10

Esta pergunta já tem uma resposta aqui:

 p::after

Para que serve os 2 pontos duas vezes (::)?

marcada como duplicata por Sam, Guilherme Nascimento, Marcelo de Andrade, NoobSaibot, Wallace Maxters 14/12/17 às 13:23

Esta pergunta foi feita antes e já tem uma resposta. Se essas respostas não abordarem completamente sua pergunta, faça uma nova pergunta.

  • @GuilhermeNascimento Tem muitas postagens a respeito disso. Muitas delas estão neste pergunta que vc marcou como duplicata: pt.stackoverflow.com/q/252589/8063 – Sam 12/12/17 às 20:54
11

Porque o ::after e ::before são pseudo elementos e não seletores, existem outros assim também, ou seja eles não afetam o elemento em si, mas sim um pseudo elemento, atuais pseudo-elementos

  • ::after cria um pseudo-elemento no final dentro do(s) elementos indicados na regra
  • ::before cria um pseudo-elemento no começo dentro do(s) elementos indicados na regra
  • ::first-letter afeta o estilo apenas da primeira letra
  • ::first-line afeta o estilo apenas da primeira linha
  • ::selection afeta apenas o estilo do que é selecionado
  • ::backdrop (experimental) Esse pseudo-elemento é uma caixa renderizada imediatamente abaixo do elemento superior (e acima do elemento logo abaixo desse elemento, caso exista algum), dentro da camada superior

Ou seja em nenhum dos casos é afetado o elemento em si diretamente, mas algo que não é um elemento real, como seleção, letra, linha ou então criará um elemento.


É errado usar com apenas uma vez o :, como por exemplo :after ou :before?

Não é que seja errado, mas isso é uma maneira que podemos chamar de legado, antigamente tanto os pseudo-elementos quanto os seletores mais especificos usavam apenas uma vez o :, com o tempo para evitar confusões em pseudo elementos foi aplicado que deveria se usar ::, mas os navegadores para evitar que sites antigos quebrem ainda dão suporte para o uso de :after e :before.

Creio que o ideal se deseja retro-compatibilidade e ao mesmo tempo evitar que no futuro os navegadores abandonem de vez :after e :before, seria usar separadamente assim:

regra1:after {
   /*regra1*/
}

regra1::after {
   /*regra1*/
}

regra2:before {
   /*regra2*/
}

regra2::before {
   /*regra2*/
}

Note que não recomendo que use isto:

 regra1:after, regra1::after {
   /*regra1*/
 }

Pois dois seletores em uma mesma regra podem se anular se no futuro um deles for inválido (por os navegadores removerem os seletores legados :after e :before), eu expliquei sobre isto nesta pergunta:

Espero realmente que no futuro com novas funcionalidades do CSS coisas como variáveis ou até o uso de seletores inválidos em uma mesma regra sem falhar seja possível, pois só assim poderemos evitar repetição de código e mantermos alguma compatibilidade com navegadores mais antigos ao mesmo tempo, como em celulares mais antigos por exemplo.

  • Guilherme, aproveitando a pergunta do amigo, é errado fazer só com 1 : ? não sei se é anormal mas aqui funciona. – Guilherme 12/12/17 às 20:42
  • 1
    @Guilherme editei a resposta, expliquei sobre a questão de funcionalidade legadas e mais alguns detalhes de como manter uma retro-compatibilidade, espero que ajude. – Guilherme Nascimento 12/12/17 às 21:10
8

Os pseudo elements podem ter esses dois pontos dependendo do versão do CSS

/* CSS3 syntax */
::after

/* CSS2 syntax */
:after

Para esclarecer mais um pouco existem os Pseudo Elements e as Pseudo Classes.

As Pseudo Classes sempre tem apenas um : já os Pseudo Elements podem ter apenas um : para funcionar em Browsers mais antigos ou dois :: para as versões mais novas.

Pseudo Elements

  • ::after
  • ::before
  • ::first-letter
  • ::first-line
  • ::selection

Pseudo Classes (aqui a sintaxe é sempre com apena um : )

  • :active
  • :checked
  • :default
  • :dir()
  • :disabled
  • :empty
  • :enabled
  • :first
  • :first-child
  • :first-of-type
  • :fullscreen
  • :focus
  • :hover
  • :indeterminate
  • :in-range
  • :invalid
  • :lang()
  • :last-child
  • :last-of-type
  • :left
  • :link
  • :not()
  • :nth-child()
  • :nth-last-child()
  • :nth-last-of-type()
  • :nth-of-type()
  • :only-child
  • :only-of-type
  • :optional
  • :out-of-range
  • :read-only
  • :read-write
  • :required
  • :right
  • :root
  • :scope
  • :target
  • :valid
  • :visited

Fonte:

https://developer.mozilla.org/pt-BR/docs/Web/CSS/Pseudo-elementos

https://developer.mozilla.org/pt-BR/docs/Web/CSS/Pseudo-classes

4

Os dois pontos :: são usados para criar um pseudo-elemento do elemento selecionado.

Como o próprio significado da palavra diz, pseudo são elementos "falsos", que só existem virtualmente e não estão presentes no DOM.

Para que usar ::?

Quando você quer criar um outro elemento que estará dentro do escopo do elemento selecionado. É como se fosse um clone-filho do elemento real, com propriedades próprias. A vantagem é que você pode definir este elemento virtual da forma que quiser mantendo o mesmo escopo do elemento real, como se fosse ele mesmo.

Exemplo:

Execute o snippet abaixo e clique na área vermelha que é um pseudo-elemento do checkbox. Clicando nela, é a mesma coisa de estar clicando no próprio checkbox.

#teste::after{
   content: 'Clique em mim, é como se estivesse clicando no checkbox';
   background: red;
   top: 20px;
   position: relative;
   display: inline-block;
}
<input type="checkbox" id="teste" />

Limitações

Por serem elementos apenas visuais não presentes no DOM, os pseudo-elementos não podem ser manipulados pelo JavaScript. Isso quer dizer que você não pode alterar as suas propriedades através de script, apenas por CSS.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.