11

Preciso saber, para que servem esses dois atributos data-target e data-toggle que ficam em inputs, buttons e semelhantes no HTML?

21

Sobre os atributos data-*

O HTML5 foi criado pensando na extensibilidade dos dados que precisam ser associados a um determinado elemento mas não necessariamente tem um significado definido.

Atributos data-*, habitualmente usados juntamente com o framework Bootstrap, permitem armazenar informações extras em elementos HTML padrões e semânticos, sem a necessidades de hacks como classList, atributos fora do padrão, propriedades extras no DOM ou o obsoleto método setUserData.

Veja um exemplo abaixo de uso na tag <article>:

<article
  id="electriccars"
  data-columns="3"
  data-index-number="12314"
  data-parent="cars">
...
</article>

Veja que foi criado atributos extras para o elemento em questão e adicionado vários valores a ele, sem a necessidade de fazer algo estranho e/ou não semântico.

Leitura recomendada e interessante sobre o assunto nesta outra resposta.

Data Toggle

O data-toggle é um atributo de dados do HTML5 que liga automaticamente o elemento ao tipo correspondente.

Por exemplo, se você tem um dropdown, como nesta outra resposta:

<div class="dropdown">
  <a class="dropdown-toggle" data-toggle="dropdown" href="#">Dropdown trigger</a>
  <ul class="dropdown-menu" role="menu" aria-labelledby="dLabel">
    <li><a href="#">Item</a></li>
  </ul>
</div>

Pode perceber que através do uso do data-toggle é reafirmado, que o elemento em questão é um dropdown.

Alguns outros elementos que são mais comumente usados:

data-toggle="modal"
data-toggle="collapse"
data-toggle="dropdown"
data-toggle="tab"

data-toggle, nesses exemplos citados, declaram que o elemento, respectivamente é um modal, accordion, dropdown, e estrutura de abas.

Data Target

O data-target geralmente utilizado no Bootstrap, está junto aos modais, mas não somente. Pelo próprio nome, subentende-se que irá fazer referência ao seu alvo, objetivo. Este atributo deve conter um seletor CSS que aponte para o elemento HTML que irá participar do evento.

Veja um exemplo, utilizando um modal:

<button type="button" class="btn btn-primary btn-lg" data-toggle="modal" data-target="#myModal">
  Launch demo modal
</button>

<!-- Modal -->
<div class="modal fade" id="myModal" tabindex="-1" role="dialog" aria-labelledby="myModalLabel">
  <div class="modal-dialog" role="document">
    <div class="modal-content">
      <div class="modal-header">
        <button type="button" class="close" data-dismiss="modal" aria-label="Close"><span aria-hidden="true">&times;</span></button>
        <h4 class="modal-title" id="myModalLabel">Modal title</h4>
      </div>
      <div class="modal-body">
        ...
      </div>
      <div class="modal-footer">
        <button type="button" class="btn btn-default" data-dismiss="modal">Close</button>
        <button type="button" class="btn btn-primary">Save changes</button>
      </div>
    </div>
  </div>
</div>

Quando você clicar no botão (e se tudo estiver correto), irá abrir um modal box com o id que seja igual à myModal. Sem muito esforço você estará utilizando através do data-target mais um dos componentes pré-desenvolvidos JavaScript.

Adendo

Você pode perceber a diferença quando se compara o código acima, que abrirá um modal com id myModal, utilizando os atributos data-* e tendo que fazer a codificação manual, veja abaixo:

  • Usando atributos data-*
<button data-toggle="modal" data-target="#myModal">
    Novo
</button>
  • Sem usar os atributos data-*
<button id="btnModal">
    Novo
</button>

E então na tag script, teria que codificar algo semelhante a isso para abrir o modal:

$("#btnModal").click(function(){
    $("#myModal").modal();
});

Temos perguntas respondidas sobre esse assunto no nosso Grande Irmão SO, mais especificamente aqui e aqui. Também tem este artigo do MDN, ao qual tirei a maioria das informações.

Nota sobre os atributos data-*:

O atributo data-*, como foi dito é usando com maior frequência juntamente com o framework Bootstrap. Entretanto, é possível utilizar suas funções através de JavaScript somente:

var article = document.getElementById('electriccars');

article.dataset.columns // "3"
article.dataset.indexNumber // "12314"
article.dataset.parent // "cars"

Ou através deste exemplo:

var button = document.getElementById('your-button-id');

var cmd = button.getAttribute('data-cmd');
var id = button.getAttribute('data-id');

button.setAttribute('data-cmd', yourNewCmd);
button.setAttribute('data-id', yourNewId);

Mas, como foi dito pela própria W3C:

Os atributos de dados personalizados destinam-se a armazenar dados personalizados privados para a página ou aplicativo, para os quais não há mais atributos ou elementos apropriados.

Dito isso, é possível compreender que o atributo data-* destina-se a armazenar pequenas quantidades de dados invisíveis que não são cruciais para o usuário e podem se tornar visíveis posteriormente. Se os dados forem cruciais para o usuário, ele deve ser apresentado de forma visível e mais acessível. Lembrando também que semanticamente falando, existem elementos mais apropriados para casos como esses.

E apesar de ser possível manipular os dados com JavaScript, não é recomendado.

8

Como muito bem explicado pelo colega UzumakiArtanis, os atributos data-* são criados para adicionarmos mais informações relacionadas ao elemento, e isto é muito utilizado em diversas bibliotecas e plugins.

No caso de data-target e data-toggle, isso também acontece. Muito provavelmente você está falando do plugin para diálogos modal do Bootstrap. Este plugin é que define qual o significado desses atributos, não a especificação HTML5.

O bootstrap definiu que o plugin Modal vai localizar todos os data-toggle="modal" e trabalhar com este elemento para poder abrir a janela de diálogo, que é ligada a ele pelo atributo data-target.

Fontes:

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.