4

Utilizando o PHP ao instanciar um objeto eu o faço da seguinte forma:

$obj = NEW my_class_exemplo;

porém sempre o auto complete do netbeans me da a opção de colocar com parenteses assim:

$obj = NEW my_class_exemplo();

Pergunta: Existe alguma diferença na utilização de alguma das opções em termos de performance e mecânica?

5

Na prática, não parece existir nenhuma diferença.

Pelo que percebo, a maioria das pessoas e das implementações de IDE preferem instanciar com parêntesis para seguir o code standard usado na própria documentação do PHP e pela comunidade em geral, que segue o de outras linguagens orientadas a objetos.

Não encontrei uma referência na documentação do PHP, apenas uma na Wikipedia que diz:

Chamadas a funções devem ter um parêntesis, com exceção da função do construtor de classes quando esta não tem argumentos e é chamado com o operador new do PHP, onde os parêntesis são opcionais (tradução livre).

Alguém pode argumentar que economizando os dois caracteres (2 bytes se usar a codificação ASCII, 4 se for um UTF-8, ...) seu arquivo PHP seria carregado e interpretado mais rapidamente. No entanto, qualquer ganho provavelmente será insignificante e não mensurável, já que arquivos PHP são sempre cheios de caracteres "sobrando", principalmente quando misturados com HTML.

3

Na realidade o uso ou não do parênteses é opcional quando você não informa dados ao construtor da classe. A real necessidade de informar os parênteses é de repassar dados ao construtor. Mas por questão de padronização sempre utilize com parênteses, como dito pra manter um padrão.

<?php

class Foo {

    public function __construct() {
    }
}

class Bar {

    public function __construct( $data ) {

    }
}

new Foo; # Instancia correta, não acusará erro.
new Bar; # Instancia errada, acusará erro.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.