2

Estou fazendo uma estrutura de repetição em Ruby utilizando a seguinte estrutura:

begin
  [código]
end <while/until> [condição]

Porém o RuboCop, que uso como ferramenta de linting, diz que eu deveria utilizar o Kernel#loop com break. Assim:

loop do
  [código]
  break <if/unless> [condição]
end

Por que? Em que casos deveria ser utilizado o begin-end-while/until? Quais vantagens o Kernel#loop acima traz em relação à estrutura que eu utilizei?

2

Não sou especialista em Ruby, mas pelo que vi é só questão de legibilidade.

Quando você vai lendo o código e encontra um begin fica pensando, começo de que? Não tem nada indicando claramente ali. Pior, pode ser que algum caso o próprio compilador pode achar que ali é o começo de algo anterior e ficar muito errado.

Usando o loop fica explícito que ali começa um laço e mais fácil de acompanhar o fluxo e entender o que está acontecendo.

Eu acho interessante levantar o problemas, mas não gosto da sugestão oferecida, ela sequer tem a mesma semântica do código original, então induz a erro se a pessoa não entender o que está fazendo. Mas infelizmente a linguagem não oferece uma opção melhor.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.