0

Tenho o seguinte código:

<?php
        $dados = array(
            "carro" => 'Ford Focus',
            "ano" => 2007
            );


        foreach($dados as $carros):

            extract($carros);           

        endforeach;

?>

O problema:

Se eu informo o extract($dados) fora do foreach, ele cria as variáveis com os nomes dos índices do array $dados, e com seus respectivos valores.

Porém, se eu ponho o extract($carros) dentro do laço foreach, ele me retorna um aviso de que eu preciso informar um array no extract, e que eu informei uma string, e também, se eu chamar a variável $carros ou $ano, retorna undefined variable.

Alguém pode me ajudar aqui?

5
  • pq você precisa do extract()?
    – rray
    15/02/17 às 23:15
  • Vou usar no carregamento de templates html. O foreach vai subtituir links nos tpl's, pelos nomes das variáveis vindas do extract. As variáveis e os links precisam ter o mesmo nome, pois isso vai virar uma função dinâmica, onde o php substitui automaticamente o link no tpl pela variável de mesmo nome, sem que eu precise setar manualmente. 15/02/17 às 23:16
  • foreach($dados as $k => $v){ extract($dados[$k]);} isso dá o resultado desejado?
    – rray
    15/02/17 às 23:23
  • Não, o erro persiste. 15/02/17 às 23:25
  • 2
    Fazer o foreach e extract em cada valor "produziria" o mesmo resultado que o usar o extract no array. Não entendi qual é o objetivo disso.
    – Woss
    15/02/17 às 23:25
1

A função extract, do PHP, tem a seguinte sintaxe:

int extract ( array $var_array [, int $extract_type [, string $prefix ]] )

Parâmetros:

$var_array: uma variável do tipo array associativo. Para cada par chave/valor, a função extract cria, no contexto atual, uma variável de nome igual a chave e valor igual ao valor. Isso ocorre importando tais variáveis à tabela de símbolos corrente, ou seja, se uma variável já existir com o mesmo nome, será sobrescrita.

extract_type: Forma como serão validadas e/ou tratadas as novas variáveis:

EXTR_OVERWRITE
    Se houver uma colisão, sobrescreve a variável existente. 

EXTR_SKIP
    Se houver uma colisão, não sobrescreve a variável existente. 

EXTR_PREFIX_SAME
    Se houver uma colisão, adiciona um prefixo ao nome da variável 
    definido pelo argumento prefix. 

EXTR_PREFIX_ALL
    Adiciona um prefixo ao nome de todas as variáveis definido por prefix.

EXTR_PREFIX_INVALID
    Adiciona um prefixo definido por prefix apenas para variáveis como 
    nomes inválidos ou numéricos. 

EXTR_IF_EXISTS
    Só sobrescreve a variável se ela já existe na tabela de símbolos 
    corrente, caso contrário, não faz nada. Isso é útil quando se quer 
    definir uma lista de variáveis válidas e então extrair só as que 
    foram definidas em $_REQUEST, por exemplo. 

EXTR_PREFIX_IF_EXISTS
    Só cria nomes de variáveis usando o prefixo se na tabela de símbolos
    já existe uma variável com o nome sem esse prefixo. 

EXTR_REFS
    Extrai variáveis como referências, ou seja, os valores das variáveis
    importadas ainda estarão referenciando os valores do parâmetro 
    var_array. Essa opção pode ser usada sozinha ou em conjunto com as 
    outras usando o operador 'ou' em extract_type. 

Se extract_type não for especificado, é assumido o valor EXTR_OVERWRITE.

prefix: Note que prefix só é necessário se extract_type for EXTR_PREFIX_SAME, EXTR_PREFIX_ALL, EXTR_PREFIX_INVALID ou EXTR_PREFIX_IF_EXISTS. Se o nome com o prefixo não for um nome de variável válido, ela não será importada para a tabela de símbolos. Prefixos são automaticamente separados da chave do array pelo caractere underscore.

Retorna um valor inteiro referente ao número de variáveis importadas com sucesso para a tabela de símbolo.

A grosso modo, pode-se dizer que o equivalente da função é:

$data = [
    "carro" => "Fiat Uno",
    "ano" => "2017"
];

foreach($data as $key => $value)
{
    ${$key} = $value;
}

echo $carro; // Fiat Uno
echo $ano;   // 2017

Chamar a função extract para os valores do array, como tentou fazer, não faz sentido algum. Agora, você falou em substituir os valores no template. Pelo o que eu entendi, você teria um template como:

$template = "Meu carro é {{carro}}, ano {{ano}}";

Sendo que {{carro}} e {{ano}} seriam substituídos pelos valores nas variáveis. Se for isso, podes fazer algo como:

function parse ($template, array $vars)
{
    return preg_replace_callback('#{{(.*?)}}#', function($match) use ($vars) {
        extract($vars);
        return ${$match[1]};
   }, $template);
}

E fazendo:

echo parse($template, $data);

Teríamos a saída: Meu carro é Fiat Uno, ano 2017.

Nota: Não deve ser a melhor maneira de se fazer isso, só exemplifiquei tentando compreender se é essa a sua necessidade. Até porque o extract nem seria necessário nesta função, pois poderia retornar o valor direto do array $data.

Veja funcionando no Repl.it, no Ideone e no Github Gist.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.