0

Preciso fazer um controle de tempo que um caminhão demora de uma fábrica X ate uma revenda Y, além de calcular quanto tempo ele ficou nessa revenda.

Tenho dados do GPS e retirei informações que eram relevantes pois são muitos dados e ficaria muito lento usá-los. Minha tabela está da seguinte forma:

+----+------------------+-----------+---------------+
| ID |   DATA E HORA    |   LOCAL   | ENTRADA/SAIDA |
+----+------------------+-----------+---------------+
|  1 | 28/01/2017 07:27 | FABRICA   | Entrada       |
|  2 | 28/01/2017 09:00 | FABRICA   | Saida         |
|  3 | 29/01/2017 00:02 | REVENDA 1 | Entrada       |
|  4 | 29/01/2017 04:00 | REVENDA 1 | Saida         |
|  5 | 29/01/2017 08:00 | REVENDA 2 | Entrada       |
|  6 | 29/01/2017 10:00 | REVENDA 2 | Saida         |
|  7 | 29/01/2017 20:00 | FABRICA   | Entrada       |
|  8 | 29/01/2017 23:00 | FABRICA   | Saida         |
+----+------------------+-----------+---------------+

Tenho que pegar um intervalo de dia/hora em que ele estava em uma revenda e fazer estes cálculos (saber quanto tempo ele ficou na revenda e quanto tempo ele demorou para chegar lá a partir da fabrica X).

O cálculo do tempo da revenda parece ser mais fácil (Saída - Entrada) o problema maior é o tempo da fabrica até a revenda. Gostaria de saber como posso fazer isso (pode ser pela própria QUERY SQL se possível)

PS: O modelo da tabela pode ser alterado, fiz dessa forma porque achei mais fácil de usar; Estou usando SQLite mas posso usar qualquer BD que seja como ele

Obrigado.

5

Observação 1: A sua pergunta tem a tag , então vou responder com uma sugestão de como fazer isso usando o Python. Mas se os seus dados estão mantidos em um banco de dados SQL, certamente é muito melhor você já trazer os resultados filtrados (isto é, só a sub-tabela com o percurso) ou, melhor ainda, já calcular isso diretamente por lá (com uma stored procedure, por exemplo). Se não sabe como montar uma query assim, abra outra pergunta e voltada à SQL.

Observação 2: Pra facilitar eu coloquei os seus dados em um arquivo CSV local, e os li com a função read_csv do Pandas. No seu caso, basta trocar pela função read_sql. Esse é o arquivo CSV utilizado:

ID,DATA E HORA,LOCAL,ENTRADA/SAIDA
1,28/01/2017 07:27,FABRICA,Entrada
2,28/01/2017 09:00,FABRICA,Saida
3,29/01/2017 00:02,REVENDA 1,Entrada
4,29/01/2017 04:00,REVENDA 1,Saida
5,29/01/2017 08:00,REVENDA 2,Entrada
6,29/01/2017 10:00,REVENDA 2,Saida
7,29/01/2017 20:00,FABRICA,Entrada
8,29/01/2017 23:00,FABRICA,Saida

Uma forma de conseguir o que você quer com bastante facilidade é usar a biblioteca Pandas. Trata-se de uma biblioteca fantástica para manipulação e análise de dados. Ela tem uma curva de aprendizado considerável, mas vale a pena. Observe que ela depende de outra biblioteca muito útil, chamada Numpy.

Usando essa biblioteca, eu preparei um exemplo bastante simples que faz o seguinte:

  1. Ele lê os seus dados completos (a partir de um CSV no meu caso, mas será a partir do SQL no seu) em uma tabela (que no Pandas é um DataFrame).
  2. Filtra as linhas da tabela de forma a obter o trajeto (saindo da fábrica e chegando na revenda desejada).
  3. Calcula o tempo decorrido nesse trajeto, simplesmente subtraindo o horário de partida (valor da coluna "DATA E HORA" da última linha da sub-tabela filtrada) do horário de chegada (valor da coluna "DATA E HORA" da primeira linha da sub-tabela filtrada).
  4. Repete s passos 2 e 3, mas dessa vez para a estadia (o tempo que ficou parado na revenda, considerando a chegada e a saída de lá).

Observe que tem várias simplificações nesse código, pois ele é apenas ilustrativo. Por exemplo, ele assume que só há dois registros da revenda (uma entrada e uma saída). Em casos mais complexos, você vai ter que trabalhar com os filtros para garantir que pegue os registros na ordem correta (use tabela.index para obter os índices e tabela.iloc para acessar a linha de um índice).

