1

Esta pergunta já tem uma resposta aqui:

Bom tenho 2 formas para me previnir contra sql inject, são elas:

$input = $conexao->real_escape_string($input);

$input = filter_var ($input, FILTER_SANITIZE_SPECIAL_CHARS);

Query

select * from cadastro where nome = '".$input."' LIMIT 1

Qual é a melhor forma?

O real_escape_string consome recurso do servidor mysql ou php?

marcada como duplicata por UzumakiArtanis, Anderson Carlos Woss, Tiago S, Ismael, Inkeliz 10/08/17 às 22:23

Esta pergunta foi feita antes e já tem uma resposta. Se essas respostas não abordarem completamente sua pergunta, faça uma nova pergunta.

  • 2
    O FILTER_SANITIZE_SPECIAL_CHARS por mim é terrível. Ele vai converter outras informações como o <, > e até o &. Na minha opinião o banco de dados deve guardar todo o conteúdo original e usar o htmlentites (ou htmlspecialchars) na saída da informação, nunca na entrada. Até porque, se utilizar o FILTER_SANITIZE_SPECIAL_CHARS você vai passar um < para &lt;, dai você vai fazer um json_encode de um valor &lt;, não faz menor sentido. Imagina que meu nome de usuário seja<dev>, você pegará a informação de &lt;dev&lr;. Sobre "consumir recursos", tudo consome. :) – Inkeliz 9/08/17 às 17:23
2

Usando PDO também ajuda

 $query = "SELECT* FROM cadastro WHERE nome = :nome LIMIT 1";

 $stmt = $this->connection->prepare($query);
 $stmt->bindValue(":nome", $input, PDO::PARAM_STR);

Assim, você define que tipo de variável vai para cada parametro PDO::PARAM_STR

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.