10

Sempre que vou trabalhar com jQuery eu simplesmente crio:

$(function() {

});

Porque foi a primeira forma que aprendi, no começo achei que era um padrão tipo "int main()" em C, mas depois me deparei com outras formas como:

$( document ).ready(function() {

});

$(function() {

});

$j(function() {

});

function funcao(jQuery) {

}

$( document ).ready(funcao);

Qual a forma certa de usar? Ou qual é o momento certo de usar? Porque o JavaScript puro não precisa? Qual é a sua função?

  • function () {} é JavaScript, no caso vc quer saber a diferença de $() e $.ready, vou editar o titulo. – Guilherme Nascimento 16/10/17 às 19:54
7

Pra ser honesto, são bem semelhantes. Quando se usa:

$(function() {

});

é um shorthand para:

$( document ).ready(funcao);

que programadores mais experientes usam. Quando se usa:

$j(function() {

});

na verdade é o mesmo do primeiro exemplo, exceto que o alias para o jQuery está em $j, talvez porque $ esteja sendo usado, dessa forma:

var $ = minhaLib(); // alias para outra biblioteca qualquer
$j = jQuery.noConflict(); // alias para o jQuery

$(document).on( "ready", manipulador) foi depreciado na versão 1.8 e removida na 3.0

Isso porque ele só executaria o callback se ele fosse anexado antes que o documento estivesse pronto. Isso devido a jQuery ter alterado um pouco a forma de tratar eventos assíncronos, por esse motivo.

Alguns tópicos sobre:

  1. https://api.jquery.com/ready/#entry-longdesc
  2. https://jquery.com/upgrade-guide/3.0/#breaking-change-on-quot-ready-quot-fn-removed
  • 1
    Acha válido citar que até a versão 1.8 existia a forma $(document).on("ready", handler), mas que se tornou obsoleta nessa versão e foi removida do jQuery 3? – Anderson Carlos Woss 16/10/17 às 19:03
  • É válido @AndersonCarlosWoss! vou editar baseado na documentação. – Lucas Costa 16/10/17 às 19:06
  • @LucasCosta O que este código faz? $j = jQuery.noConflict(); – Wictor Chaves 16/10/17 às 19:11
  • e porque o JavaScript puro não precisa? – Wictor Chaves 16/10/17 às 19:25
  • É para caso esteja sendo usado $ como variável, então para não dar conflito se utiliza jQuery.noConflict() @WictorChaves. Editei a resposta com um exemplo. – Lucas Costa 16/10/17 às 19:48
6
$(function() { ... }); 

é apenas uma maneira mais curta de escrever

$(document).ready(function() { ... });

ambas serão executadas quando sua DOM estiver pronta para uso.

Veja este trecho de código:

$( document ).ready(function() {

});

é a mesma coisa que:

function funcao(){ ... }
$(document).ready(funcao);

A diferença, é que no primeiro a função é anônima, e portanto existirá só ali no $(document).ready, na segunda, a função funcao existe globalmente. Ambas definem um handler para o evento de ready do document

$j(function() {

});

$j aqui, é, provavelmente, apenas um alias para o objeto jQuery, ou $, que alguém criou.

Funções são a mesma coisa em qualquer linguagem, um bloco de código que faz algo. O que muda é apenas a sintaxe.

O jQuery existe para nos trazer algumas ferramentas para facilitar o trabalho com JavaScript. Mas tudo que é feito com jQuery pode ser feito apenas com JavaScript puro.

  • 1
    Porque o JavaScript puro não precisa? – Wictor Chaves 16/10/17 às 19:25
  • Do $? Se for, é porque o $ é o álias do plugin do jQuery, que é uma biblioteca – Artur Trapp 16/10/17 às 19:25

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.