4

Qual a diferença entre os métodos call e apply? Não consegui identificar a diferença em que um separa os argumentos e o outro gera um vetor para os argumentos:

function scope() {
        console.log(this, arguments.length);
    }
    scope() // window, 0
    scope.call("foobar", [ 1, 2 ]); // "foobar", 1
    scope.apply("foobar", [ 1, 2 ]); // "foobar", 2
2

A diferença está no parâmetro que eles usam. Enquanto o apply irá passar para a função uma array, o call irá passar valores individuais separados por vírgula:

O seu exemplo mostra isso:

scope.call("foobar", [ 1, 2 ]);
                     --------
                         ↑
                apenas 1 parâmetro
               arguments.length = 1


scope.apply("foobar", [ 1, 2 ]);
                      --------
                          ↑
                1 array com 2 itens
               arguments.length = 2

Outro exemplo de call:

scope.call("foobar", [ 1, 2 ], 3);
                     --------  -
                         ↑     ↑
                      2 parâmetros
                   arguments.length = 2

O apply não gera um vetor, ele envia um vetor como segundo parâmetro para a função. Exemplo:

function scope() {
   for(var item of arguments){
      console.log(item);
   }
}
scope.apply("foobar", ['abc','def','ghi']);

Documentação MDN sobre apply:

Note: While the syntax of this function is almost identical to that of call(), the fundamental difference is that call() accepts an argument list, while apply() accepts a single array of arguments.

Tradução livre:

Nota: Embora a sintaxe desta função seja quase a mesma do call(), a diferença fundamental está em que call() aceita uma lista de argumentos, enquanto que apply() aceita um simples array com argumentos.

O mesmo exemplo acima usando call:

function scope() {
   for(var item of arguments){
      console.log(item);
   }
}
scope.call("foobar", ['abc','def','ghi']);

Note que o argumento ['abc','def','ghi'] chega na função com uma array inteira. Ao contrário de apply, que envia cada item do vetor como um argumento separado.

  • 1
    Entendi, mas, por que então usar call se ele não vai retornar o array corretamente? Para que ele existe? – LeAndrade 14/04/18 às 20:53
  • Ele pode enviar um array, pode enviar outros argumentos que não seja array etc... ele vai tratar cada argumento de forma separada... com apply você só pode enviar array... no último exemplo, veja que ele envia a array normal, mas não lê diretamente os itens da array como faz o apply. Por exemplo: scope.call("foobar", 1,2,3); é igual a scope.apply("foobar", [1,2,3]);... Aí vai depender da sua aplicação, vc pode usar uma coisa ou outra... vc quer enviar uma array pra função tratar, use apply... quer enviar argumentos em separado, use call. – Sam 14/04/18 às 20:58
  • 1
    Certo, entendi man. Obrigado! – LeAndrade 14/04/18 às 21:00
3

Infelizmente o seu exemplo não foi o melhor. Começo primeiro por alterar o exemplo para mostrar os arguments por completo e não apenas o seu length:

function scope() {
    console.log(this, JSON.stringify(arguments));
}

scope.call("foobar", [ 1, 2 ]); // "foobar", 1
scope.apply("foobar", [ 1, 2 ]); // "foobar", 2

Atente bem na diferença entre dos dois.

No caso do call os arguments são:

{"0":[1,2]}

Ou seja 1 argumento que é um array [1,2], mas no no apply vemos:

{"0":1,"1":2}

Que são 2 argumentos, o primeiro é 1 e o segundo é 2.

Ou seja no call o array é todo passado como um só parâmetro, mas no apply o array indica os parâmetros a ser passados como se os tivesse escrito manualmente.

Então no seu caso fazer:

scope.apply("foobar", [1,2]);

Seria equivalente a fazer:

foobar(1 , 2);

Expandindo ainda mais no mesmo, fazer:

scope.apply("foobar", [1,2,3,4,5]);

Corresponderia a:

foobar(1 , 2, 3, 4, 5);

Assim vemos bem que é diferente de chamar a função com call.

Cenários Reais

Apply

É util em quando você tem um array de elementos a passar a uma função, mas essa função não espera um array mas sim elementos separados e escritos diretamente.

Um caso evidente disso é o Math.max para calcular o máximo de entre vários números:

const arr = [1, 2, 3 ,4, 5];

console.log(Math.max(arr));
console.log(Math.max.apply(null, arr));

Math.max(arr) não funciona porque max não suporta receber um array diretamente. Math.max está à espera de receber os elementos soltos, assim:

Math.max(1, 2, 3, 4, 5)

Que é exatamente o que o apply faz. Repare também que indiquei null como primeiro parâmetro que é o parâmetro que irá servir de this na função, e neste caso nós não queremos nenhum this.

Call

O call é comum de ser utilizado em "herança" no estilo antigo de Javascript sem as palavras reservadas class e super.

Vou pegar no exemplo do MDN, que certamente pode não ser o melhor, mas ainda assim é usado exatamente neste contexto. Imagine que tem uma função Produto para construir produtos e tem depois outra para Comida em que Comida seria uma extensão de Produto.

A chamada a Produto dentro do construtor de Comida normalmente seria feita com call:

function Produto(nome, preco) {
  this.nome = nome;
  this.preco = preco;
}

function Comida(nome, preco) {
  Produto.call(this, nome, preco);
  this.categoria = 'comida';
}


let queijo = new Comida('feta', 5);
console.log(queijo);

Documentação:

  • Legal cara, muito bem explicado! – LeAndrade 14/04/18 às 22:37

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.