1

Preciso realizar uma validação onde eu somente possa inserir o cadastro de uma corrida no banco de dados caso o id do motorista e do usuário estejam presentes nos seus respectivos bancos.

Qual o melhor algoritmo para lidar com essa situação?

Segue as tabelas do banco:

CREATE TABLE `corridas` (
  `id_corrida` int(11) NOT NULL PRIMARY KEY AUTO_INCREMENT,
  `m_id` int(11) NOT NULL,
  `p_id` int(11) NOT NULL,
  `c_valor` int(9) NOT NULL,
  PRIMARY KEY (`id_corrida`),
  KEY `fk_motorista` (`m_id`),
  KEY `fk_passageiros` (`p_id`)
);

CREATE TABLE `motorista` (
  `m_id` int(11) NOT NULL PRIMARY KEY AUTO_INCREMENT,
  `m_nome` varchar(255) NOT NULL,
  `m_nasc` datetime NOT NULL,
  `m_cpf` int(11) NOT NULL,
  `m_modeloCarro` varchar(255) DEFAULT NULL,
  `m_sexo` char(1) DEFAULT NULL,
  `m_status` char(1) DEFAULT NULL,
  PRIMARY KEY (`m_id`)
);

CREATE TABLE `passageiro` (
  `p_id` int(11) NOT NULL PRIMARY KEY AUTO_INCREMENT,
  `p_nome` varchar(255) NOT NULL,
  `p_nasc` datetime NOT NULL,
  `p_cpf` int(11) NOT NULL,
  `p_sexo` char(1) DEFAULT NULL,
  PRIMARY KEY (`p_id`)
);
  • Tás trabalhando com PHP? Não seriam os ids nas suas respectivas tabelas? – Diego Vieira 4/02/18 às 20:04
  • estou usando php mas como estou estudando nunca fiz algo parecido – J.Rodrigues 4/02/18 às 20:09
  • Edita a tua pergunta e coloca as tabelas do banco. – Diego Vieira 4/02/18 às 20:10
1

Do lado do banco o que mantém a consistência das relações são constraints do tipo Foreign Key (chave estrangeira):

ALTER TABLE corridas ADD CONSTRAINT fk_motorista FOREIGN KEY (m_id) REFERENCES motorista(m_id);
ALTER TABLE corridas ADD CONSTRAINT fk_passageiro FOREIGN KEY (p_id) REFERENCES passageiro(p_id);

As KEYS que você adicionou na sua tabela são apenas índices.

Foreign Keys não funcionam em tabelas que usam a storage engine MyISAM, sendo recomendado o uso de InnoDB.

Para saber que tipo de engine suas tabelas estão usando use a seguinte consulta:

SELECT TABLE_NAME,
       ENGINE
FROM   information_schema.TABLES
WHERE  TABLE_SCHEMA IN ('corridas', 'motorista', 'passageiro');

Se for necessário alterar a engine:

ALTER TABLE passageiro ENGINE=InnoDB;
ALTER TABLE motorista ENGINE=InnoDB;
ALTER TABLE corridas ENGINE=InnoDB;

Se você estiver usando InnoDB as duas KEYS originais são desnecessárias uma vez que o MySQL indexa Foreign Keys automaticamente.

0

Tu não vai precisar fazer esse tipo de validação, já que tu vai listar os motoristas e usuários e então selecioná-los, correto?

Quando tu for trazer esses dados para o formulário, é só trazer os nomes e os ids de ambos. Por exemplo tu pode listar cada um deles em seu respectivo select.

<select name="id_motorista">
    <option value="1">Motorista 1</option>
    <option value="2">Motorista 2</option>
</select>

<select name="id_usuario">
        <option value="1">Usuario 1</option>
        <option value="2">Usuario 2</option>
</select>
  • Somente a alteração na camada de view não é suficiente para garantir a integridade dos dados. Um usuário malicioso pode facilmente forjar um request com outros ids ou até mesmo modificar o formulário em questão usando ferramentas como Chrome DevTools ou Firebug. É importante verificar entradas nas demais camadas. – Anthony Accioly 4/02/18 às 21:42

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.