextField)e.getSource()).getText()));

        pessoa.adicionarObservadorDoNome(nome -> visao1.setText(nome));
        pessoa.adicionarObservadorDoNome(nome -> visao2.setText(nome));

        FlowPane root = new FlowPane(Orientation.VERTICAL);

        root.getChildren().add(visao1);
        root.getChildren().add(visao2);

        stage.setScene(new Scene(root, 300, 250));

        stage.setOnCloseRequest(v -> pessoa.removerObservadores());
        stage.show();
    }

    private void atribuirTituloAoPalco(String titulo, Stage stage) {
        stage.setTitle(titulo);
    }

    private TextField criarTextField(String texto, EventHandler<ActionEvent> eventHandler) {
        TextField textField = new TextField();
        textField.setText(texto);
        textField.setOnAction(eventHandler);
        return textField;
    }
}

Pessoa.java

package piovezan.mvcdesktop;

import java.util.HashSet;
import java.util.Set;

/**
  * É responsabilidade do implementador da classe escolher tipos imutáveis para os campos que serão observados
  * por cada observador (exemplo: String para nome, Integer para idade) caso contrário o observável irá "vazar"
  * estado para o observador.
  */
public class Pessoa {

    private String nome;

    private int idade;

    private final Set<Observador<String>> observadoresDoNome = new HashSet<>();
    private final Set<Observador<Integer>> observadoresDaIdade = new HashSet<>();

    public Pessoa(String nome, int idade) {
        this.nome = nome;
        this.idade = idade;
    }

    public void setNome(String nome) {
        this.nome = nome;
        notificarQueNomeMudou();
    }

    public void setIdade(int idade) {
        this.idade = idade;
        notificarQueIdadeMudou();
    }

    public String getNome() {
        return nome;
    }

    public int getIdade() {
        return idade;
    }

    public void adicionarObservadorDoNome(Observador<String> observador) {
        observadoresDoNome.add(observador);
    }

    public void adicionarObservadorDaIdade(Observador<Integer> observador) {
        observadoresDaIdade.add(observador);
    }

    public void notificarQueNomeMudou() {
        for (Observador<String> observador: observadoresDoNome) {
            observador.notificar(nome);
        }
    }

    public void notificarQueIdadeMudou() {
        for (Observador<Integer> observador: observadoresDaIdade) {
            observador.notificar(idade);
        }
    }

    public void removerObservadores() {
        observadoresDoNome.clear();
        observadoresDaIdade.clear();
    }
}

Observador.java

package piovezan.mvcdesktop;

@FunctionalInterface
public interface Observador<T> {
    void notificar(T observavel);
}

EDIT:

Analisando a resposta e comparando a um exemplo de MVC com FXML achei um outro exemplo sem FXML que veio a calhar. Baseei-me nele, porém sem usar objetos *Property do JavaFX, e tenho agora o seguinte código:

App.java

package piovezan.mvcdesktop;

import javafx.application.Application;
import javafx.geometry.Orientation;
import javafx.scene.Scene;
import javafx.scene.layout.FlowPane;
import javafx.stage.Stage;

public class App extends Application {

    public static void main( String[] args ) {
        launch(args);
    }

    @Override
    public void start(Stage stage) {

        Pessoa pessoa = new Pessoa("Mario", 39);

        Controlador controlador1 = new Controlador(pessoa);
        Visao visao1 = new Visao(pessoa, controlador1);

        Controlador controlador2 = new Controlador(pessoa);
        Visao visao2 = new Visao(pessoa, controlador2);

        FlowPane root = new FlowPane(Orientation.VERTICAL);
        root.getChildren().add(visao1.comoComponente());
        root.getChildren().add(visao2.comoComponente());

        atribuirTituloAoPalco("Hello World!", stage);
        stage.setScene(new Scene(root, 300, 250));

        stage.setOnCloseRequest(v -> pessoa.removerObservadores());
        stage.show();
    }

    private void atribuirTituloAoPalco(String titulo, Stage stage) {
        stage.setTitle(titulo);
    }
}

