9
  • Deveríamos sempre utilizar os atributos de uma classe como privados?
  • O que as variáveis privadas ajudam a prevenir?
  • Como você decide se uma determinada propriedade deve ser privada ou não? CASO, por padrão, cada campo FOR privado, então por que há membros de dados públicos em uma classe?
  • Em que circunstâncias uma variável deve ser tornada pública?

Pesquisando na internet, são encontrados inúmeros "tutoriais", falando como é definido um atributo do tipo private, mas não dá um escopo de uso do atributo, quando você deve usar um e não outro.

A melhor definição que eu encontrei foi no próprio SO:

Private: A única classe que tem acesso ao atributo é a própria classe que o define, ou seja, se uma classe Pessoa declara um atributo privado chamado nome, somente a classe Pessoa terá acesso a ele.

  • 2
    Eu fiz uma resposta sobre encapsulamento abordando mais o lado de aplicação de regras de negócio aos atributos, talvez lhe é útil em algo. – Anderson Carlos Woss 4/05/17 às 2:45
15

O que você costuma ler são as chamadas boas práticas. A pessoa diz o que você deve fazer sem dizer porque, muitas vezes porque a pessoa nem sabe porque. É comum inclusive a pessoa estar só repetindo o que ela "aprendeu" sem questionar o porquê daquilo.

Deveríamos sempre utilizar os atributos de uma classe como privados?

Eu acho que não, tem gente que acha que sim. Depende de uma série de circunstâncias e da linguagem que está usando, sem falar na filosofia que você adotou.

O que as variáveis privadas ajudam a prevenir?

Previne que outras classes acesse aquela variável de forma direta, como você já sabe.

Como você decide se uma determinada propriedade deve ser privada ou não? CASO, por padrão, cada campo FOR privado, então por que há membros de dados públicos em uma classe?

Cada um tem um critério. Algumas pessoas decidem que todas serão privadas Algumas decidem tornar públicas só as que precisam do máximo de performance. Outras escolhem tornar pública todas variáveis que só acessam o seu valor de forma simples sem precisar de processamento. Outras analisam o domínio como um todo para tomar uma decisão.

Novamente tudo isto depende da linguagem que está usando, da tecnologia acessória que pode exigir uma determinada forma, da filosofia adotada, dos requisitos de manutenção, a forma como a classe será consumida, só para citar os principais.

Cada uma tem implicações de manutenção se um dia precisar mudar. Tudo que é público faz parte da API, mudar isso pode ser traumático. Mas depende. Se você tem controle total sobre a aplicação isso não é tão difícil assim se tiver as ferramentas certas.

Tem casos que você quer que a variável realmente seja só um detalhe de implementação, aí tem que ser privada, tudo que é público faz parte do contrato que você precisa espeitar em grande parte das situações, mas não todas como algumas pessoas acham. Precisa ser pragmático.

Em que circunstâncias uma variável deve ser tornada pública?

Sempre que achar que a privada não é adequada, dentro dos parâmetros já passados acima.

Tem uma pergunta com mais informações e links importantes para se aprofundar sobre o assunto.

Complemento após edição da pergunta

Agora quer foi tirada a e colocada a tag de eu diria que não tem necessidade usar variáveis privadas, pelo menos se tiver um getter e setter que não fazem nada além de retornar o valor ou atribuir o valor passado. Lembre-se que PHP é uma linguagem de scripts.

Tem quem ache que, mesmo em linguagem de script deve-se adotar técnicas usadas em linguagens enterprise.

Por outro lado o ganho de usar a variável pública é bem pequeno em PHP. As variáveis de classes em PHP são a mesma coisa, não há otimizações. Ainda assim eu prefiro não colocar linhas de código que eu nem sei se serão úteis.

Note que é usar os métodos mágicos é diferente de usar métodos getXXX() e setXXX() já que assim terá que mudar o código dos consumidores se precisar incluir algum processamento no acesso a estas variáveis. Mas reforço que se está fazendo um script, isso é tranquilo. Você está usando PHP para fazer scripts, certo?

Claro que se a variável genuinamente só deve ser acessada pela classe, se não está criando um encapsulamento artificial, aí o uso da variável privada é interessante.

Variáveis privadas ajudam obter a coesão e evitam o acoplamento não intencional.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.