9

Gostaria de saber qual é a diferença entre a execução nas cláusulas Alter Table quando se insere o ADD CONSTRAINT , como por exemplo executando o seguinte código:

ALTER TABLE Orders
ADD FOREIGN KEY (PersonID) REFERENCES Persons(PersonID);

Qual a diferença em utilizar esse código:

ALTER TABLE Orders
ADD CONSTRAINT FK_PersonOrder
FOREIGN KEY (PersonID) REFERENCES Persons(PersonID);

Há melhorias na performance, segurança, ou alguma informação que é importante saber quando se trata de banco de dados?
E aproveitando a pergunta, exatamente o que faz o ADD CONSTRAINT?(Atualmente utilizo MySQL)

10
+50

ADD CONSTRAINT -> Para permitir a nomeação de uma restrição FOREIGN KEY e para definir uma restrição FOREIGN KEY em várias colunas.

  • A diferença seria no nome da restrição criada, no primeiro caso seria adicionado um nome default aleatório, exemplo (FK__Orders__PersonID__1E2636F2), já no segundo caso será criado com nome(FK_PersonOrder), sendo possível ser acessado e alterado por algum sistema, sabendo o nome da FK.
5

A adição do ADD CONSTRAINT é utilizada para definir o nome da FOREIGN KEY e para criar chave estrangeiras com múltiplas colunas.

mais informações

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.