2

Vamos supor que tenho um servidor com um processador i7 com 4 núcleos/8 threads.

Em uma arquitetura multi-thread, assumindo que se crie uma thread por requisição, apenas será permitido 8 requisições simultâneas, uma vez que o processador possui 8 threads?

Se os servidores PHP são multi-thread, como conseguem responder a milhares de conexões simultâneas?

3

Não fazem. Simultâneo só a quantidade de processadores existentes. Existe uma ilusão de simultaneidade, como ocorre no seu computador agora. Tem centenas ou milhares de processos rodando e parece que tudo está simultâneo, mas não está. Vai havendo troca de execução.

O sistema operacional vai agendando uma thread de cada vez em cada processador existente. Como a troca ocorre muito rápido parece superficialmente que estão executando simultaneamente, mas se fizer um teste básico de tempo verá que não é bem assim.

Estamos falando de processador. Acontece que grande parte das tarefas envolvem entrada e saída, então enquanto está lendo ou escrevendo dados externamente ao processador este fica ocioso então ter várias threads, bem mais que estas 8 pode ser útil já que enquanto uma thread espera o recurso externo responder outra que não está dependendo de recurso externo pode executar, o que ajuda dar a ilusão de simultaneidade.

Na verdade hoje é mais comum aplicações trabalharem assincronamente e não depender tanto assim de threads para compensar o uso de acessos externos.

De qualquer forma tenho minhas dúvidas se um único servidor consegue atender milhares de requisições "simultâneas" com PHP.

O Node limita à quantidade virtual de CPUs porque ele trabalha assincronamente, não tem porque usar threads em excesso porque o processador é acionado conforme a necessidade, não precisa haver concorrência de recursos de CPU. Ele enfileira as requisições em excesso já que não tem como atender mais que a capacidade do hardware, assim economiza com o gerenciamento e por isso escala muito melhor, fora o fato que o aproveitamento não fica tanto na "sorte" do momento.

O Node ficou conhecido por fazer isto, mas todas tecnologias fazem isto hoje, em geral usam a libuv. Em geral as pessoas não entendem muito do que estão fazendo, elas leem algo e acham que é aquilo que está escrito sem questionar, sem entender o que está ocorrendo ali.

Leia É sempre garantido que uma aplicação com múltiplas threads rode mais rápido que usando uma única thread? para entender melhor.

  • Apenas adicionando um outro ponto que vale a pena esclarecer. As plataformas que processam milhões ou bilhões de requests não tem apenas um web server, geralmente elas tem N web servers e N load balancers na frente. – Tom Melo 23/09/17 às 14:58
  • Obrigado. OK, percebi que um processador só pode processar uma thread de cada vez, porque então dizem que o processador possui 8 threads? Então uma arquitetura multi-thread, tal como a utilizada por alguns servidores PHP, essas threads não são as threads do processador, tal como o Júlio Neto disse na resposta dele? – Filipe Moraes 23/09/17 às 16:09
  • Existe uma diferença de definição. Existe 1 chip com 4 processadores independentes dentro dele e cada um com capacidade de executar duas linhas de processamentos separadas cada, daí dá a capacidade de 8 threads realmente simultâneas, todas as outras se interpolarão. Em geral as pessoas usam terminologias mais ou menos certas. thread é thread não existe thread de baixo ou alto nível. Thread é um conceito do sistema operacional entregue para as aplicações. Nos links explica tudo isto. – Maniero 23/09/17 às 16:24
1

Aplicações não estão limitadas às threads e aos cores dos processadores. Na verdade apenas o sistema operacional tem acesso à essas threads de baixo nível. E os sistemas normalmente possuem API's para que as aplicações possam criar um número virtualmente ilimitado de threads, dividindo o tempo de CPU entre elas.

  • Mas isso se tratando de servidores PHP, correto? Estou a estudar NodeJS e pareceu-me que está limitado pelo número de threads do processador, pelo menos fiquei com essa ideia. – Filipe Moraes 22/09/17 às 19:17
  • Isso é algo específico do nodejs. Foi uma escolha do projeto o nodejs ser single thread. Assim realmente ele está limitado às threads de baixo nível da máquina. Mas nada impede q exista uma API para o node q crie threads de alto nível como servers de outras linguagens fazem. – Júlio Neto 22/09/17 às 19:23
  • Vale lembrar que, uma aplicação PHP, por ser interpretada, cria-se uma thread da aplicação por requisição. Uma aplicação Node.js é instanciada uma thread que recebe e trata todas as requisições, e para cada requisição, uma sub thread é criada e recebe injeção de servicos já instanciados. – Thiago Lunardi 23/09/17 às 10:42
  • 3
    @ThiagoLunardi Não necessariamente. Veja como exemplo uma aplicação PHP bem feitinha como a do guerrilamail, é um loop só, que atende muitas requisições TCP simultaneas, assincronamente. É uma state machine que gerencia vários sockets, bem robusta por sinal. Assincronismo é algo relativamente simples de se obter com sockets, seja em que linguagem for (independente de ser interpretada). – Bacco 23/09/17 às 13:23

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.