2

Esse programa encontra quadrados mágicos 3x3 por força bruta e imprime automaticamente quando encontra um.

código:

import random

vetor = [1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9]

def magicsquare():
    return vetor[0]+vetor[1]+vetor[2]==\
           vetor[3]+vetor[4]+vetor[5]==\
           vetor[6]+vetor[7]+vetor[8]==\
           vetor[0]+vetor[3]+vetor[6]==\
           vetor[1]+vetor[4]+vetor[7]==\
           vetor[2]+vetor[5]+vetor[8]==\
           vetor[0]+vetor[4]+vetor[8]==\
           vetor[2]+vetor[4]+vetor[6]

while not magicsquare():
    random.shuffle(vetor)

print (vetor)

O programa funcionando no repl:

https://repl.it/@William33/ComposedFirstArachnid

Não estou conseguindo fazer a determinada função:

Sabendo que em um quadrado mágico 3x3, o número 5 sempre estará no meio, eu gostaria de já deixa-lo no meio, ou seja, ele já está, mas na hora que o programa faz o "random" gostaria que não mexesse no número 5, não mudasse ele de lugar...

Pelo simples fato que, para encontrar um quadrado mágico 3x3 com 9 números, as possibilidades são 362880 sendo assim o fatorial de 9...

Então se praticamente eu já deixei o número 5 no lugar.. passarão apenas 8 números pelo "random" e as possibilidades serão somente 40320 que seria o fatorial de 8.

Agora imagina em um quadrado 4x4 com 16 números...

As possibilidades são 20 trilhões ou seja, 20922789888000 mas, se eu pudesse, já deixar 4 números nos locais certos que não passassem pelo "random", eu teria apenas 12 números diminuindo as possibilidades para 479 milhões, ou seja 479001600.

A velocidade para encontrar os quadrados mágicos aumentaria drasticamente...

Agora a pergunta:

Como ignorar certos elementos em uma lista que passará por um processo randômico?

(Continuação)

O código com as implementações em 3x3 funciona perfeitamente.. mas com 4x4 não está funcionando segue o código:

 import random

 vetor = [4, 14, 15, 1, 9, 2, 3, 5, 6, 7, 8, 10, 11, 12, 13, 16]

 def shuffle(vetor, frozen_vetor):        
 frozen = [(pos, item) for (pos,item) in enumerate(vetor) if item in 
 frozen_vetor]    
 random.shuffle(vetor)    
 for pos, item in frozen:
     index = vetor.index(item)
     vetor[pos], vetor[index] = vetor[index], vetor[pos]    

 def magicsquare():
     return vetor[0]+vetor[1]+vetor[2]+vetor[3]==\
            vetor[4]+vetor[5]+vetor[6]+vetor[7]==\
            vetor[8]+vetor[9]+vetor[10]+vetor[11]==\
            vetor[12]+vetor[13]+vetor[14]+vetor[15]==\
            vetor[0]+vetor[4]+vetor[8]+vetor[12]==\
            vetor[1]+vetor[5]+vetor[9]+vetor[13]==\
            vetor[2]+vetor[6]+vetor[10]+vetor[14]==\
            vetor[3]+vetor[7]+vetor[11]+vetor[15]==\
            vetor[0]+vetor[5]+vetor[10]+vetor[15]==\
            vetor[3]+vetor[6]+vetor[9]+vetor[12]


while not magicsquare():
    shuffle(vetor, [4, 14, 15, 1, 9])

print (vetor)

Percebe que eu usei 5 números já na ordem do quadrado mágico, ignorando eles.. inserir a descrição da imagem aqui

Então sobrariam apenas 11 números para o "random", que dariam 39916800 possibilidades... e encontraria o quadrado mágico super rápido... mas o programa está demorando muito para encontrar o quadrado.. então provavelmente ele está usando os 16 no "random" que dariam 20922789888000 possibilidades.. ou então deve ter algum outro erro no programa..

  • Assim, a pergunta aparenta estar bem redigida, auto-explicativa, mas o título dela foi meio estranho para mim. Parece que ela é auto-suficiente, então esse título com "(continuação)" me chamou atenção negativamente... se tiver outra ideia para título, não atrairá olhares negativos... – Jefferson Quesado 29/12/17 às 1:48
1

Uma forma é você criar o seu próprio shuffle ignorando os elementos desejados:

def shuffle(items, frozen_items):        
    frozen = [(pos, item) for (pos, item) in enumerate(items) if item in frozen_items]    
    random.shuffle(items)    
    for pos, item in frozen:
        index = items.index(item)
        items[pos], items[index] = items[index], items[pos]

    return items

Não parece muito pythônico mas é uma forma de ignorar itens ao fazer um shuffle.

Ex:

vector = [1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9]
print shuffle(vector, [8, 9]) // mantém os números 8 e 9 na posição original

Você pode adaptar pra ignorar o index ao invés do número.

EDIT

Para usar no seu código, mantendo a utilização da variável vetor por referência:

import random

vetor = [1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9]

def shuffle(vetor, frozen_vetor):        
    frozen = [(pos, item) for (pos,item) in enumerate(vetor) if item in frozen_vetor]    
    random.shuffle(vetor)    
    for pos, item in frozen:
        index = vetor.index(item)
        vetor[pos], vetor[index] = vetor[index], vetor[pos]    

def magicsquare():
    return vetor[0]+vetor[1]+vetor[2]==\
           vetor[3]+vetor[4]+vetor[5]==\
           vetor[6]+vetor[7]+vetor[8]==\
           vetor[0]+vetor[3]+vetor[6]==\
           vetor[1]+vetor[4]+vetor[7]==\
           vetor[2]+vetor[5]+vetor[8]==\
           vetor[0]+vetor[4]+vetor[8]==\
           vetor[2]+vetor[4]+vetor[6]

while not magicsquare():
    shuffle(vetor, [5]) # ex: mantém o número 5 na posição original

print vetor
  • Obrigado Tom, mas como que ficaria no código? essas implementações?? – William 29/12/17 às 0:44
  • Editei com a utilização no seu código, não sei se é bem isso que você quer...Existem outros algoritmos mais eficientes que, dado um NxN, ele gera um quadrado mágico – Tom Melo 29/12/17 às 1:00
  • Eu testei aqui e não funcionou apareceu isso: Traceback (most recent call last): File "python", line 23 shuffle(vetor, [5]) // ex: mantém o número 5 na posição original ^ SyntaxError: invalid syntax – William 29/12/17 às 1:01
  • comentário nessa linha está errado...troquei # por // – Tom Melo 29/12/17 às 1:02
  • Opa blz acho que agora deu certo sim !!! – William 29/12/17 às 1:04

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.