5

Existe varias formas de se declarar uma variável do tipo string em C como:

char *str;
char str[];
char str[100];
char str[1][100];

O que eu gostaria de saber é, existe uma forma correta para declarar uma variável do tipo string ou mais recomendada para determinados casos?

11

Nenhuma delas está declarando strings mesmo, estão declarando variáveis que podem suportar strings.

A última me parece estranha, mas funciona, se usado certo, de forma geral não é usado a não ser que tenha um motivo específico. As outras estão todas corretas.

Esta declara que a variável str* será um ponteiro para caracteres. Onde estão estes caracteres é problema de outra parte do código dizer, o que precisa é que depois coloque o endereço da string nesta variável.

char *str;

Já a seguinte não é permitida porque não tem como determinar o tamanho do array.

char str[];

Está já muda um pouco porque ela já reserva o espaço para 100 caracteres (99 úteis) e a string ficará junto da variável alocado já no stack. O conteúdo será colocado em seguida.

char str[100];

Na verdade o mais comum é fazer assim, no stack ou na área estática:

#include <stdio.h>

int main(void) {
    char str[] = "teste";
    char *strx = "teste";
    printf("%s", str);
    printf("%s", strx);
}

Veja funcionando no ideone. E no repl.it. Também coloquei no GitHub para referência futura.

Veja mais em Ponteiro de char ou array de char?.

Entenda a diferença entre array e ponteiro.

E ainda leia:

1
  • Já vi pessoas inicializando uma string usando a função strcpy(), é recomendável utilizar ela? Se sim, em quais casos? 13/05/21 às 22:18
1

Brinquei um pouco com struct para ver se conseguia fazer uma implementação de string. Até consegui, mas acho que não funciona para gravar num arquivo texto. Ainda não fiz o teste.

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>


// Declaração do tipo string.
typedef struct STRING *string;

// Declaração de um struct usando o tipo string.
typedef struct DISCIPLINA{
    int cod;
    string nome;
}Disciplina;

int main(int argc, char *argv[]) {
    // Declarando uma variável do tipo string
    string frase;

    // Primeiro teste.
    frase = "teste de string";
    printf("%s\n", frase);

    // Segundo teste, alterando o valor da variável.
    frase = "outro teste de string";
    printf("%s\n", frase);

    // Terceito teste, fazendo uma entrada pelo teclado.
    printf("Digite algo: "); fflush(stdin); 
    frase = gets(malloc(100));
    printf("Voce digitou: %s.\n", frase);

    // Quarto teste, Fazendo a estrada na struct pelo teclado.
    Disciplina d;
    d.cod = 1;
    //d.nome = "orientacao a objetos";
    printf("Digite o nome da disciplina: "); fflush(stdin); 
    d.nome = gets(malloc(100)); 
    printf("Cod: %i Nome: %s\n", d.cod, d.nome);

    return 0;
}
1

Lembrando que ao declarar um ponteiro do tipo char, se você não declarar o conteúdo da string diretamente, poderá gerar um erro segmentation fault (por acessar endereços indevidos), já que não foi alocado memória para armazenar determinada string. Exemplo:

#include <stdio.h>

int main(void)
{
    char *string;
    fgets(string, 30, stdin); // Fazendo a leitura da string
    printf("%s\n", string);   // Irá apresentar um erro segmentation default
    return 0;
}

Maneira correta (alocando memória para armazenar a string):

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>

int main(void)
{
    char *string;
    string = malloc(30 * sizeof(char)); // Alocando 30 bytes para armazenar a string
    fgets(string, 30, stdin);           // Fazendo a leitura da string
    printf("%s\n", string);             // Imprimindo a string na tela
    free(string);                       // Liberando memória alocada
    return 0;
}

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies