0

Embora eu tenha testado não tenho certeza se funcionará sempre :

class Val {
public:
    int data[4];
};

int main() {
  int data[4];
  Val* v = reinterpret_cast<Val *>(data);
}
  • 1
    Porque não atribui pura e simplesmente no membro da classe? O que está fazendo tem comportamento indefinido e desnecessário. Na verdade eu não gosto de misturar C com C++, a não ser que seja estritamente necessário para alcançar o objetivo. – Maniero 30/11/17 às 14:14
  • É só por curisosidade. Digamos que eu não tenha acesso a classe/struct (esteja em uma biblioteca) – Rodrigo Santiago 30/11/17 às 14:34
  • Isto não faz sentido, se ela está na biblioteca você tem acesso, se for algo privado é melhor não tentar subverter nada, e se está em uma biblioteca que você não tem acesso você não sabe como fazer isto funcionar direito, sem informação, sem solução. O que você está perguntando é uma coisa, o que está comentando é outra. – Maniero 30/11/17 às 14:36
  • eu so quero saber se aquilo ali dá ou não violação de acesso – Rodrigo Santiago 30/11/17 às 14:37

1 Resposta 1

1

Rodrigo, a forma mais garantida de sucesso de conversão de array para estrutura é criar um construtor da estrutura e uma operação de atribuição. Assim, você determina como ela é feita e evita problemas. Além disso, quem ler o código vai saber como ocorre a conversão. Segue um exemplo de código.

class Val {
    void __construct( int *dataArray ){
        data[0] = dataArray[0] ;
        data[1] = dataArray[1] ;
        data[2] = dataArray[2] ;
        data[3] = dataArray[3] ;
    }
    void __destruct( void ){
    }
public:
    int data[4] ;
    ~Val( void ){
        __destruct() ;
    }
    Val( int *dataArray ){
        __construct(dataArray) ;
    }
    Val& operator=( int *dataArray ){
        __destruct() ;
        __construct(dataArray) ;
        return *this ;
    }
} ;

int main() {
  int data[4] ;
  Val v1=data , v2 ;
  v2 = data ;
}

Quanto ao reinterpret_cast, isso não é conversão de dados mas sim de ponteiros para ler o código binário dos dados, lendo como se fossem dados de outro tipo. Tenho informação de que isso funciona sim, era como se você criasse um union que trata ponteiro para int e ponteiro para estrutura composta de apenas campos de tipo int, tipo assim.

union Pointer {
    int *dataPointer ;
    Val *valPointer ;
} ;

int main() {
    int data[4] ;
    Val *v ;
    /* v = reinterpret_cast<Val*>(data) ; */ {
        Pointer p ;
        p.dataPointer = data ;
        v = p.valPointer ;
    }
}

Alguma dúvida?

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.