2

Estou com fonte onde preciso agora adapta-lo para usar o try, catch, finally e exception e não estou conseguindo, esse fonte já tem alguns try´s com catch(PDOException $erro) onde faço algumas validações, pois estou fazendo uma chamada com retorno JSon e retornando o status da operação para o usuário e creio que, agora, serão desnecessários. Tentei isolar as mensagens para joga-las na exceção eliminando as mesmas do corpo do código, mas como disse sem sucesso, não sei exatamente o que tem que ser feito, pois tenho várias interações entre select, delete e insert para somente enviar o commit ou rollBack e enviar mensagem para o usuário, finalizando o processo.

O que tenho até agora:

A chamada:

$(document).ready(function(){
    $(function () {
        // Validation
        $("#frmGravaDados").validate({
            // Do not change code below
            errorPlacement: function (error, element) {
                error.insertAfter(element.parent());
            },
            submitHandler: function (form) {

                var data = $(form).serialize();

                console.log(data);

                $.ajax({
                    type: 'POST',
                    url: 'ajax/pInterfaceServico.php',
                    data: data,
                    dataType: 'json',
                    beforeSend: function () {
                        $("#msgBusca").html('×AVISO! Enviando...');
                    },
                    success: function (response) {
                        if (response.codigo == "1") {
                            $("#msgBusca").html('×AVISO!' + response.mensagem  + '');                          

                        } else {
                            $("#msgBusca").html('×ATENÇÃO! ' + response.mensagem + '');
                        }
                    },
                    error: function (xhr, ajaxOptions, thrownError) {
                        console.log(xhr, ajaxOptions, thrownError);
                        $("#msgInsert").html('×ATENÇÃO! Ocorreu um erro no registro de direito. Contate o suporte técnico.');
                    }
                });
                return false;
            }
        });
    }); 
});

O código no php:

// ATRIBUI UMA CONEXÃO PDO   
$conexao = Conexao::getInstance();
$crud    = Crud::getInstance($conexao);

// DADOS DO FORMULÁRIO
$IdInterface = (isset($_POST['IdInterface'])) ? $_POST['IdInterface'] : '';
$IdUsuario = (isset($_POST['IdUsuario'])) ? $_POST['IdUsuario'] : '';
$Servicos = (isset($_POST['Servicos'])) ? $_POST['Servicos'] : '';

try {
    // BUSCANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    $sql = "SELECT 
              `gasServico`.IdServico,
              `gasUsuarioServico`.IdUsuario
            FROM
              `gasServico`
              INNER JOIN `gasUsuarioServico` ON (`gasServico`.IdServico = `gasUsuarioServico`.IdServico)
            WHERE
              (`gasUsuarioServico`.IdServico = `gasServico`.IdServico) AND 
              (`gasUsuarioServico`.IdUsuario = ?) AND 
              (`gasServico`.IdInterface = ?)";
    $stm = $conexao->prepare($sql);
    // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL PDO::PARAM_INT OU STR
    $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
    $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
    $stm->execute();
    $ResDados = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
    // CONTAGEM DE REGISTROS RETORNADOS
    $conProd = count($ResDados);  
    // FECHANDO A CONSULTA
    $stm->closeCursor();  

    // DELETANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    foreach ($ResDados as $DadosUsuarioServico) { 
        try{            

            $IdUsuario = $DadosUsuarioServico->IdUsuario;
            $IdServico = $DadosUsuarioServico->IdServico;

            $sql = "DELETE FROM `gasUsuarioServico` WHERE `IdUsuario` = ? AND `IdServico` = ?";
            $stm = $conexao->prepare($sql);
            $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
            $stm->bindValue(2, $IdServico, PDO::PARAM_INT);                    
            $stm->execute();                
            $retorno = array('codigo' => '1', 'mensagem' => ' Serviços excluídos com sucesso'); 
        } catch(PDOException $erro) {  
            $erro = $erro->getMessage();
            $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar os serviços. Tente novamente. ::$erro');
        }       
    }

