4

Tenho uma aplicação que de caixa de supermercado em que após o final da venda precisa inserir um registro com dados referentes à essa venda em uma tabela, neste registro deve estar incluso o código dos produtos comprados e a quantidade de cada um.

Como estou utilizando um banco de dados MySQL não existem vetores (arrays), como deveria proceder em uma situação como essa? Existe uma boa prática que possa ser aplicada ao esse caso?

Eu tinha pensado em fazer o seguinte, mas acho que isso é uma gambiarra:

codigo    vendedor    cod_produtos    quant_produtos    data
     1           3     "1,5,3,6,9"     "5,10,7,13,2"    12/12/2013

No caso os campos cod_produtos e quant_produtos são do tipo char/varchar/nvarchar e caso precisa-se obter os dados para gerar um relatório ou algo tipo utilizaria algo como string[] codigos = codProdutos.Split(','); (em C#), para obter os dados em forma de vetor.

  • Você pode modificar seu banco de dados?! – Felipe Oriani 12/12/13 às 13:16
  • @FelipeOriani sim, qualquer coisa. – Zignd 12/12/13 às 13:17
  • Boa prática é seguir as formas normais luis.blog.br/… – rray 12/12/13 às 13:23
  • Existe algo chamado "Normalização". Dá uma olhada em: macoratti.net/cbmd1.htm – Ecil 12/12/13 às 13:42
  • Vlw pela dica e @Ecil. – Zignd 12/12/13 às 13:44
10

Você tem que criar uma tabela associativa, é o jeito mais correto de se fazer, exemplo:

tbl_venda_assoc_produto

fk_venda  fk_produto quantidade
 1           1           5
 1           2           1

e na sua tabela de venda você mantém o código, vendedor e data.

Por que fazer desta forma? 1 pedido pode ter vários produtos e um produto pode estar em vários pedidos, ou seja, uma associação n pra n, requer uma tabela associativa...

5

Quando passei por situações semelhentes fiz algo do tipo:

codigo    vendedor produto  quantidade data
 1           3     1        5          12/12/2013
 1           3     5        10         12/12/2013
 1           3     3        7          12/12/2013
 1           3     6        13         12/12/2013
 1           3     9        2          12/12/2013

Sendo que produto faz parte da chave da tabela. Imagina uma query querendo saber quanto foi vendido de um produto no total usando o exemplo que você sugeriu e a minha sugestão.

1

O ideal seria adicionar uma tabela para associar a relação entre Venda e Produto, e nesta aplicar a quantidade, exemplo:

FK_VENDA   FK_PRODUTO    QUANTIDADE
1          1             5
1          5             10
1          3             7
1          4             13
1          9             2

Considerando que você possui a tabela VENDA e PRODUTO, o script seria algo assim:

CREATE TABLE VendaItem
(
FK_VENDA int,
FK_PRODUTO int,
QUANTIDADE int,
FOREIGN KEY (FK_VENDA) REFERENCES VENDA(ID),
FOREIGN KEY (FK_PRODUTO) REFERENCES PRODUTO(ID)
);
0

Em termos de SQL o correto seria separar as tabelas de acordo com as entidades envolvidas:

  • Venda: codigo (PK), vendedor, data
  • Produto_Venda: codigo_venda (PK, FK), cod_produto (PK, FK), quantidade, valor_unitario

Nesse caso, a tabela Produto_Venda tem um relacionamento N:1 (N para 1) com a tabela Venda. Isso significa que, cada Venda pode ter vários Produto_Venda.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.