0

Quando eu trabalhava com cvs e Subversion eu me lembro de um recurso onde colocávamos algumas anotações nos arquivos e cada vez que fazíamos um commit esses dados eram atualizados. Em geral os dados se referiam a data, autor e número do commit. Era algo parecido com o exemplo abaixo

/*
 *   $Author: joazinho $
 *   $Rev: 153 $
 *   $LastChangedDate: 2016-04-15 17:32:15 -0300 (Fri, 15 Apr 2016) $
 */

No Git algo parecido para eu pegar o branch / tag, hash ou etc... que seja nativo.

2

Diretamente não tem não. Mas é possível fazer scripts que façam isto por você.

Ele disponibiliza atributos que podem ser usados no seu script.

Exemplo:

MYVERSION = '1.090'
## Call script to do updateVersion from .git/hooks/pre-commit
def updateVersion
  # We add 1 because the next commit is probably one more - though this is a race
  commits = %x[git log #{$0} | grep '^commit ' | wc -l].to_i + 1
  vers = "1.%0.3d" % commits

  t = File.read($0)
  t.gsub!(/^MYVERSION = '(.*)'$/, "MYVERSION = '#{vers}'")
  bak = $0+'.bak'
  File.open(bak,'w') { |f| f.puts t }
  perm = File.stat($0).mode & 0xfff
  File.rename(bak,$0)
  File.chmod(perm,$0)
  exit
end

Fonte.

Mais exemplos.

The whole notion of keyword substitution is just totally idiotic. It's trivial to do "outside" of the actual content tracking, if you want to have it when doing release trees as tar-balls etc.

-- Linus Tovards

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.