4
#include <iostream>

int main()
{
    int x, y = 3;
    x = (++y) + (++y) + (++y);
    std::cout << "y = " << y << std::endl;
    setlocale(LC_ALL, "");
    std::cout << "O valor de x é " << x << std::endl;
    std::cout << "y = " << y;
    return 0;
}

Rodei esse código e a saída deu 16, porém pela lógica não seria 15, já que 4+5+6=15.

O compilador exibe 2 erros iguais na linha 7:

"A operação em 'y' pode ser indefinida"

  • Apesar de já respondida, se ainda quiser que o resultado seja 15 : ) Faça: x = (++y) + ((y++) + (y++)); – Robss70 31/01/18 às 19:22
4

É exatamente o o que o compilador está dizendo, não há como ele garantir o que acontecerá com esta expressão que gera efeitos colaterais, não há nada na especificação que obrigue o código funcionar de uma determinada forma, isto é comportamento indefinido. Não há uma ordem garantida de execução. Quando altera uma variável mais de uma vez na mesma expressão, entre outras operações, fica complicado definir o resultado correto.

Essencialmente nunca use operadores de atribuição em operações complexas assim, a não ser que saiba muito bem o que está fazendo. Se fizer cada operação separada resulta em 15.

Isto é explicado em mais detalhes na Wikipedia.

Veja como a versão atual do GCC gera o código e note a mudança de ordem em relação ao que se espera.

Agora veja como o Clang 5.0 gera e note que ele age como se espera.

Coloque no seu navegador e veja como o Clang realmente gera o resultado correto de 15 (sim, você está rodando no seu navegador).

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.