18

Às vezes eu vejo utilizarem success, às vezes eu vejo .done, para tratar a resposta obtida na requisição.

  • Qual eu devo usar?
  • Existe alguma diferença entre as duas? Qual?

A mesma coisa para .error e .fail.

Utilizo o jQuery 3.2.1.

  • O .done sempre é executado, enquanto que .success só é chamado caso ocorra sucesso. Não sei a distinção entre .fail e .error – Jefferson Quesado 4/07/17 às 20:19
  • Deve ser a mesma coisa – EUSOU-EU 4/07/17 às 20:20
  • 2
    Não são. Os métodos done e fail estão relacionados ao retorno da função $.ajax, que é um Promise. Os métodos success e error são callbacks executados dentro da própria função. – Anderson Carlos Woss 4/07/17 às 20:23
22

Conceitualmente eles não são a mesma coisa, mas o resultado produzido é exatamente o mesmo. As funções success e error são denominadas callbacks. Por sua vez, as funções done e fail são métodos de um Promise.

Diferença entre promise e callback

O resultado é exatamente o mesmo porque o jQuery utiliza os próprios métodos done e fail para executar as funções success e error. Veja o trecho de código retirado do repositório oficial (linha 662):

// Install callbacks on deferreds
completeDeferred.add( s.complete );
jqXHR.done( s.success );
jqXHR.fail( s.error );

Neste caso, s.success faz referência ao success passado em options, assim como s.error faz referência a error.

Qual deles utilizar?

Se você possui apenas uma função success e error, não faz diferença. Use qual preferir. Utilizar o done e fail são úteis quando você precisa executar múltiplas funções em cada evento:

$.ajax("dominio.com")
    .done(fazAlgo1)
    .done(fazAlgo2)
    .fail(deuErrado1)
    .fail(deuErrado2);

Utilizando success e error você não consegue atribuir várias callbacks. Existem ainda a callback complete que é executada sempre, após a execução de success ou error. Neste caso, o método semelhante no Promise seria o always.

Para mais informações, vale ler a documentação oficial citada na outra resposta

Nota: é importante salientar que os métodos .success e .error que a documentação cita como obsoletos não são as callbacks success e error. São, na verdade, métodos presentes no Promise em versões antigas do jQuery. As funções callbacks ainda podem ser utilizadas.

Exemplo utilizando callbacks:

Utilizando a função callback success.

$(() => {

  $.ajax({
    url: "https://jsonplaceholder.typicode.com/users",
    method: "get",
    dataType: "json",
    success: users => {
      $(users).each(i => {
        console.log(users[i].name);
      });
    },
  });

});
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>

Exemplo utilizando Promise

Utilizando o método done do objeto Promise retornado por $.ajax.

$(() => {

  const request = $.ajax({
    url: "https://jsonplaceholder.typicode.com/users",
    method: "get",
    dataType: "json"
  });
  
  request.done(users => {
    $(users).each(i => {
      console.log(users[i].name);
    });
  });

});
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>

Exemplo utilizando métodos obsoletos do Promise (OBSOLETO)

Utilizando o método success do objeto Promise retornado por $.ajax.

Este método está presente apenas para referência, mas o mesmo está obsoleto desde a versão 1.8 do jQuery e foi removida completamente no jQuery 3. Não utilize-a.

$(() => {

  const request = $.ajax({
    url: "https://jsonplaceholder.typicode.com/users",
    method: "get",
    dataType: "json"
  });
  
  request.success(users => {
    $(users).each(i => {
      console.log(users[i].name);
    });
  });

});
<script src="https://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/2.1.1/jquery.min.js"></script>

Exemplo utilizando fetch

Uma alternativa está em testes no momento chamada fetch. A função é basicamente o que $.ajax faz, acredito eu, mas será nativa no navegador, não precisando importar uma biblioteca de terceiros. Uma requisição GET, por exemplo, poderia ser feita assim:

const request = new Request("https://jsonplaceholder.typicode.com/users", {"method": "GET"});

fetch(request).then(response => {
  if (response.ok) {
    return response.json().then(data => {
      data.forEach(user => {
        console.log(user.name);
      });
    });
  }
});

Ao meu ver ela será muito melhor de utilizar, não apenas por ser nativa, mas por ser semântica, trabalhando com objetos do tipo Request, Response, Headers, etc. Mas lembrando, ainda está em fase de testes.


Outras leituras

O que são promises (promessas) em javascript?

Como realmente aprender a usar promessas em javascript?

O que é callback?

Qual a diferença entre function() {} e () => {}? Por que não funciona o $http.get?

  • UHMMM agora eu entendi a diferença bem legal – EUSOU-EU 4/07/17 às 20:36
1

De acordo com a documentação do jQuery, segue abaixo os status

jqXHR.done(function( data, textStatus, jqXHR ){});
Uma alternativa para a opção de retorno de success.


jqXHR.fail(function( jqXHR, textStatus, errorThrown ){});
Uma alternativa para o retorno de erro, o método .fail() substituiu o método .error() que hoje é obsoleto.
jqXHR.always(function( data|jqXHR, textStatus, jqXHR|errorThrown){}); (adicionado em jQuery 1.6)
Uma alternativa para a opção de chamada quando a requisição está completa. O método .always() substituiu o método .complete() que hoje está obsoleto.

Caso seja uma solicitação bem-sucedida, os argumentos da função são os mesmos de .done(). Para solicitações que ocorreram erros, os argumentos são iguais aos de .fail().


jqXHR.then(function( data, textStatus, jqXHR ) {}, function( jqXHR, textStatus, errorThrown ){});
Incorpora a funcionalidade dos métodos .done() e .fail(), permitindo (a partir de jQuery 1.8) trabalhar com Promise.
Importante: os retornos de jqXHR.success(), jqXHR.error() e jqXHR.complete() foram removidos a partir da versão 3.0 do jQuery. Você pode usar jqXHR.done(), jqXHR.fail() e jqXHR.always() como alternativa.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.