1

Ja li várias coisas sobre isso,e cheguei a esta conclusão, exemplo:

   var classe = function () {
        var metodo = function () {
            return 0;
        }
        return {
            init: function () {
                metodo();
            }
        };
    }();

    jQuery(document).ready(function () {
       classe.init();
    });

Primeira:

Essa é a forma correta de instanciar classes/metodos em javascript ? Se não, como seria a forma correta ?

Segunda:

Métodos jQuery são chamados de forma cadenciada:

$('#elemento').show().html('<html></html>').append('<div></div>').addClass('exemplo');

O jQuery de forma nativa (sem fazer funções, apenas os métodos originais) pode ser considerado uma orientação a objeto ?

  • Os métodos de jQuery dão para encadear porque todos eles retornam um jQuery que é um objeto com a coleção apanhada no selector ou alterada caso o ultimo método tenha alterado. Pode confirmar consultando alguns deles na documentação: show, append – Isac 19/09/17 às 21:36
  • @Anthraxis Já deu uma lida na documentação do MDN sobre classes no ES6? – Anderson Carlos Woss 19/09/17 às 22:00
  • @AndersonCarlosWoss esse link especifico que mando ainda não, mas é muito estranho como o javascript funciona, usar é fácil, o dificil é saber o que você ta fazendo D: – AnthraxisBR 20/09/17 às 12:27
1

É interessante pensar em J-query como um aliado do javascript em orientação a objeto, mas não faz nenhum sentido misturar J-query em coisas que não estejam relacionadas a manipulação de DOM e manipulação de eventos.

Pense em coisas como Herança, polimorfismo, abstração, encapsulamento. J-query só iria atrapalhar, até porque não passa de uma biblioteca que fornece os métodos da linguagem nativa.

Em relação a classe, há também um infinidade de modos de instancia-la, cada uma com sua particularidade.

Vale a pena ler Desvendando a linguagem javascript

1

Está correto. Porém faria a seguinte observação. Para instancia, deve-se usar o new Classe().init() Porém, não é a unica forma. Você também pode usar como auxílio, o prototype. vai lhe ser útil.

Com relação a orientação a objetos. hoje eu não acredito que o js seja OO. Porém, acredito que ele faça uso de objetos e de forma cadenciada, o que potencializa o uso da linguagem.

Hoje acredito que a grande vantagem no JS está nesta forma "corrida" de programar.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.