Controlador.java

package piovezan.mvcdesktop;

public class Controlador {

    private final Pessoa pessoa;

    public Controlador(Pessoa pessoa) {
        this.pessoa = pessoa;
    }

    public void atualizar(String nome) {
        pessoa.setNome(nome);
    }
}

Visao.java

package piovezan.mvcdesktop;

import javafx.scene.control.TextField;
import javafx.scene.layout.FlowPane;

public class Visao {

    private FlowPane visao;
    private TextField campoNome;

    private Pessoa pessoa;
    private Controlador controlador;

    public Visao(Pessoa pessoa, Controlador controlador) {
        this.pessoa = pessoa;
        this.controlador = controlador;

        criarEConfigurarPane();
        criarEDisporControles();
        atualizarControladorAPartirDeListeners();
        observarModeloEAtualizarControles();
    }

    private void criarEConfigurarPane() {
        visao = new FlowPane();
    }

    private void criarEDisporControles() {
        campoNome = new TextField();
        campoNome.setText(pessoa.getNome());
        visao.getChildren().add(campoNome);
    }

    private void atualizarControladorAPartirDeListeners() {
        campoNome.setOnAction(v -> controlador.atualizar(campoNome.getText()));
    }

    private void observarModeloEAtualizarControles() {
        pessoa.adicionarObservadorDoNome(nome -> campoNome.setText(nome));
    }

    public FlowPane comoComponente() {
        return visao;
    }
}

Ficou melhor? Agora Visão e Controlador são classes e o método start() foi simplificado para apenas ligá-los entre si e ao Modelo.

Por esse código concluo que vai custar um pouco pro padrão entrar na cabeça porque eu começo pelo Modelo que é desconexo dos demais, em seguida vou para a classe Visão que é o início do fluxo, passo pelo Controlador e retomo a codificação da Visão. Fica meio não-linear o desenvolvimento se seguir por essa linha.

Notei também que a classe Controlador ficou completamente dispensável, está certo isso?

Em tempo, o modelo deve ser observável via de regra?

  • Olhando assim, não é MVC. O modelo parece claro, mas o controlador e a visão estão misturados. – Maniero 5/06/18 às 14:25
  • 1
    Tá mais pra um MVP do que MVC, na minha visão. Neste caso, a classe App faria o papel do presenter e a view parece estar "escondida" porque você não faz uso de um código separado para apresentar os dados. Mesmo pra MVP não tá bem de acordo porque a view e o presenter ficam misturados. – LINQ 5/06/18 às 14:27
  • Vixe. Não peguei o conceito então. Acho que essa pergunta vai render uma boa resposta :) – Piovezan 5/06/18 às 14:29
  • Eu diria para ser feliz usando MVWYW, mas no caso você realmente deseja MVC nas coisas – Jefferson Quesado 5/06/18 às 15:19
  • 1
    A propósito, é Java 8? Se sim, dá para deixar mais elegante usando uns lambdas... – Jefferson Quesado 5/06/18 às 15:20
3

O código apresentado parece mais um modelo MVP (Model, View, Presenter) do que MVC. Sendo sucinto, a principal diferença entre os dois padrões é que no MVC existe um controlador que decide qual visão será "mostrada" em resposta a alguma ação e no MVP existe um presenter que serve para conter a lógica da visão e a própria visão "se comunica" com o modelo.

De forma geral (não vou entrar em detalhes porque tem várias perguntas sobre isto no site) o MVC pode ser resumido por esta imagem:

Imagem retirada de: www.devmedia.com.br/guia/asp-net-mvc/38190

Como dito anteriormente, os modelos devem ser as entidades do domínio da aplicação, os controladores são responsáveis por receber as "ações" da visão e entregar uma nova visão. A visão é quem decide como os dados serão mostrados para usuário (por exemplo: um código HTML pode definir uma visão).


Tentando focar nas suas perguntas:

Quem é o controlador?

Exatamente, ele não existe aí. Até pode-se dizer que a classe App é o controlador porque ela chama a view ao final (estou supondo que stage.show() faça isto).

Não deveria haver uma classe para o modelo chamada "Modelo"?

Não. O modelo está correto, a classe Pessoa é um modelo, assim como todas as classes referentes ao domínio da aplicação serão o modelo. Por exemplo, se for aprimorar a aplicação e decidir que também é possível cadastrar carros, a classe Carro será também um modelo e assim por diante.

Não deveria haver uma classe para o controlador chamada "Controlador"?

Sim. Quer dizer, o nome da classe quem escolhe é você, isso vai ser indiferente, mas deveria assim existir uma classe para fazer o papel de controlador.

O método start() não deveria ser o mais simples possível, consistindo somente em ligar as partes envolvidas (Modelo, Visões e Controlador)?

Eu, sinceramente, não faço ideia de qual o papel do método start() no contexto do padrão MVC. Ele me parece mais um método de ponto de entrada da aplicação do que algo relacionado ao padrão.

Quais outras críticas podem ser feitas a essa tentativa de MVC?

Além do que foi citado, me parece que você tentou tratar cada textField como uma visão diferente. Esta abordagem não está correta, a visão é a tela. Por exemplo: um conjunto de textField's e outros componentes formam uma visão. Ou seja, uma visão é uma tela ou parte de uma.

  • Vide minha edição da pergunta. – Piovezan 5/06/18 às 19:05

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.