0

ao dar o comando netstat -na no cmd do windows aparecem as conexões de rede que estão em andamento na máquina.

Na minha apareceram diversas conexões tendo como IP de origem e destino o "127.0.0.1" que é o endereço "interno", ou seja, comunicação da própria máquina com ela mesma.

Alguém sabe porque o Windows faz isso? Ao invés de usar simplesmente (e somente) a comunicação entre processos? (Pipes, fifos, mensagens, sinais...)

inserir a descrição da imagem aqui

2
  • Para sua pergunta não ficar vaga, seria interessante adicionar print desse comando que você diz apresentar conexoes internas. – user28595 30/07/17 às 22:37
  • Coloquei a imagem... – Lucas Pletsch 30/07/17 às 23:52

2 Respostas 2

0

Imagine que você precise testar sua aplicação cliente-servidor ou peer-to-peer consigo mesmo, sua máquina não está conectada na Internet, nem tem um IP real, e o protocolo de rede é o TCP/IP. Que endereço você usaria para se conectar consigo mesmo?

Bem, a IETF escreveu há muito a RFC 5735, que, entre outras coisas, define endereços IP especiais, como este, o 127.0.0.1, chamado loopback. É um endereço fixo que aponta sempre para a própria máquina. Utilizar o domínio localhost resulta no mesmo, porque no arquivo hosts do sistema operacional localhostestá mapeado para 127.0.0.1.

A aplicação nunca se encarrega da rede. Para ela não faz diferença se você está rodando o cliente e o servidor na mesma máquina ou em máquinas diferentes. Ela apenas vai obter a configuração de IP e porta que lhe for passada e pedir ao sistema operacional enviar a comunicação. Mas, quando se envia algo para 127.0.0.1, o sistema operacional nem se dá ao trabalho de enviar para além da placa de rede. O driver de rede TCP/IP passa direto para a porta da aplicação.

Existem outras utilidades menores deste endereço. Como por exemplo testar se o protocolo de comunição de rede instalado é o TCP/IP versão IPv4, com o comando $ ping 127.0.0.1. O sistema operacional precisa entender este endereço.

4
  • Ok, eu também uso o loop back para testar exercícios de programação que usam sockets, mas isso não explica porque o meu windows tem tantas conexões desse tipo abertas sabe. – Lucas Pletsch 31/07/17 às 0:38
  • Experimente rodar o netstat assim: netstat --program. Isto irá mostrar qual programa deixou a porta aberta. Às vezes é o próprio Firefox... – C. Bohok 31/07/17 às 1:18
  • @C.Bohok netstat -b , requer nível elevado – Rovann Linhalis 31/07/17 às 1:30
  • Então vai ser preciso pedir ajuda para o Admin da rede para executar o comando como su. Eu desconheço outra forma de saber qual programa está abrindo as portas, além da forma mencionada netstat --program. Se alguém souber, favor comentar aqui, eu também gostaria de saber. – C. Bohok 31/07/17 às 15:08
0

Alguém sabe porque o Windows faz isso? Ao invés de usar simplesmente (e somente) a comunicação entre processos? (Pipes, fifos, mensagens, sinais...)

Não é bem o windows que faz isso, há sim alguns serviços nele que fazem isso, mas a maioria são de outros programas que deve ter instalado no seu computador.

Imagine um servidor de banco de dados, toda a comunicação é feita por TCP/IP, porque ele deve funcionar via rede. E para a comunicação local, ele continua a utilizar o TCP/IP, porém com o endereço loopback.

Imagine a complicação para desenvolver uma comunicação de rede e uma local (entre processos, mensagens, pipes, etc) apenas para não gerar essas conexões em loopback. Totalmente desnecessário.

Utilize netstat -a -b para ver quais são os executáveis que estão escutando ou comunicando com essas portas, ou então um software tcpview.exe da Sysinternals que mostra detalhada todas as comunicações do SO.

Download tcpview: https://docs.microsoft.com/en-us/sysinternals/downloads/tcpview

1
  • Entendi. Mas ao criar uma conexão local ao invés da simples comunicação entre processos, não acaba sendo mais custoso pra máquina? – Lucas Pletsch 17/09/17 às 18:31

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.