Por fim, o resultado é dado em uma estrutura do Pandas usada para manipular tempo decorrido (chamada Timedelta). Ela armazena o tempo decorrido como a soma dos dias + segundos. Vc tem os segundos, então pra ter os tempos parciais em horas ou minutos é só fazer as divisões por 3600 ou 60 apropriadamente.

Eis o código:

import sys
import pandas as pd
import numpy as np

# ---------------------------------------------------------------------------
def calculaTempos(tabela, nomeRevenda):

    ######################################
    # Cálculo do tempo de percurso
    ######################################

    # Debug!!!!!!
    print('Tabela completa com todos os todos os dados: \n{}\n\n'.format(tabela))
    # Debug!!!!!!

    # Busca TODAS as ocorrências de FABRICA + Saida
    filtro = (tabela['LOCAL'] == 'FABRICA') & (tabela['ENTRADA/SAIDA'] == 'Saida')
    resp = tabela[filtro]
    if resp.empty:
        return None, None

    # Por simplificação, considera como partida a primeira delas
    partida = resp.index[0]

    # Busca TODAS as ocorrências de nomeRevenda + Entrada
    filtro = (tabela['LOCAL'] == nomeRevenda) & (tabela['ENTRADA/SAIDA'] == 'Entrada')
    resp = tabela[filtro]
    if resp.empty:
        return None, None

    # Por simplificação, considera como chegada a última delas
    chegada = resp.index[len(resp)-1]

    # Filtra da tabela original os dados entre a partida e a chegada calculados
    tTrajeto = tabela[partida:chegada+1]

    # Debug!!!!!!
    print('Tabela parcial com o trajeto Fabrica->Revenda: \n{}\n\n'.format(tTrajeto))
    # Debug!!!!!!

    # O tempo de percurso é o horário de chegada (a última linha da tabela)
    # menos o horário de partida (a primeira linha da tabela)
    tempoPercurso = tTrajeto.iloc[len(tTrajeto)-1]['DATA E HORA'] - tTrajeto.iloc[0]['DATA E HORA']

    ######################################
    # Cálculo do tempo de parada
    ######################################

    # Busca TODAS as ocorrências de nomeRevenda + Saida
    filtro = (tabela['LOCAL'] == nomeRevenda) & (tabela['ENTRADA/SAIDA'] == 'Saida')
    resp = tabela[filtro]
    if resp.empty:
        return tempoPercurso, None

    # Por simplificação, considera como saída a última delas
    saida = resp.index[len(resp)-1]

    # Filtra da tabela original os dados entre a chegada e a saída calculados
    tParada = tabela[chegada:saida+1]

    # Debug!!!!!!
    print('Tabela parcial com a parada na Revenda: \n{}\n\n'.format(tParada))
    # Debug!!!!!!

    # O tempo de percurso é o horário de chegada (a última linha da tabela)
    # menos o horário de partida (a primeira linha da tabela)
    tempoParada = tParada.iloc[len(tParada)-1]['DATA E HORA'] - tParada.iloc[0]['DATA E HORA']

    return tempoPercurso, tempoParada

# ---------------------------------------------------------------------------
def main(args):
    tabela = pd.read_csv('teste.csv')
    tabela['DATA E HORA'] = pd.to_datetime(tabela['DATA E HORA'])

    tempoPercurso, tempoParada = calculaTempos(tabela, 'REVENDA 1')

    # A estrutura Timedelta do pandas armazena tempo decorrido em dias + segundos,
    # então precisa fazer uma conversãozinha pra ter os valores separadamente.
    dias, segundos = tempoPercurso.days, tempoPercurso.seconds
    horas = segundos // 3600
    minutos = (segundos % 3600) // 60
    segundos = segundos % 60
    print('Tempo de percurso entre fábrica e revenda: {:02d} dias e {:02d}:{:02d}:{:02d} horas'.format(dias, horas, minutos, segundos))

    dias, segundos = tempoParada.days, tempoParada.seconds
    horas = segundos // 3600
    minutos = (segundos % 3600) // 60
    segundos = segundos % 60
    print('Tempo parado na revenda: {:02d} dias e {:02d}:{:02d}:{:02d} horas'.format(dias, horas, minutos, segundos))

    return 0

# ---------------------------------------------------------------------------
if __name__ == '__main__':
    sys.exit(main(sys.argv[1:]))

