3
import os

def filho():
    print('Ola do filho', os.getpid())
    os._exit(0)

def pai():
    while True:
        newpid = os.fork()# fornece ID para um novo processo!
        if newpid == 0:
            filho()
        else:
            print('Ola do pai', os.getpid(), newpid)
        if input() == 'q':
            print("Fechando o pai", os.getpid())
            break

pai()

Faz sentido if newpid == 0 ? Não entendi o que o código realmente faz!

8

Note que diferente de threads, o fork() cria um processo totalmente independente. Para o OS, passam a ser dois executáveis rodando em paralelo, e não dois processos do mesmo executável.

A parte que confunde do fork() (e fundamental para entender que ele não é um substituto de thread) é que ele duplica o processo durante a execução, e na íntegra.

Ele não executa nova instância do início, ele duplica o processo inclusive no ponto em que se encontra sendo processado, com todos os valores e variáveis intactos.

Justo por isso, acho que o nome "parent" e "child" não são adequados, pois são clones perfeitos.

Em especial, neste trecho:

def pai():
    while True:
        newpid = os.fork()# fornece ID para um novo processo!
        #NESTE MOMENTO TEM 2 CÒDIGOS EM EXECUÇÃO NESTE MESMO PONTO

E logo em seguida, cada um dos dois em execução vai cair de um lado do IF:

    if newpid == 0 # Zero significa que é a cópia
        filho()
    else:          # Diferente de zero é o original, cujo
                   # newpid é o ID do outro processo (o novo)

Como temos o programa duplicado e em execução no mesmo ponto, a única maneira de saber qual é qual é pelo valor diferente retornado em newpid em cada um dos casos.

A melhor maneira de entender o fork é assistir ao filme "THE PRESTIGE", que no Brasil veio como "O GRANDE TRUQUE":

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=I-zSIAgJszQ

  • Se possível, poderia mostrar o mesmo processo acima mas usando Threads para comparar? – Ed S 7/04/18 às 16:34
  • Acabo de editar explicando que thread nao tem nada a ver com fork. Não há o que comparar entre os dois, thread é do mesmo programa, fork é um programa separado. O mesmo, com os mesmos valores, mas totalmente independente. – Bacco 7/04/18 às 16:34
  • Um exemplo: não tem como uma das instâncias do fork acessar diretamente uma variável ou função da outra. São 2 programas separados. Thread é o mesmo programa, só acontece de estar executando determinada função em "paralelo" (na verdade entrelaçando os processos). – Bacco 7/04/18 às 16:36
  • Inclusive, um programa só sabe nativamente que é fork testando o PID mesmo, de resto não teria nem como diferenciar. – Bacco 7/04/18 às 16:37
  • 2
    Não tem como criar o mesmo efeito. Não tem nada a ver fork com thread – Bacco 7/04/18 às 16:45
2

Da documentação oficial:

os.fork()

Fork a child process. Return 0 in the child and the child’s process id in the parent. If an error occurs OSError is raised.

Quando o os.fork é chamado, o estado do programa é duplicado em memória. Agora você tem dois processos rodando, e eles precisam saber quem é o processo "pai" e quem é o processo "filho". Pra isso, a função retorna 0 pro processo filho, e outro número pro processo pai.

Vale lembrar que os.fork é exclusivo de Unix. Um jeito mais pythonico e multiplataforma de gerenciar processos filho/pai é usar o módulo built-in multiprocessing e if __name__ == '__main__', que só será verdadeiro no processo original.

  • Se possível, poderia mostrar o mesmo processo acima mas usando Threads para comparar? – Ed S 7/04/18 às 16:15

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.