3

Imagine que eu tenha no branch master um commit de um arquivo texte.txt. Então eu crio um branch chamado teste2, faço checkout nele e crio lá um arquivo chamado teste2.txt, mas não faço o commit.

Se eu der um git checkout master e verificar o git status, ele consideda as alterações (no caso a criação de teste2.txt) como pertencente ao branch master, mesmo que eu tenha feito essas alterações quando estava no branch teste2.

Tem um jeito de manter essas alterações no branch teste2 sem ter de fazer o commit? Pois pode ser que eu não queira fazer o commit, se ainda não concluí o que estou implementando.

4

Só é possivel ter alteracoes pendentes no branch que está actualmente a ser usado.

Quando se tem alterações pendentes, e se pretende mudar de branch, é habitual guardar as alteracoes numa stash.

Por exemplo, usando o caso de uso na pergunta, se estivermos no branch teste2, podemos guardar as alteracoes numa stash assim:

git stash                                //stash anonima    
git stash save "adicionado teste2.txt"   //stash com nome

Agora, podemos mudar para o branch master e trabalhar noutros ficheiros.

git checkout master

Quando voltarmos ao branch teste2, basta aplicar a stash novamente para restaurar o estado inicial:

git checkout teste2
git stash list                           //ver lista das stashes

git stash apply                          //aplica a ultima stash que foi gravada
git stash apply stash@{0}                //aplica a stash no index 0
git stash apply stash^{/adicionado}      //aplica uma stash especifica (pesquisa por regex)

Nota: Quando se faz apply, a stash continua guardada na stack. Se quisermos aplicar e apagar a stash, usa-se git stash pop. Também podemos usar git stash list para listar todas as stashes actualmente na stack.

Git stash man page.

  • Boa resposta! Era bem o que eu estava procurando. =) – user7261 29/07/14 às 13:08

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy