-1

Eu criei uma classe para conectar à LDAP, num dos métodos eu fiz o seguinte:

// Classe Ldap()
public function ldapConnection() {

    $this->_ldapCon = ldap_connect($this->_ldapServer);

    if ($this->_ldapCon) {

        ldap_set_option($this->_ldapCon, LDAP_OPT_PROTOCOL_VERSION, 3);

        ldap_set_option($this->_ldapCon, LDAP_OPT_REFERRALS, 0);

        return $this->_ldapCon;

    } else {

        throw new Exception('Não foi possível conectar ao servidor LDAP');

    }

}

Se eu fizer

$conexao = new Ldap();

try {

    $conexao->ldapConnection();

} catch (Exception $ex) {

    // Abaixo, não pega a exceção que eu lancei no método. A exceção lançada no método aparece como "Fatal error: Uncaught exception 'Exception' with message: Não foi possível conectar ao servidor LDAP"
    echo json_encode(array('message' => $ex->getMessage()));

}

Como é que eu pego a exceção exata lançada pelo método da classe LDAP e não apenas uma exceção genérica?

4
  • Não se tiver nada padrão deve criar sua classe personalizada de exception e depois capturar no catch.
    – rray
    22/03/2017 às 20:42
  • Mas os blocos try/catch só vão avaliar a exceção lançada pelo método dentro deles? Ou outra exceção pode ser lançada, além da que eu mesmo definir? 22/03/2017 às 20:45
  • 1
    O bloco try/catch dado deveria estar capturando a exceção. A classe Ldap faz parte de algum namespace?
    – Woss
    22/03/2017 às 22:22
  • Sim. Faz parte do namespace Models 23/03/2017 às 15:27

2 Respostas 2

2

Primeiro, se a class Ldap está presente dentro de algum namespace, para você disparar e/ou capturar a Exception, você precisa coloca-la no namespace global, isto é, disparar e capturar usando \Exception.

Para pegar uma Exception específica pela classe LDAP, primeiramente você tem que criar sua própria classe de Exception, por exemplo:

class LdapException extends \Exception{}

Então no seu método Ldap::ldapConnection() você coloca:

// Classe Ldap()
public function ldapConnection() {

    $this->_ldapCon = ldap_connect($this->_ldapServer);

    if ($this->_ldapCon) {
        ldap_set_option($this->_ldapCon, LDAP_OPT_PROTOCOL_VERSION, 3);

        ldap_set_option($this->_ldapCon, LDAP_OPT_REFERRALS, 0);

        return $this->_ldapCon;
    } else {
        throw new LdapException('Não foi possível conectar ao servidor LDAP');
    }
}

E para capturar:

$conexao = new Ldap();

try {
    $conexao->ldapConnection();
} catch (LdapException $ex) {
    echo json_encode(array('message' => $ex->getMessage()));
}
0

Usei a ideia do @LucasMendes e cheguei ao seguinte resultado:

Criei a classe de exceções estendendo a classe \Exception, porém tive que fazer uma modificação: adicionar os construtores.

namespace Models;

class AppExceptions extends \Exception
{
    public function __construct($message, $code = 0, \Exception $previous = null)
    {
        parent::__construct($message, $code, $previous);
    }
}

Depois na classe Ldap():

protected function conexaoLdap()
{
    $this->_conexao = ldap_connect($this->servidor_ldap);
    if ($this->_conexao) {
        ldap_set_option($this->_conexao, LDAP_OPT_PROTOCOL_VERSION, 3);
        ldap_set_option($this->_conexao, LDAP_OPT_REFERRALS, 0);
        return $this->_conexao;
    } else {
        throw new AppExceptions('Não foi possível se conectar ao servidor LDAP');
    }
}

Pegando a exceção:

try {
    // Code goes here
} catch (AppExceptions $e) {
    echo $e->getMessage();
}
1
  • 1
    Por quê teve que adicionar o construtor sendo que no mesmo você fez a chamada direta ao construtor da classe pai? Se não possuir lógica a mais, não precisa sobrescrever o método.
    – Woss
    23/03/2017 às 17:42

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.