    // GRAVANDO OS CHECKS MARCADOS
    if ($Servicos != "") {  
        try {   
            foreach($Servicos as $IdServico) {  
                // INSERT
                $crud = $conexao->prepare("INSERT INTO gasUsuarioServico (IdUsuario, IdServico) VALUES (?, ?)");
                $crud->bindParam(1, $IdUsuario , PDO::PARAM_INT);
                $crud->bindParam(2, $IdServico , PDO::PARAM_INT);       
                $crud->execute();       
                $retorno = array('codigo' => '1', 'mensagem' => ' Serviços inseridos com sucesso'); 
            }       
        } catch(PDOException $erro) {  
                $erro = $erro->getMessage();
                $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao inserir os serviços. Tente novamente. ::$erro');
        }
    }

    // BUSCANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    $sqlInterface = "    
        SELECT 
              gasUsuarioServico.IdUsuario,
              gasUsuarioServico.IdServico,
              gasServico.IdInterface
            FROM
              gasUsuarioServico
              INNER JOIN gasServico ON (gasUsuarioServico.IdServico = gasServico.IdServico)
            WHERE
              (gasUsuarioServico.IdUsuario = ?) AND 
              (gasServico.IdInterface = ?)";
    $stm = $conexao->prepare($sqlInterface);
    // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL PDO::PARAM_INT OU STR
    $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
    $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
    $stm->execute();    
    $ResDadosInterface = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
    // CONTAGEM DE REGISTROS RETORNADOS
    $conSqlDel = count($ResDadosInterface); 
    // FECHANDO A CONSULTA
    $stm->closeCursor();  

    // DELETANDO REGISTROS USUÁRIO X INTERFACE
    if ($conSqlDel == 0) {
        try {
                $sql = "DELETE FROM gasUsuarioInterface WHERE gasUsuarioInterface.IdUsuario = ? AND gasUsuarioInterface.IdInterface = ?";
                $stm = $conexao->prepare($sql);        
                $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
                $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);                    
                $stm->execute(); 
                $retorno = array('codigo' => '1', 'mensagem' => ' Interfaces do usuários deletadas com sucesso');
        } catch(PDOException $erro) {  
                $erro = $erro->getMessage();
                $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar interfaces para o usuário. Tente novamente. ::$erro');
        }   
    } else {

        // BUSCANDO REGISTROS INTERFACES
        $sqlInterfaceReg = "    
                SELECT * FROM
                    gasUsuarioInterface
                WHERE
                    (gasUsuarioInterface.IdUsuario = ?) AND 
                    (gasUsuarioInterface.IdInterface = ?)";
            $stm = $conexao->prepare($sqlInterfaceReg);
            // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL PDO::PARAM_INT OU STR
            $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
            $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
            $stm->execute();        
            $ResUsuarioInterface = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
            $countInsert = count($ResUsuarioInterface);
            // FECHANDO A CONSULTA
            $stm->closeCursor();    

        if ($countInsert == 0) {
            try {
                // INSERT USUÁRIO X INTERFACE           
                $crud = $conexao->prepare("INSERT INTO gasUsuarioInterface (IdUsuario, IdInterface) VALUES (?, ?)");
                $crud->bindParam(1, $IdUsuario , PDO::PARAM_INT);
                $crud->bindParam(2, $IdInterface , PDO::PARAM_INT);     
                $crud->execute();       
                $retorno = array('codigo' => '1', 'mensagem' => ' Interfaces do usuários inseridas com sucesso');
            } catch(PDOException $erro) {  
                $erro = $erro->getMessage();
                $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar interfaces para o usuário. Tente novamente. ::$erro');
            }           
        }
    }   
} catch (Exception $e) { 
    echo $e->getMessage();
}

// FECHA CONEXÃO
$conexao = null;        

// RETORNO DE MENSAGEM
echo json_encode($retorno);
exit();

2 Respostas 2

2

Depois de algumas pesquisas e ajuda de alguns amigos consegui o que estava precisando e venho compartilhar com vocês o resultado final, espero que possa ajudar a alguém.

