5

Como pretendo distribuir alguns utilitários meus, fiquei com essas dúvidas:

A versão em inglês da GPL tem validade em países de língua não inglesa ?

Eu preciso traduzir a GPL ao incluí-la em meu software ?

No site oficial tem o seguinte:

Há traduções da GPL para outras línguas?

Seria útil ter traduções da GPL em línguas que não o inglês. As pessoas até mesmo fizeram traduções e nos mandaram. Mas isso traz um risco tão grande que não ousamos aceita-lo

Além disso:

Uma tradução não aprovada não tem força legal, e ela deve dizer isso explicitamente

Então, fiquei na dúvida, não sei se uma licensa em inglês teria validade, e pelo visto uma licensa em português precisa ser aprovada pelo pessoal da GNU antes de ter algum tipo de validde.

O que fazer nesse caso ?


Encontrei esta questão: Como funciona o licenciamento de software no Brasil

Mas ela não responde minha pergunta.

  • Coloca as duas, uma traduzida dizendo explicitamente que é uma tradução e que pode conter erros, e a original para ter validade legal. Obs.: o pessoal da GNU não vai aprovar traduções para não se envolver com problemas resultantes – Denis Rudnei de Souza 18/02/17 às 9:52
  • 1
    A GPL está redigida em inglês e atualmente nenhuma tradução é aceita como válida pela Free Software Foundation, com o argumento[1] de que há o risco de introdução de erros de tradução que poderiam deturpar o sentido da licença. Deste modo, qualquer tradução da GPL é não-oficial e meramente informativa, mantendo-se a obrigatoriedade de distribuir o texto oficial em inglês com os programas. Retirei esse texto da Wikipedia – Denis Rudnei de Souza 18/02/17 às 9:55
  • isso eu já sabia, e inclusive está no texto da pergunta. – apagando_tudo 18/02/17 às 10:02
2

A distro Debian apresenta o seguinte:

Esta é uma tradução não-oficial da Licença Pública Geral GNU (“GPL GNU”) para o Português Brasileiro (“Brazilian Portuguese”). Ela não foi publicada pela Free Software Foundation, e legalmente não afirma os termos de distribuição de software que utiliza a GNU GPL — apenas o texto original da GNU GPL, em inglês, faz isso. Contudo, esperamos que esta tradução ajude aos que falam o Português Brasileiro (“Brazilian Portuguese”) a entender melhor a GNU GPL.

Ou seja, legalmente a GPL só se aplica quando utilizada em inglês.

Fonte: http://www.debian.org/releases/etch/arm/apf.html.pt_BR

No site da UNB tem o seguinte:

As Fontes UnB são distribuídas sob uma licença dual. Isso quer dizer que a distribuição das fontes mantém a licença de uso original em inglês das fontes Liberation (GPLv2) e inclui uma versão alternativa da licença em português (Licença Pública UnB Fontes). Esta versão em português foi criada pois, para a lei brasileira, documentos oficiais só tem validade se redigidos em língua portuguesa.

Fonte: http://www.marca.unb.br/licensa.php

Dito isto, não precisa se preocupar, o Governo Brasileiro já tem uma versão oficial traduzida:

  • www.softwarelivre.gov.br/Licencas/gnu-lesser-general-public-license
1

A criação de Software Livre no Brasil foi regulamentada (não sei se o termo é adequado) em um Decreto Presidencial:

https://presrepublica.jusbrasil.com.br/legislacao/1025410/decreto-7325-10?ref=topic_feed

O objetivo deste Memorando de Entendimento é contribuir para a redução do hiato digital por meio da promoção, nos países em desenvolvimento, do uso efetivo do software livre e aberto. Tal objetivo será realizado por meio do apoio a iniciativas de capacitação em software aberto nos países em desenvolvimento.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.