16

O pessoal tem comentado bastante sobre o uso de GraphQL e com isso, alguns comentários de que irá substituir essa ascensão que temos de API's REST.

  • Qual a diferença entre os dois (GraphQL e REST)?
  • E, em que cenário é interessante eu optar por GraphQL e/ou REST?
13

O GraphQL é uma linguagem de busca, até ai o REST também faz.

A diferença é que com GraphQL você busca exatamente o que você quer (um front-end sabe exatamente como isso funciona).

Por exemplo, eu fiz uma API em Graphql envolvendo a API do meu Instagram.

Se você clicar no link, você vai reparar que aparece um JSON enorme.

Com REST você pega todos esses dados, com GraphQL você pega somente o que é necessário para você. Isso reduz a carga de dados enviados do servidor para o navegador.

JSON

Em resumo, acredito que seja essa a vantagem do GraphQL.

Várias empresas estão migrando de REST para GraphQL, dá uma olhada nessa lista.

Caso você queira começar, esse tutorial é excelente.

Também vale a pena ver esse post do New York Times falando a migração que eles fizeram.

11

O GraphQL foi criado para abordar, por exemplo, os seguintes problemas com o REST:

(1) a URL fica complicada com relações complexas e de muito nesting

(2) o problema de "overfetching," quando você obtém mais dados do que precisa

(3) o problema de fazer muitos pedidos de HTTP para vários tipos de recursos (ou se você tem que fazer muitos pedidos para o mesmo recurso, um por um)

No REST, tem uma URL com um verbo de HTTP para cada operação CRUD. Por exemplo,

  • para obter todos os produtos de um certo backend: GET /produtos;
  • para obter o récorde de um produto: GET /produtos/123456, onde 123456 é o id do produto.
  • e assim por diante

No GraphQL, só tem um único endpoint, normalmente POST /graphql. Todas as operações são realizadas por meio desse caminho. Para obter dados, você faz uma query. Para modificar os dados, você faz uma mutation. Para assinaturas, você faz uma subscription.

No REST, quando você faz pedido para obter dados de, por exemplo, um certo produto, o recorde JSON normalmente vem com tudo que tem disponível sobre aquele produto.

As vezes o seu frontend só precisa de uma ou duas propriedades, mas o objeto json vem com umas 30+. Isso se torna um problema, principalmente se você quer servir usuários de aplicativos móveis que não tem uma conexão muito boa. Essa foi uma das razões que a galera do Facebook criou o GraphQL.

Com o GraphQL, você pode pedir ao backend exatamente o que você precisa. Por exemplo, no caso do produto, se só precisamos do nome do produto, basta fazer uma query ao GraphQL assim:

query {
  produto(id: "123456") {
    nome
  }
}

O exemplo acima é bem simples. Ele economiza a bandwidth como só retorna uma propriedade em formato json pro usuário.

Outro exemplo mais complexo é o seguinte. No meu trabalho já me deparei muito com situações onde um pedido HTTP pra uma API não me dá todas as informações necessárias pro frontend. Por isso, sempre tenho que fazer vários outros pedidos (incluindo de várias outras APIs) só pra poder obter e injetar essas informações no objeto inicial.

Se uma Companhia tem vários Produtos; e cada produto têm vários Modelos, fazendo GET /companhias/4321/produtos/123 em REST me daria informações sobre o produto 123, mas talvez não incluiria todas as informações sobre a companhia. Digo isso se usar um backend MVC que gera rotas e ações REST automaticamente. As vezes fazendo GET /companhias/4321 lhe dá acesso aos produtos, mas cada produto nāo inclui informaçāo sobre os modelos (só incluiria o modeloId de cada).

Você já vê que o negócio acima fica complicado e mais difícil de entender rapidamente. E você tem que fazer várias personalizações no backend pra poder obter todos os dados desejados. Ou você teria que fazer vários pedidos HTTP e fazer processamento de dados no frontend.

Com o GraphQL, embora que você tenha que configurar tudo no backend, do frontend você só faz o seguinte:

query {
  companhia(id: "4321") {
    nome
    dataDeFundacao
    produto(id: "123") {
      id
      nome
      modelos {
        id
        nome
        dataDeLancamento
        preco
      }
    }
  }
} 

Com a query acima, você obteria informações específicas sobre a companhia 4321, além das informações específicas do produto 123, além de todos os modelos incluindo id, nome, dataDeLancamento, e preco. E tudo isso viria de um só pedido de HTTP, do único endpoint /graphql. É importante notar que as informações não precisam vir da mesma API. Você pode ter várias APIs em vários locais e usar o GraphQL para combinar tudo em uma só resposta.

Para concluir, eu recomendaria usar o GraphQL se você tiver constante problemas como os mencionados anteriormente.

1

Para complementar as respostas acima irei citar um projeto que trabalhei recentemente e implementei graphql.

Eu estava trabalhando em um projeto que consumia uma API REST de CMS, então eu pagava as categorias, subcategorias, produtos e ofertas via esta API e mandava pro front-end consumir, o problema surgiu quando os cadastros no CMS cresceram, ae o json final que estava sendo enviado para o front-end estava com um tamanho próximo dos 4mb, o q é muita coisa, ae pra resolver isso eu tinha duas opções:

1 - Filtrar os dados no servidor, o que iria necessitar de muito código e tratamentos especificos, daria bastante trabalho.

2 - Criar um servidor graphql e consumir esta API REST atraves do graphql.

Eu escolhi a opção 2 e isso fez o tamanho do json de resposta cair de quase 4mb para 50kb em alguns casos, pq passei a solicitar somente o necessário para o servidor, e isso juntamente com algumas técnicas de cache solucionou meu problema.

Então este é o grande beneficio do GraphQL, permitir ao front-end que consuma somente o necessário, e não necessariamente precisa ser um substituto ao REST, pois em alguns casos como sistemas legados você não poderá simplesmente parar de usar a API REST, então o que você pode fazer é unir os dois onde fizer sentido e colher os mesmos beneficios.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.