0
#include<stdio.h>

int main ( void ){
    int row;
    int column;
    for ( row = 1; row <= 7; row++ ){
        for (column = 1; column <= row; column++ )
            printf("*");
            printf("\n");
} printf("\n");
}

Saída de dados

Quero saber se o loop for pode ser usado sem { depois do seu argumento?

É possível traduzir este código para mim? Pois vejo o loop saindo do primeiro for, verificando a condição do segundo e dando print depois disso ele vai adicionar em column e retornar para adicionar em row também e ficando row = 2 e column = 2, dessa forma irá dar mais um print.

O problema é que se for assim, esse segundo loop já não estaria de acordo com a figura já que o printf só é acionado quando column <= row.

Como funciona esse trecho de código?

O programa inicia e libera * como output porque column <= row = TRUE ( ambos são 1), depois 1 é adicionado à column, tornando column < = row = FALSE, o programa sai do loop interno e pula uma linha, adicionando 1 à row e tornando novamente column (2) <= row(2) = TRUE, por causa disso o programa irá liberar mais um * na linha debaixo e depois disso irá adicionar +1 à column e tornar olumn(3) <= row(2) = FALSE, fazendo com que saia do loop interno e vá para o loop externo.

Com esse pensamento eu estou imaginando que irá se formar uma fileira vertical de * já que column está apenas -1 que row, sempre, quando esse -1 deixa de existir com o incremento do loop interno, uma linha é adicionada pelo loop externo, dessa forma, não chega nem a formar o padrão.

2

Primeiro vamos organizar o código para ficar fácil entender:

int main(void) {
    int row;
    int column;
    for (row = 1; row <= 7; row++) {
        for (column = 1; column <= row; column++)
            printf("*");
        printf("\n");
    }

Talvez por não estar indentado corretamente deu a entender outra coisa.

Podemos simplificar declarando a variável no próprio laço:

int main(void) {
    for (int row = 1; row <= 7; row++) {
        for (int column = 1; column <= row; column++)
            printf("*"); //isso pertence ao for interno
        printf("\n"); //isso já é só do for externo
    }
    printf("\n");
}

E sim, o bloco de comando não precisam de chave se ele for composto de apenas um comando (statement). Um statement pode estar em uma linha, pode não ter linha própria, ou ter várias linhas (ele só termina com o ; ou outra forma que indica o seu fim, como o fechamento de chave, por exemplo. Veja outra forma:

int main(void) {
    for (int row = 1; row <= 7; row++) {
        for (int column = 1; column <= row; column++) printf("*"); //for interno
        printf("\n"); //isso já é só do for externo
    } //está encerrando o statement do for externo
    printf("\n");
}

É horrível, mas isto funciona também:

int 
main
(void) {
    for (
        int row = 1;
        row <= 7;
        row++) {
            for (int column = 1;
                column <= row;
                column++)
                    printf("*"); //isso pertence ao for interno
            printf("\n"); //isso já é só do for externo
    }
    printf
    ("\n")
    ;
}

Ou pior ainda:

int 
main
(void) {
for (
int row 
= 1;
row <=
 7;
row++
) {
for (int column = 1;
column <= row;
column
++)
printf("*"); //isso pertence ao for interno
printf("\n"); //isso já é só do for externo
}
printf
("\n")
;
}

Há quem goste de fazer isto. Eu não gosto, gera confusão, uma manutenção pode criar um bug facilmente se o programador for descuidado. É fácil deixar o statement "manco", principalmente quando o bloco passar ter mais de uma "linha" durante a manutenção. Sem a chave, só uma "linha" faz parte do bloco.

Eu prefiro de forma mais clara, mas é a mesma coisa. Acho que lendo assim, ficará claro de cara:

int main(void) {
    for (int row = 1; row <= 7; row++) {
        for (int column = 1; column <= row; column++) {
            printf("*");
        }
        printf("\n");
    }
    printf("\n");
}

Por fim, eu começaria do 0. Não precisa, mas muita coisa vai começar do 0, acostume-se.

#include<stdio.h>

int main(void) {
    //na primeira passada declara e atribui valor 0 para row
    for (int row = 0; row < 7; row++) { //em cada passada incrementa row e testa se é menor que 7
        //faz o mesmo aqui, vai entrar e ficar até a condição ficar falsa
        for (int column = 0; column < row; column++) { //o segredo é que cada entrada aqui row está um número maior
            printf("*");
        } //quando sair do laço vai executar a linha abaixo
        printf("\n");
    } //e vai tentar repetir o laço
    printf("\n");
}

Veja funcionando igual ao seu no ideone e no Coding Ground.

Faça um teste de mesa.

A sua explicação está difícil de entender, então nem vou comentar sobre ela.

Leia O que acontece se eu não especificar os { }?. É outra linguagem, mas vale igual.

  • Programa inicia. column < row = FALSE, programa pula uma linha, à row é adicionado 1. column < row = TRUE, programa libera () como print, à column é adiconado 1, column < row = FALSE, programa pula uma linha, à row é adicionado 1. column (1) < row (2) = TRUE, programa libera () como print, 1 é adicionado à column tornando column < row = FALSE, programa pula mais uma linha, row é adicionado mais 1. Percebeu o problema da forma que estou enxergando? dessa forma o column será sempre um valor a mais que o row e se isso for dessa forma até agora ficaria * * * – Vitor Matos 15/12/16 às 1:53
  • dentro do () é para ser * e os dois ultimos * * * é na vertical – Vitor Matos 15/12/16 às 1:53
  • CARA! tava quebrando a cabeça aqui, mas acho que talvez seja essa o motivo de eu não estar entendendo: o valor de column depois de incrementado em +1 dentro do loop até que a condição seja falsa é, depois de sair do loop, resetado né? – Vitor Matos 15/12/16 às 2:53
  • 2
    Me desculpe, mas é muito difícil entender as coisas que você escreve, é quase cifrado, parece que você quer resumir tanto que come pedaços importantes. Talvez isso ocorra também com o seu entendimento. O que você descreveu não faz o menor sentido, tanto que eu não sei nem por onde começar para dizer o que está errado. – Maniero 15/12/16 às 9:06
  • Acho que descobri onde eu tava errando. Eu pensava que o valor incrementado à variavél column era salvo dentro do loop, e por isso não daria certo. Mas o código funciona justamente pq quando eu saio do loop interno e vou para o externo o valor de column volta a ser 0. de qualquer forma você me ajudou pq me mostrou um código mais arrumado e tirou duvidas em relação ao uso do FOR, além de dar dicas de teste. Obrigado. – Vitor Matos 15/12/16 às 23:28

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.