1

É possível criar uma função que termine com um if statement vazio e permita que o código que chamou essa função determine a ação do if?

Exemplo:

def if():
    if x>6:


x = input("Valor de x")

if()
    print(x)

x = input("Valor de x")  

if()
    x = x*2

Neste código o if() criaria a condição if x>6 e o que segue criaria a ação caso a condição seja atendida, porém ele não funciona pois o "if x>6:" expecta algo subsequente.

Se não, existe outra forma de criar um mecanismo que funcione do mesmo modo?

4

Não como vocẽ está imaginando - qualquer comando que termina com : no Python cria um bloco - e esse bloco tem que ter expressões e comandos, senão é um erro de sintaxe.

Atualização: passar funções como parâmetro, como descrevo abaixo, exceto em linguagens especializadas chamadas "funcionais" pode ser considerado um pouco avançado. Para quem está aprendendo o básico de uma linguagem principalmente imperativa, como o Python, o melhor é que sua função faça todos os testes que podem ser tão complicados quanto se queira, e retorne um valor True ou False - você faz um if no ponto em que chama a função e testa o retorno da mesma - principalmente se quer alterar variáveis locais.

(essa é a ideia principal na resposta do Maniero, que escreveu independente da minha resposta original, que continua abaixo)

Quando não queremos fazer nada no bloco (por exemplo, as vezes num except: , para um rro que sabemos que pode acontecer e não é algo essencial), existe o comando pass, que simplesmente não faz nada.

No entanto, em Python, funções são objetos como qualquer outro, e podem ser passadas como parâmetros. Então dá para fazer algo como o que você quer passando como parâmetro para a primeira função uma segunda função que faz a ação desejada.

def if_(x, func):
    if x>6:
       return func(x)
    return None

def imprime(x):
    print(x)

def x_quadrado(x):
    return x ** 2


x = int(input("Valor de x"))

if_(x, imprime)

x = input("Valor de x")  

quadrado = if_(x, x_quadrado)
print(quadrado)

Note que nesse caso, como não estamos chamando as fuções "imprime" e "x_quadrado" na hora de chamar a função, não usamos parenteses após seu nome: o Python trata as funções exatamente como trata qualquer variável.

Dentro da função, o segundo parâmetro tem o nome func e vai receber a função passada. Só quando fazemos func(...) é que a função é de fato chamada.

Além disso, para tarefas muito curtas, existe a palavra chave lambda que permite escrever "mini-funções" em uma única linha de código, dentro de uma expressão. Uma função criada com lambda não precisa ter um nome em uma variável e pode ser declarada direto na chamada a primeira função. Lambdas não precisam do comando "return": elas tem uma única expressão e seu resultado é que é retornado. Então dá pra escrever assim:

if_(x, lambda x: print(x))

Mas essa forma por vezes diminui a legibilidade - na maior parte dos casos o recomendado é criar uma outra função com def mesmo.

3

Acho que é isto que deseja.

def filtro(p):
    if p > 6:
        return True
    return False

x = int(input("Valor de x"))
if filtro(x): print(x)
x = int(input("Valor de x"))
if filtro(x): x = x * 2
print(x)
x = int(input("Valor de x"))
if filtro(x): x = x * 2
print(x)

Poderia usar lambda, mas acho que não é o mais adequado para este caso, especialmente quando tem que executar uma ação com efeito colateral como na segunda ação que atribui valor para a variável.

  • Obrigado pela resposta. O 'return false' em filtro(p) é necessário? – William 5/02/18 às 16:16

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.