64

Recentemente, enquanto estudava alguns códigos em javascript, me deparei com o seguinte código:

return !!navigator.userAgent.match(/iPad/i);

Sei que:

!true == false
!false == true

E, consequentemente:

!!true == true
!!false == false

Então fiquei na dúvida: qual a lógica de se fazer esse tipo de operação?

51

Essa é uma maneira rápida de converter o resultado de uma expressão para um valor booleano True/False (ou em termos técnicos, oferecendo garantia de typecast para boolean), simplificando assim processos de avaliação condicional.

Existe um post no Stack Overflow original que descreve perfeitamente este comportamento. A tradução da parte relevante vem a seguir:

O primeiro sinal ! avalia a expressão, convertendo o valor lógico e negando-o.
O segundo sinal ! inverte o valor do primeiro.

Na documentação, a respeito do operador lógico NOT:

Retorna false caso seu operador único pode ser convertido para true; caso contrário, retorna true.

Os seguintes valores são avaliados como "falso":

  • false
  • NaN
  • undefined
  • null
  • "" (empty string)
  • 0
  • Isso é ES5 ou ES6 ? – Diego Souza 31/05/17 às 18:51
  • 1
    @DiegoSouza se não me engano esse typecast é válido desde 1997 (ECMAScript 1a edição). – OnoSendai 31/05/17 às 18:53
  • udgwebdev.com/15-javascript-hacks veja esse site. Legal, eu sou newbie em JS. Estou estudando para fazer aplicações usando o Mean. – Diego Souza 31/05/17 às 19:01
31

Como o objetivo do return !!navigator.userAgent.match(/iPad/i); é descobrir se o dispositivo atual é um iPad ou não, é interessante/elegante que o retorno da função seja booleano (true ou false).

O problema é que ao simplesmente chamar a função navigator.userAgent.match(/iPad/i); (sem a dupla negação), o retorno será null ou ['iPad'] (ou talvez alguma outra coisa), em vez de true ou false.

Usar o !! é uma forma de forçar que o retorno desse match seja convertido para um valor booleano, mantendo o valor lógico correto para o objetivo em questão. Em outras palavras, ['iPad'] vira true e null vira false. =)

Em etapas fica mais claro:

  1. navigator.userAgent.match(/iPad/i); // ex: retorno ['iPad']
  2. !navigator.userAgent.match(/iPad/i); // primeira negação, !['iPad'] == false
  3. !!navigator.userAgent.match(/iPad/i); // segunda conversão, !false == true
  • 7
    Detalhe: neste caso, seria possível usar /iPad/i.test(navigator.userAgent) e a conversão não seria necessária. – bfavaretto 14/08/14 às 15:49
10

A dupla negação serve para tornar a o retorno da função mais typesafe. É uma boa técnica para garantir que determinadas funções só devolvam valores booleanos, abstraindo assim o utilizador da função de retornos que podem não fazer sentido.

Por exemplo

function isIpad() {
    return navigator.userAgent.match(/iPad/i);
}

if ( isIpad() ) { ... }

Este código vai funcionar porque se for iPad um array é devolvido (e isso é true) se não for vai devolver null (que é avaliado como false). Mas para o developer ver no output de isIpad() null ou ["iPad"] foge à semantica do "is" logo a dupla negação força a que a função isIpad() devolva exclusivamente ou false ou true

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.