E a saída dele:

Tabela completa com todos os todos os dados:
   ID         DATA E HORA      LOCAL ENTRADA/SAIDA
0   1 2017-01-28 07:27:00    FABRICA       Entrada
1   2 2017-01-28 09:00:00    FABRICA         Saida
2   3 2017-01-29 00:02:00  REVENDA 1       Entrada
3   4 2017-01-29 04:00:00  REVENDA 1         Saida
4   5 2017-01-29 08:00:00  REVENDA 2       Entrada
5   6 2017-01-29 10:00:00  REVENDA 2         Saida
6   7 2017-01-29 20:00:00    FABRICA       Entrada
7   8 2017-01-29 23:00:00    FABRICA         Saida


Tabela parcial com o trajeto Fabrica->Revenda:
   ID         DATA E HORA      LOCAL ENTRADA/SAIDA
1   2 2017-01-28 09:00:00    FABRICA         Saida
2   3 2017-01-29 00:02:00  REVENDA 1       Entrada


Tabela parcial com a parada na Revenda:
   ID         DATA E HORA      LOCAL ENTRADA/SAIDA
2   3 2017-01-29 00:02:00  REVENDA 1       Entrada
3   4 2017-01-29 04:00:00  REVENDA 1         Saida


Tempo de percurso entre fábrica e revenda: 00 dias e 15:02:00 horas
Tempo parado na revenda: 00 dias e 03:58:00 horas
  • Obrigado Luiz! Em uma quantidade muito grande destes dados, usar funções do próprio SQL eu ganho desempenho? – Lucas 31/01/17 às 17:21
  • Por nada. É quase certo que ganha sim. Primeiramente porque, por melhor que o Pandas seja, o banco de dados já é preparado para fazer esse tipo de consulta em tabelas. Em segundo lugar porque você não precisa transmitir entre o banco e o processo os dados de todo o trajeto. Vc basicamente só transmite o resultado. Isso faz muita diferença se o banco não está na mesma máquina e se o trajeto é longo. Em terceiro lugar, esse tipo de "lógica" geralmente é independente do uso que se vai fazer do resultado, então de um ponto de vista de modelagem pode fazer muito sentido ficar junto aos dados. – Luiz Vieira 31/01/17 às 17:24
  • continuando... Afinal, fazendo no banco de dados você pode reutilizar a mesma lógica em diferentes aplicações, construídas em diferentes linguagens. Boa sorte! :) – Luiz Vieira 31/01/17 às 17:26
  • Obrigado novamente, você poderia me dar o "caminho das pedras" sobre como fazer? Sei muito pouco sobre SQL, algum artigo ou alguma função que eu possa pesquisar para aprender mais por favor – Lucas 31/01/17 às 20:56
  • Eu não manjo muito de SQL porque tô há muito tempo sem mexer com algum banco de dados relacional. Como eu disse na minha primeira observação, a sua pergunta foi aberta para Python. Talvez por isso não atraiu a atenção do pessoal que manja de SQL. Outra coisa é: qual é exatamente a sua dificuldade com o SQL? É fazer a query que traz o trajeto, ou é fazer a subtração das datas? Sugiro que vc abra outra pergunta, específica pra SQL, pedindo ajuda. Há muitas pessoas por aqui que podem te ajudar, mas a pergunta tem que ser bem feitinha. – Luiz Vieira 31/01/17 às 21:50
0

Com o MySQL pode usar a função TIMESTAMPDIFF

Com esse comando SELECT abaixo você pode saber a quantidade de minutos entre os dois pontos. Para selecionar o ID de cada ponto, na sua interface você coloca um filtro para o usuário selecionar o Local e o Ponto de Entrada/Saída. Cada opção que você colocar para o usuário terá um ID associado que você usará de input para a consulta SQL.

No exemplo, estou admitindo como ponto de origem a saída da fábrica e como destino o ponto de entrada na revenda 2.

SELECT TIMESTAMPDIFF ( 
    MINUTE,
    (select DATA from Tablela WHERE ID=2),
    (select DATA from Tablela WHERE ID=5)
    )

Resultado

1380 minutos

Você pode trocar o parâmetro MINUTE por HOUR, por exemplo, mas com minutos terá uma precisão maior que pode converter para horas decimais, se quiser.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.