9

E se existe mais algum, qual seria? E a diferença desse "mais algum" para os demais acima.

Obs: Sei que tem, não estou afirmando que não tem, se alguém de uma forma didática souber responder com alguns exemplos com código seria bastante legal.

  • A tua pergunta é a mesma que esta pt.stackoverflow.com/a/5199/129 ? – Sergio 24/10/17 às 10:47
  • Não é não, Sergio. Tem algumas coisas a mais que eu queria saber na minha, mas obrigado! – Lucas de Carvalho 24/10/17 às 10:49
  • Podes explicar as diferenças desta pergunta em relação à outra para ficar mais claro? – Sergio 24/10/17 às 10:49
  • No caso queria saber a diferença entre todos esses eventos, não somente entre o click e o on. Pôs chegou numa parte do curso aqui que o rapaz começou a usar esses eventos, mas disse pra procurarmos na internet porque ele não ia se aprofundar muito, sendo que o curso é de PHP. No caso gostaria de saber mesmo. – Lucas de Carvalho 24/10/17 às 10:51
  • Queres saber a explicação de cada um desses eventos? – Sergio 24/10/17 às 11:02

1 Resposta 1

13

Existem muitos triggers para o jQuery, segue uma breve explicação:

1 - O método .click() é o próprio nome, ele vai disparar uma ação quando houver um 'click' em algum elemento informado no seletor:

$('.button').click(function(){
alert('O botão foi clicado');
})
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>
<button class='button'>Botao</button>

2 - O método .blur() vem do 'escorregar', ou seja, ele dispara uma ação quando o ponteiro sai do elemento selecionado:

Obs: para disparar digite algo no input e pressione a tecla Tab.

$('.input').blur(function(){
alert('O foco saiu do input');
});
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>
<input class='input' type='text'>

3 - Ja o .bind() e o .on() não são o evento por si só, eles são event handlers, ou em português, manipuladores de eventos, sua função é verificar se um evento foi disparado. A diferença entre os dois é que o método .bind() se tornou obsoleto nas versão 3.0 do jQuery, ficando recomendado o uso do método .on(), que também permite acessar elementos que não estavam no DOM original, ainda existem os métodos handlers .live(), que também está obsoleto então não irei explicar, e o método .delegate(), que embora também esteja obsoleto (para a versão 3.0), acho legal explicar, pois ele permite navegar partindo de um elemento escolhido, não somente do documento, ganhando desempenho em uma ação.

Segue exemplo do método .on():

$(document).on('click','.add-botao',function(){
$('.botoes').append('<button class="alertar">Borão gerado via js</button>');
})

$(document).on('click','.alertar',function(){
   alert('botão gerado via js clicado');
})
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>
<button class='add-botao'>Add Botão</button>
<div class='botoes'></div>

Exemplo de .delegate():

$( "table" ).delegate( "td", "click", function() {
  alert($(this).html())
});
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>
<table border='1'>
  <tr>
  <td>
  1
  </td>
  <td>
  2
  </td>
  </tr>
  <tr>
  <td>
  3
  </td>
  <td>
  4
  </td>
  </tr>
</table>

Existem uma série de eventos jQuery que fazer ações expecíficas, segue lista dos que eu mais utilizo:

  • .change() => Dispara quando o valor do elemento muda.

  • .contextmenu() => Dispara ao clicar com o botão direito do mouse.

  • .mouseover() => Dispara quando o mouse passa sobre o elemento selecionado.

  • .ready() => Dispara quando o elemento selecionado está pronto.

Segue documentação oficial dos events, pois são muitos pra descrever em uma única resposta:

OBS: O método .on permite navegar partindo de um elemento especifico, assim como o delegate, por esse motivo o método .bind() e .delegate() foram descontinuados.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.