0

Estou usando Google Places API for Android para sugestão de endereços em campos de entrada. Esta API usa GoogleAPIClient para operar.

O app tem um fragmento composto por um recyclerview e um FAB.

Ao tocar o FAB, o usuário abre um diálogo com form. de entrada. Neste form. tem um campo AutoCompleteTextView para inserir o endereço. Este campo tem um adapter para o GoogleAPIClient e mostra sugestões de endereços a medida que o usuário entra com os dados.

Esta parte esta pronta.

A medida que dados são inseridos, o recyclerview vai mostrando estes dados em cards. Ao clicar num card, outro dialogo é aberto, desta vez para edição dos dados.

E aqui que está o problema. Não estou sabendo usar o GoogleAPIClient no adapter do recyclerview.

Tentei criar um outro GoogleAPIClient na classe que extende RecyclerView.Adapter, mas não soube fazer ou não é por aí.

public View onCreateView(LayoutInflater inflater, ViewGroup container, Bundle savedInstanceState) {

    View view = inflater.inflate(R.layout.fragment_recycler, container, false);

    mGoogleApiClient = new GoogleApiClient.Builder(getContext())
                .addApi(Places.GEO_DATA_API)
                .enableAutoManage(getActivity(), GOOGLE_API_CLIENT_ID, this)
                .addConnectionCallbacks(this)
                .build();

    mPlaceArrayAdapter = new PlaceArrayAdapter(getContext(), android.R.layout.simple_list_item_1,
            BOUNDS_AUTOCOMPLETE, null);

Este é o código do onCreateView do fragment. Tentei instanciar o mGoogleApiClient no onCreateViewHolder e no onBindViewHolder, ele não aceita nada como 1º parametro deenableAutoManage`.

A pergunta é: como eu faço para usar o GoogleApiClient num fragmento que tem recyclerciew e também em eventos dos itens deste mesmo recyclerview?

0

Como não houve resposta -- ganhei até medalha por isso -- e resolvi o problema do app, aqui vai minha conclusão.

Não é possível reaproveitar as conexões com o GoogleApiClient. Cada classe deve fazer sua conexão, a não ser que o cliente seja criado como objetivo estático. Mas usar objetos estáticos é contra indicado, devido ao efeitos colaterais que podem ocorrer no processamento em threads.

Sendo assim, cada segmento do aplicativo deve criar um cliente de API. E evitar o uso do método enableAutoManage() controlando o estado do objeto manualmente.

Se alguém quiser me corrigir ou adicionar mais informações, fique a vontade.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.