7

Sempre quando eu faço uma pesquisa a respeito de desenvolvimento mobile eu me depara com três termos que aparecem muito nas pesquisas.

Esses termos são:

  • Web App
  • Native App
  • Hybrid App

E isto me gerou algumas dúvidas que eu gostaria de que fossem esclarecidas, as dúvidas vem logo abaixo.

Dúvidas

  1. O que é Web App?
  2. O que é Native App?
  3. O que é Hybrid App?
  4. Quias são as diferenças entre Web App, Native App e Hybrid App?
4

Web App

Web App é a aplicação feita para rodar em um browser de internet normal. Ele pode até ser SPA, mas ainda será como um website, usando HTML, CSS, JS, etc., com todas limitações normais da web. Não acessa os recursos privilegiados do sistema operacional.

Ela costuma rodar bem em várias plataformas, com um pouco de cuidado. Há controvérsias, mas diz-se que é o mais barato quando deseja rodar em qualquer dispositivo. Fazer rodar em todos navegadores, em todos dispositivos não é tão simples quanto pode parecer.

Você tem todas dificuldades de estar rodando em uma interface que você não tem total controle. A usabilidade não a melhor possível para a maioria dos casos, é a típica da web.

É interessante para quem será um usuário bem eventual. Ele não precisa instalar nada. Mas precisa saber o endereço (URL) onde está a aplicação e entrar no browser. Não espere que uma pessoa vá instalar um aplicativo para usar uma ou outra vez. As pessoas instalam bem poucos aplicativos nos seus dispositivos e só o fará se for muito útil ou ela seja muito fã daquilo.

Native App

Native App é aquele é usa os recursos nativos do dispositivo de forma direta e tem acesso à tudo da melhor forma possível. A grosso modo podemos dizer que é como fazer a aplicação desktop que estamos acostumados. Por exemplo usando a Win32, ou alguma biblioteca que a acesse de forma mais ou menos direta.

Geralmente roda bem em apenas uma plataforma. Mas existem bibliotecas que ajudam rodar a mesma base de código com pouca adaptação em mais de uma plataforma mantendo a característica nativa. Xamarin, por exemplo. Aqui é só opinião mas tecnologias como o Xamarin faz o híbrido quase desnecessário.

Costuma dar o melhor resultado em usabilidade. Também costuma ser o mais rápido.

É um aplicativo de verdade.

Hybrid App

Hybrid App é uma aplicação web geralmente rodando em um runtime específico, pode até ser um browser personalizado para isso e que permite acessar recursos nativos que normalmente não estão disponíveis no browser normal. É um aplicativo normal.

Claro que nada impede que uma aplicação híbrida seja feita em um modelo um pouco diferente, mas costuma ser assim.

As pessoas usam para tentar fazer uma aplicação única rodar em várias plataformas sem tantas restrições. Nem sempre dá tão certo quanto se espera. Depende do resultado buscado e orçamento disponível.

É uma solução no meio termo entre as anteriores. O resultado é meio termo. A usabilidade é boa, mas não é ótima. O desempenho não é o melhor. Acessa os recursos do dispositivos, mas não da melhor forma possível e nem sempre tudo está disponível, pelo menos não imediatamente, consome mais recurso que nativo, incluindo bateria. O trabalho não é tão grande quanto fazer nativo para cada plataforma, mas não tão pequeno quanto fazer um só para tudo.

Conclusão

Pra mim tem duas opções. Web ou nativo, depende da intenção, do público.

Se for nativo, tem que escolher se vai atingir mais de uma plataforma. Lembre-se que o Android atinge a maioria do mercado, dependendo do público a ser atingido, 70, 80, ou até mais de 90% do mercado, e a fatia está crescendo. Fora ele praticamente só o iOS é usado de fato e tem crescimento absoluto não desprezível.

Muitos aplicativos serão usados para um público bem específico, provavelmente para funcionários de uma empresa que usam ou podem usar um dispositivo padronizado. Nem sempre precisa mais de uma plataforma.

Vai fazer para mais que uma plataforma? Aí a escolha é se vai fazer uma aplicação para cada uma delas, e isso tem lá sua vantagem, ou usar uma mesma base para todas elas (provavelmente duas, ou três no máximo).

A grosso modo vamos dizer que se os profissionais envolvidos dominam as tecnologias, fazer a aplicação nativa dá um resultado de 100%, fazer nativo com uma biblioteca de compatibilização dá 95, quem sabe 98%, mas pode ser só 90%, depende da qualidade dela, fazer híbrido, dá 70, 80%, e web uns 50%, claro que depende de cada caso. Não considere esses números como um estudo, é só minha percepção.

Se for feito certo, a codificação não pesa tanto no custo. Fazer para três plataformas não vai custar três vezes mais. Aproveitar código para as três não reduzirá o custo para um terço.

3

1. O que é Web APP?

Web App, é uma aplicação desenvolvida utilizando tecnologias web (HTML5, CSS. JavaScript). Porém feita com o intuito de imitar ou ser muito parecida com um aplicativo Mobile utilizando técnicas de design responsivo, por exemplo. O termo também pode se referir a uma aplicação web (sem ter a intenção de ser parecida com um aplicativo Mobile).

Pros:

  • Quem tem um browser pode acessar.
  • Não precisa ser posto em uma Store( App Store, Play Store)
  • Utiliza tecnologias altamente difundidas (HTML, CSS e JavaScript). O que dá maior facilidade de encontrar profissionais.

Contras:

  • Não acessa certas funções do Sistema Operacional. O que pode dificultar a interação do usuário.
  • O acesso ao aplicativo depende de um browser (certos usuários não gostam disso).

2. O que é Native App?

Esses app são os desenvolvidos utilizando as linguagens e bibliotecas de códigos disponibilizadas pela fabricante do sistema operacional. Por exemplo, para Android você usa Java, Gradle, Android Studio e as bibliotecas/APIS do android (import android).

Pros:

  • Tem acesso as chamadas do Sistema Operacional
  • Geralmente tem melhor desempenho do que outras soluções.
  • Utiliza componentes de interface nativos o que ajuda na experiência do usuário.

Contras:

  • Custo é bem alto para manter duas equipes, por exemplo, para Android e para iOS.
  • Achar profissionais com as competências das duas ou de uma plataforma pode ser difícil.
  • Manutenção é trabalhosa.

3. O que é Hybrid App?

O aplicativo híbrido é desenvolvido utilizando tecnologias Web assim como o Web App, porém não são para Browsers. Esses aplicativos são desenvolvidos para serem utilizados dentro de um WebView - Um componente de interface que existe em todos os ambientes mobile que interpreta JavaScript, Html e CSS-, por isso esse tipo de aplicativo consegue fazer chamadas ao Sistema Operacional e utilizar recursos do Hardware, como Câmera, acesso a arquivos para escrita e leitura.

Pros:

  • Pode ser distribuído pelas Stores
  • Só precisa de uma equipe para dar manutenção e implementar features.

Contras:

  • Desempenho pode ser um problema dependendo da aplicação.
  • Não acessa algumas chamadas do Sistema Operacional ou trabalha mal com elas.
  • Dificuldade em manutenção, pois faz-se uso de várias bibliotecas para alcançar um comportamento parecido com o Nativo.

    4. Quias são as diferenças entre Web App, Native App e Hybrid App?

Creio que listei algumas acima, porém caso você queira se aprofundar tem alguns links (em inglês) abaixo:

StackOverflow em inglês

Este link cita alguns pros e contras

Umas imagens bacanas

Diferença entre Native, Web e Hybrid Apps

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.