15

Tenho me deperado com algumas pessoas falando sobre OData, fiz algumas pesquisas vi alguns códigos, mas não me ficou claro algumas coisas, dentre elas:

  • Para que serve OData?
  • Quais as vantagens e desvantagens?
  • Quando usar OData?
  • Quando não usar OData?
  • OData serve para criar e consumir APIs REST. Não acredito que haja melhor definição e documentação que a encontrada no portal oficial odata.org – Lauro Moraes 30/03/18 às 3:36
16
+100

O OData (Open Data Protocol) define um conjunto de práticas recomendadas para criar e consumir APIs RESTful. O OData ajuda você a se concentrar na sua lógica ao criar APIs RESTful sem precisar se preocupar com as várias abordagens para definir cabeçalhos de solicitação e resposta, códigos de status, métodos HTTP, convenções de URL, tipos de mídia, formatos de carga útil, opções de consulta etc.

O crescimento exponencial de aplicativos SaaS levou a uma explosão de APIs REST. Isso significa que um desenvolvedor passará a maior parte do tempo aprendendo novas APIs em vez de criar o próprio aplicativo. Para resolver esse problema, a Microsoft criou o padrão OData para criar APIs REST.

Para que serve OData?

O protocolo permite a criação e o consumo de APIs REST, que permitem que os clientes Web publiquem e editem recursos usando URLs e definidos em um modelo de dados, usando mensagens HTTP simples. Suporta os formatos HTTP, Atom Pub e JSON.

Quais as vantagens e desvantagens?

Vantagens:

  • Tem suporte para qualquer tipo de fonte de dados, até mesmo uma classe personalizada própria.
  • Não há necessidade de criar um objeto de serviço de proxy. Então, é leve de usar.
  • Você pode criar seus próprios métodos personalizados e expô-los.
  • Como é leve, a interação entre servidor e cliente é rápida. Assim, apresenta um bom desempenho.
  • Oferece suporte completo a CRUD usando os diferentes métodos HTTP:

    • GET: obtém uma ou várias entradas.
    • POST: cria uma nova entrada.
    • PUT: atualiza uma entrada existente.
    • DELETE: remove uma entrada.

Desvantagens:

  • Como é puramente baseado em URL, é menos seguro.
  • Nem todo operador de consulta no LINQ está disponível em OData, como filter, skip, take etc.

Quando usar OData?

À medida em que a explosão de APIs continua, cada organização expõe suas próprias APIs REST/SOAP/Bulk exclusivas para o consumo de seus dados. E algumas delas também criam suas próprias linguagens de consulta exclusivas, como ROQL (Oracle Service Cloud), SOQL (Salesforce), etc. Isso dificulta que uma empresa e sua equipe de desenvolvimento possam aprender e programar em relação a todos esses recursos, com APIs diferentes.

É onde o OData é muito útil. O OData defende uma maneira padrão de implementar APIs REST que permite recursos de consulta semelhantes a SQL usando essas APIs RESTful. O OData é essencialmente o SQL para a Web criado sobre os protocolos padrão - HTTP, JSON e ATOM - enquanto aproveita o estilo de arquitetura REST.

Quando não usar OData?

Observe os itens em Desvantagens listados no tópico "Quais as vantagens e desvantagens?".


Referências:

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.