1

Como nomear tabelas pivot no Laravel, de forma que não seja necessário informar o nome da mesma no método de relacionamento (belongsToMany)?

Na documentação achei essa referência:

Many-to-many relations are slightly more complicated than hasOne and hasMany relationships. An example of such a relationship is a user with many roles, where the roles are also shared by other users. For example, many users may have the role of "Admin". To define this relationship, three database tables are needed: users, roles, and role_user. The role_user table is derived from the alphabetical order of the related model names, and contains the user_id and role_id columns.

...

Resumindo, é informado que posso pegar o nome dos dois modelo envolvidas e criar uma nomenclatura representando a junção alfabética destes, ou seja, se tenho uma tabela produto e outra usuario, ficaria produto_usuario, com isso não precisaria passar o nome da pivot no método belongsToMany()

A questão é, seria a ordem alfabética das models ou migrations?

2

A questão é, seria a ordem alfabética das models ou migrations?

No finalzinho da tradução diz: tradução Google Tradutor: A tabela role_user é derivada da ordem alfabética dos nomes dos modelos relacionados e contém as colunas user_id e role_id.

Ou seja, o nome da tabela intermediária começa por ordem alfabética sendo que R é antes de U, respectivamente role e user e foi gerado a tabela role_user.

Um outro exemplo para esclarecer:

Se no seu projeto for criado duas tabela com o nome de autor e livro o nome da tabela intermediária seria autor_livro e os campos autor_id e livro_id e a migration como exemplo:

Migration autor

<?php

use Illuminate\Support\Facades\Schema;
use Illuminate\Database\Schema\Blueprint;
use Illuminate\Database\Migrations\Migration;

class Autor extends Migration
{
    public function up()
    {
        Schema::create('autor', function (Blueprint $table) {
            $table->increments('id');            
            $table->string('name', 100)->index();            
            $table->timestamps();
        });
    }   
    public function down()
    {
        Schema::dropIfExists('autor');
    }
}

Migration livro

<?php

use Illuminate\Support\Facades\Schema;
use Illuminate\Database\Schema\Blueprint;
use Illuminate\Database\Migrations\Migration;

class Livro extends Migration
{    
    public function up()
    {
        Schema::create('livro', function (Blueprint $table) {
            $table->increments('id');            
            $table->string('title', 100)->index();            
            $table->timestamps();
        });
    }
    public function down()
    {
        Schema::dropIfExists('livro');
    }
}

Migration autor_livro

<?php

use Illuminate\Support\Facades\Schema;
use Illuminate\Database\Schema\Blueprint;
use Illuminate\Database\Migrations\Migration;

class AutorLivro extends Migration
{

    public function up()
    {
        Schema::create('autor_livro', function (Blueprint $table) {
            $table->integer('autor_id')->unsigned();            
            $table->integer('livro_id')->unsigned();            
            $table->primary(['autor_id', 'livro_id']);
            $table->timestamps();

            $table->foreign('autor_id')
                ->references('id')
                ->on('autor');

            $table->foreign('livro_id')
                ->references('id')
                ->on('livro');

        });
    }


    public function down()
    {
        Schema::dropIfExists('autor_livro');
    }
}

e consequentemente seus models:

Model Autor

<?php

namespace App\Models;

use Illuminate\Database\Eloquent\Model;

class Autor extends Model
{
    protected $table = 'autor';
    protected $dates = ['created_at','updated_at'];
    protected $fillable = ['name'];    
    public $timestamps = true;

    public function livros()
    {
        return $this->belongsToMany(Livro::class);
    }
}

Model Livro

<?php

namespace App\Models;

use Illuminate\Database\Eloquent\Model;

class Livro extends Model
{
    protected $table = 'livro';
    protected $dates = ['created_at','updated_at'];
    protected $fillable = ['title'];    
    public $timestamps = true;

    public function autores()
    {
        return $this->belongsToMany(Autor::class);
    }
}

mas, vale lembrar que a primeira configuração é obrigatória as demais seguiram a nomenclatura padrão descrito na documentação.

Já tem aqui um outro exemplo, mas, diferente desse detalha como deve configurar sem a nomenclatura padrão descrita na documentação e outros exemplos

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.