2

Ao executar a consulta abaixo:

public ActionResult GridViewPartial()
    {
        if (Session["cod_cli"] != null)
        {
            int cod_cli = Convert.ToInt32(Session["cod_cli"]);

            //var model = db.DadosTecnicos;

            var model = (from s in db.DadosTecnicos
                        where s.id_cliente.Equals(cod_cli)
                        select s).ToList();

            return PartialView("~/Views/DadosTecnicos/_GridViewPartial.cshtml", model);
        }
        else
        {
            return RedirectToAction("Login", "Account");
        }
    }

É retornado o erro:

erro

Porém, se eu substituir o Equals por == funciona.

Mas por que?

  • A questão é por que está usando Equals()? Qual o tipo de id_cliente? – Maniero 31/07/17 às 12:05
  • @bigown é tipo int, eu achei que a utilização de equals seria uma uma forma melhor de utilizar == – Thomas Erich Pimentel 31/07/17 às 12:11
  • Se pode colocar na sua pergunta a tabela e a classe? @Thomas – Virgilio Novic 31/07/17 às 23:55
  • Qual é a versão do Entity Framework!? – Virgilio Novic 4/08/17 às 13:09
4

Se você quer testar a igualdade de algum objeto deve usar o operador de igualdade que é o == que opera naquele tipo. O método Equals() testa a igualdade do objeto de acordo com a hierarquia. Nem sempre ele executará o que espera, a não ser que domine o funcionamento da linguagem. Na verdade já respondi a diferença entre eles em Qual a diferença no uso do método Equals para o operador ==?. Tem um complemento em outra resposta. Só use o Equals() com argumentos que deve operar só no tipo, mesmo assim com parcimônia, entendendo se isto não terá algum efeito colateral.

Quando você usa em uma expressão LINQ que será convertida para alguma outra coisa, como o SQL, o fornecedor do acesso pode interpretar cada um deles de forma diferente. No caso o fornecedor está transformando o operador de igualdade do C# em operador de igualdade do SQL. Quando ele encontra um Eauals() ele deve transformar em que? Este método não é necessariamente igual ao operador. Pode ser que nem opere como o tipo esperado já que ele é virtual, ele sequer sabe se dá para transformar em operador de igualdade. Talvez você saiba se dá, mas o compilador não.

O método nunca é melhor que o operador a não ser que tenha um justificativa clara e fundamentada para isto. Não deve seguir achismos. Eu já vi o AP aceitar uma resposta que ensina usar Equals(). Tem caso que funciona, mas é quase uma coincidência.

Isso é o que eu tenho repetido várias vezes: funcionar é diferente de ser certo. O certo funciona sempre, o que funciona pode só funcionar naquele caso, com aquele dado, naquela situação. Talvez o maior erro que os programadores cometem e muitos nunca aprendem é que funcionar é a pior coisa que pode acontecer para você, porque passa a sensação de dever cumprido mesmo que esteja ocorrendo o oposto. Muitas vezes a resposta que usou Equals() deu certo ali, mas ensinou errado. Tem um monte de resposta aceita no site que está errada. Por isso eu confio pouco na aceitação e mais na votação, embora isto esteja cada vez mais falho também, além de sua falha inerente já que pode ser tendenciosa para a resposta que foi dada antes.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.