Código comentado, segue:

// ATRIBUI UMA CONEXÃO PDO   
$conexao = Conexao::getInstance();
$crud    = Crud::getInstance($conexao);

// DADOS DO FORMULÁRIO
$IdInterface = (isset($_POST['IdInterface'])) ? $_POST['IdInterface'] : '';
$IdUsuario = (isset($_POST['IdUsuario'])) ? $_POST['IdUsuario'] : '';
$Servicos = (isset($_POST['Servicos'])) ? $_POST['Servicos'] : '';

try {

    // INICIALIZA A TRANSAÇÃO
    $conexao->beginTransaction();

    // BUSCANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    $sql = "SELECT 
              `gasServico`.IdServico,
              `gasUsuarioServico`.IdUsuario
            FROM
              `gasServico`
              INNER JOIN `gasUsuarioServico` ON (`gasServico`.IdServico = `gasUsuarioServico`.IdServico)
            WHERE
              (`gasUsuarioServico`.IdServico = `gasServico`.IdServico) AND 
              (`gasUsuarioServico`.IdUsuario = ?) AND 
              (`gasServico`.IdInterface = ?)";
    $stm = $conexao->prepare($sql);
    // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL INT OU STR
    $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
    $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
    $stm->execute();
    $ResDados = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
    // CONTAGEM DE REGISTROS RETORNADOS
    $conProd = count($ResDados);  
    // FECHANDO A CONSULTA
    $stm->closeCursor();  

    // DELETANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    foreach ($ResDados as $DadosUsuarioServico) { 
        try{

            $IdUsuario = $DadosUsuarioServico->IdUsuario;
            $IdServico = $DadosUsuarioServico->IdServico;

            $sql = "DELETE FROM `gasUsuarioServico` WHERE `IdUsuario` = ? AND `IdServico` = ?";
            $stm = $conexao->prepare($sql);
            $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
            $stm->bindValue(2, $IdServico, PDO::PARAM_INT);                    
            $stm->execute(); 

        } catch(PDOException $erro) { 

            // DESFAZ TRANSAÇÃO ATUAL           
            $conexao->rollBack();           
            $erro = $erro->getMessage();
            $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar os serviços. Tente novamente [1]. ::$erro');  
            $conexao = null;        

            // RETORNO DE MENSAGEM
            echo json_encode($retorno);
            exit(); 

        }       
    }

    // GRAVANDO OS CHECKS MARCADOS
    if ($Servicos != "") {  
        try {   

            foreach($Servicos as $IdServico) {  
                // INSERT
                $crud = $conexao->prepare("INSERT INTO gasUsuarioServico (IdUsuario, IdServico) VALUES (?, ?)");
                $crud->bindParam(1, $IdUsuario , PDO::PARAM_INT);
                $crud->bindParam(2, $IdServico , PDO::PARAM_INT);       
                $crud->execute();                       
            }       

        } catch(PDOException $erro) {  

                // DESFAZ TRANSAÇÃO ATUAL
                $conexao->rollBack();           
                $erro = $erro->getMessage();
                $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao inserir os serviços. Tente novamente [2]. ::$erro');
                $conexao = null;        

                // RETORNO DE MENSAGEM
                echo json_encode($retorno);
                exit();             

        }
    }

    // BUSCANDO REGISTROS USUÁRIO X SERVIÇO
    $sqlInterface = "SELECT 
                      gasUsuarioServico.IdUsuario,
                      gasUsuarioServico.IdServico,
                      gasServico.IdInterface
                    FROM
                      gasUsuarioServico
                      INNER JOIN gasServico ON (gasUsuarioServico.IdServico = gasServico.IdServico)
                    WHERE
                      (gasUsuarioServico.IdUsuario = ?) AND 
                      (gasServico.IdInterface = ?)";
    $stm = $conexao->prepare($sqlInterface);
    // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL INT OU STR
    $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
    $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
    $stm->execute();    
    $ResDadosInterface = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
    // CONTAGEM DE REGISTROS RETORNADOS
    $conSqlDel = count($ResDadosInterface); 
    // FECHANDO A CONSULTA
    $stm->closeCursor();  

    // DELETANDO REGISTROS USUÁRIO X INTERFACE SE EXISTI SOBRAS
    if ($conSqlDel == 0) {
        try {

            $sql = "DELETE FROM gasUsuarioInterface WHERE gasUsuarioInterface.IdUsuario = ? AND gasUsuarioInterface.IdInterface = ?";
            $stm = $conexao->prepare($sql);        
            $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
            $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);                    
            $stm->execute();            

