4

Olá, preciso de ajuda para solucionar esse problema.

Tenho o seguinte trecho de código (coloquei o numero da linha para facilitar):

**186** if ( function_exists( self::$function_val() ) === TRUE ){
**187**    call_user_func( self::$function_val() );
**188** }

Mas aparece o seguinte erro na tela:

Fatal error: Call to undefined method Widgets::contacts() in /var/www/html/ui/includes/class_widgets.php on line 186

A função Widgets::contacts() realmente não existe, mas o objetivo do function_exists não é justamente verificar isso e só retornar TRUE ou FALSE??

3
  • Ele está dizendo que você está utilizando um método indefinido, não uma função, por isso ta retornando erro. 3/04/17 às 16:53
  • Qual o valor de self::$function_val? É uma string? 6/04/17 às 22:58
  • tenho impressão de que está confundindo com method_exists() 7/04/17 às 8:37
4

Se vai trabalhar com métodos (propriedades da classe), o ideal mesmo é usar method_exists em vez de function_exists.

<?php

class A
{
    static function mostra(){
        return;
    }

    private function esconde(){
        return;
    }

    public function existe($metodo){
        if(method_exists($this, $metodo)){
            print "existe: Existe<br>";
        } else {
            print "existe: Nao existe<br>";
        }
    }

    public function existe_metodo($metodo){
        if(function_exists($metodo)){
            print "existe_metodo: Existe<br>";
        } else {
            print "existe_metodo: Não existe<br>";
        }
    }
}

$p = new A;

$p->existe('esconde');
$p->existe_metodo('esconde');

Por outro lado:

function qualquer(){
    return;
}

if(function_exists('qualquer')){
    print "Sou a funcao 'qualquer' e existo<br>";
}

No seu exemplo, o que acontece, é que você está a procurando por um método inexistente, vai retornar sempre erro, porque você está usando o operador ::(scope resolution operator), isso não se limita a verificar, tenta também aceder o próprio método, daí o undefined method. O correcto seria você usar o method_exists como nos exemplos, fornecendo o nome do objecto e o método que se quer verificar quer seja estático ou não.

  • function_exists - procura apenas na lista de funções definidas tanto pelo usuário como as internas.
  • method_exists - procura pelo método tendo como base o objecto indicado no primeiro parâmetro.
1

Você está confundindo algumas coisas. A função function_exists recebe uma string que seria o nome da função para poder avaliar se uma função com aquele nome existe ou não.

No seu caso, quando você está chamando self::$function_val() está pedindo para o PHP fazer uma chamada dinâmica de um método estático presente em self, porém usando um valor variável presente em $function_val.

Ou seja:

$function_val = 'method';

Test::$function_val();

Seria equivalente a:

 Test::method();

No seu exemplo, é como você estivesse invocando o método para trazer o resultado para ser verificado com function_exists, mas dá pra perceber que essa não foi sua intenção.

Para checar a existência de um método para chamá-lo, você deveria usar method_exists.

if (method_exists(get_called_class(), $function_val)) {

}

Se estiver usando o PHP 5.5 ou maior, você pode trocar get_called_class() por static::class ou self::class.

0

Se o self::$function_val estiver recebendo uma string com o nome de uma função e creio que o call_user_func seja desnecessário (na verdade errado), ao fazer isto self::$function_val() você já esta chamando a variavel com função e então o call_user_func está tentando executar o retorno da função e não a função

Então faça isto (o === TRUE realmente é redundante eu removi):

if ( function_exists( self::$function_val ) ){
    self::$function_val();
}

Se estiver recebendo coisas várias como métodos, closures, funções pode usar is_callable:

if ( is_callable( self::$function_val ) ){
    self::$function_val();
}

Acaso a chamada self::$function_val() realmente retorne outra função você colocar de volta o call_user_func.

-2

A função "function_exists" deve receber o nome da função como string, no seu exemplo você está passando a função como parâmetro.

if ( function_exists( 'nome_da_funcao' ) ) {
     call_user_func( self::$function_val() );
}

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.