        } catch(PDOException $erro) {  

            // DESFAZ TRANSAÇÃO ATUAL
            $conexao->rollBack();
            $erro = $erro->getMessage();
            $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar interfaces para o usuário. Tente novamente [3]. ::$erro');
            $conexao = null;        

            // RETORNO DE MENSAGEM
            echo json_encode($retorno);
            exit();             

        }   
    } else {

        // BUSCANDO REGISTROS INTERFACES
        $sqlInterfaceReg = "    
                SELECT * FROM
                    gasUsuarioInterface
                WHERE
                    (gasUsuarioInterface.IdUsuario = ?) AND 
                    (gasUsuarioInterface.IdInterface = ?)";
            $stm = $conexao->prepare($sqlInterfaceReg);
            // DEFINE O TIPO DA VARIÁVEL INT OU STR
            $stm->bindValue(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
            $stm->bindValue(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);
            $stm->execute();        
            $ResUsuarioInterface = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ); 
            $countInsert = count($ResUsuarioInterface);
            // FECHANDO A CONSULTA
            $stm->closeCursor();    

        if ($countInsert == 0) {
            try {

                // INSERT USUÁRIO X INTERFACE           
                $crud = $conexao->prepare("INSERT INTO gasUsuarioInterface (IdUsuario, IdInterface) VALUES (?, ?)");
                $crud->bindParam(1, $IdUsuario, PDO::PARAM_INT);
                $crud->bindParam(2, $IdInterface, PDO::PARAM_INT);      
                $crud->execute();                       

            } catch(PDOException $erro) {  

                // DESFAZ TRANSAÇÃO ATUAL
                $conexao->rollBack();

                $erro = $erro->getMessage();
                $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Erro ao deletar interfaces para o usuário. Tente novamente [4]. ::$erro');                
                $conexao = null;        

                // RETORNO DE MENSAGEM
                echo json_encode($retorno);
                exit();                 

            }           
        }
    }   

    $conexao->commit();

} catch (Exception $e) {    

    // DESFAZ TRANSAÇÃO ATUAL
    $conexao->rollBack();   
    $retorno = array('codigo' => '0', 'mensagem' => ' Ocorreu um erro na gravação, tente novamente [5]. ::$erro');              
    $conexao = null;        

    // RETORNO DE MENSAGEM
    echo json_encode($retorno);
    exit();     
}

$retorno = array('codigo' => '1', 'mensagem' => ' Direito de Acesso inserido com sucesso'); 

// FECHA CONEXÃO
$conexao = null;        

// RETORNO DE MENSAGEM
echo json_encode($retorno);
exit();
  • 2
    Apesar de ter conseguido fazer o que buscava, ficou faltando uma resposta conclusiva a como utilizar o finallyno php – Guilherme 25/11/19 às 13:14
1

A estrutura do try, catch finaly é bem simples.

Dentro do try você coloca o código que tem risco de gerar exceções.

Você pode ter um ou mais catch, caso queira criar tratamentos diferentes para diferentes tipos de exception. No seu caso você esta criando um tratamento especial quando for o erro for gerado no PDO PDOException.

E no finally o que vai ser executado apenas se o que estava contido no try for executado sem gerar exceptions.

    try {
        //código que deseja ser executado
    } catch (PDOException $erro) {
        echo '$erro->getMessage();';
    } catch (Exception $e) {
        echo '$e->getMessage();';
    } finally {
        //o que deseja que seja executado apenas se ocorreu tudo bem dentro do         try
    }
    //qualquer coisa que deseja executar após o try catch

Por exemplo, caso você deseje salvar em banco um usuário, e após ele estar salvo no banco deseja vincula-lo a outras tabelas.

Dentro do try você coloca a pare onde salva o usuário, e no finally chama os métodos que irão executar as outras operações.

  • 1
    Fiz um teste no código do PHP e constatei que Exception deve ser o ultimo nivel das Exceptions. Ou seja, PDOException deve ser um catch anterior ao catch da Exception; sandbox.onlinephpfunctions.com/code/… – Don't Panic 25/11/19 às 13:40
  • @Don'tPanic alterei o exemplo, valeu. Eu adicionei a observação sobre poder ter um ou mais, mas esse detalhe passou batido – Guilherme 25/11/19 às 14:01

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.